PMDB também decide ir ao STF contra Dilma

Ainda há pouco, o ministro Gilmar Mendes declarou que o fatiamento da votação foi bizarro, opinião parecida com a do ministro Celso de Melo, que avisou: "São normas conexas (cassação do mandato e dos direitos políticos), continuadas. Uma não existe sem a outra. Imagine-se não cassar a presidente e no entanto cassar seus direitos políticos, invertendo a ordem do que aconteceu na quarta-feira ?

O PMDB decidiu esta noite que também protocolará mandado de segurança junto ao STF para anular o fatiamento da votação do impeachment de Dilma Roussef.

Agora já são 6 os Partidos que querem anular a preservação dos direitos políticos da ex-presidente:   DEM, PV, PSDB,PPS, Solidariedade e PMDB

15 comentários:

Anônimo disse...

O STF tem obrigação de compor conflitos !

No caso do Impeachment, criou conflitos !

Quem vai resolver esse imbroglio ?!!!

Anônimo disse...

Políbio,

O Senador Ronaldo Caiado falou exatamente isso ontem.

É realmente uma aberração o que tem acontecido no Brasil com o consentimento de certos ministros do Supremo.

Fora, Lewandowski!

PS: O pior é que teve gente que estava acreditando nesse ministro petralha.

Marcos Cavalcante

CaioB disse...

O que a sociedade brasileira podia esperar do levandoovisque, o filho da vizinha, recrutado na via gastronômica da polenta com frango de S. B. do Campo?
Com um ato característico de um teleguiado fácil jogou na lata do lixo a Constituição do Brasil, levando a insegurança jurídica ao extremo, fazendo vingar a vergonha a todas as pessoas de bem, não só do Brasil, mas do mundo civilizado.
Fez bem a cara da esquerda, cujos juízes representam a farsa de ocasião.
Como farsante quis jogar a responsabilidade para os políticos do Senado, muito bem sabendo como é a natureza, o trabalho e o procedimento dos polítícos.
Levandinho, você traiu a Magistratura, você traiu o Brasil, você traiu os brasileiros, traiu a confiança de todos como Guardião da Constituição.
Muitos acreditaram em você. Hoje sou capaz de apostar nem os cachorros em você acreditam.
O dia em que você acordar da traição cometida como Guardião da Constituição será tarde. Só lhe peço uma coisa, em sua tentativa de fuga não chegue ao extremo de atentar contra a própria vida, pois aí será aumentar a sua própria desgraça.

Ismael Façanha disse...

O Senado agiu discricionariamente na questão do impeachment da Dilma, na forma da lei, mas violaram a lei da lógica impondo arbitrariamente o tal fatiamento. A Dilma restou absolvida e condenada ao mesmo tempo, num paradoxo insolúvel.

Anônimo disse...

Enquanto os heróis da nação forem políticos profissionais ou profissionais do direito, nada substancial mudará!

Anônimo disse...

Boa! Tem meu apoio!

Anônimo disse...

http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/politica/noticia/2016/09/estrategia-de-fatiar-processo-foi-desenhada-por-tres-semanas-a-pedido-de-dilma-7363679.html

Anônimo disse...

Ataque comunista em Porto Alegre:

https://ataqueaberto.blogspot.com.br/2016/09/urgente-marginais-petistas-acabam-de.html

Anônimo disse...

É bom o stf arrumar logo essa presepada, e aquela outra que se avizinha referente a condenação em segunda instancia,o povo nao aguenta mais tanta canalhice.

Anônimo disse...

Políbio,

Notícias importantes para seu blog informar bem seus leitores:

Nossa eleição ( possível fraude, smartmatic, Toffoli, escândalos prévios e perda de popularidade e ainda eleita ) e impeachment agora por 75 % dos parlamentares. No Infowar, Alex Jones hoje. Primeiros 5 min.
https://www.youtube.com/watch?v=ca16pFnj57M

ATENÇÃO :

Baixada a poeira, percebam que a segunda votação Dilma perdeu também.
Entrem no STF e o segundo resultado é derrota para Dilma. Por favor analisem o seguinte:

As proposições da 2º votação deveriam ser : SIM para quem concordasse com a proposição do senador Randolf e NÃO para quem discordasse dela e 2/3 do Senado deveria aprovar.

Sendo assim, a ex-presidenta esta com os direitos CASSADOS, pois não teve um mínimo de 54 votos!

A proposta do senador que criou a segunda votação era favorável à ex-presidente e recebeu apenas 36 votos, enquanto precisava de 54!

Houve malandragem de Lewandowski e ninguém notou ainda. Ela foi derrotada também na segunda votação.

Anônimo disse...

Amanhã as 9 da manhã todos na frente da FDRH do lado do praia de bellas, defendendo a fundação e a democracia e fora PMDB Sartori.

Anônimo disse...

Políbio,

Não há país no mundo que consiga crescer e desenvolver-se com tamanha "esculhambação" jurídica.

A prévia do PIB já deu o alarme para os "otimistas".

JulioK

luzdkwanyin.blogspot.com disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Fatiaram Constituição sem Constituinte, fatiaram o Cargo do Presidente do Supremo,
logo, é POSSÍVEL FATIAR o LEWANDOWSKI!

frederico menezes disse...

Afinal a constituica e' ou nao para ser cumprida, caro polibio? Que exemplo estao dando para o cidadao...por que so' o cidadao debe se submeter a ela e juizes e políticos, nao?