Governo já tem votos para aprovar redução das RPVs na sessão de hoje da Assembléia

O governo Sartori insistirá com a votação do projeto que reduz os valores das RPVs, Requisições de Pequeno Valor, um tipo de precatório cujo pagamento deve ser feito de imediato, sob pena de saque direto nas contas do governo. 

As contas do Pieratini permitem supor que desta vez o projeto será aprovado.

Afundado em déficit de proporções oceânicas, o governo precisa conter despesas de qualquer maneira, já que elas continuam crescendo geometricamente na Folha, tudo em função de aumentos demagógicos, irreais, populistas e irresponsáveis concedidos pelo governo Tarso, que resolveu avançar até mesmo sobre o caixa dos dois governos seguintes, o de Sartori e aquele que o sucederá. 

Na sessão de terça-feira da semana passada, faltou quorum para a votação. Da base do governo, estiveram ausentes. Os que faltaram:

PMDB, Ibsen Pinheiro.
PP, Frederico Antunes e Adolfo Brito
PDT, Juliana Brizola, Marlon Santos e Ênio Bacci
PSDB, Jorge Pozzobom

PSB, Elton Weber

Nesta terça o governo espera que nenhum deles falte, embora não conte com todos os votos dos que se ausentaram na semana passada. Os casos mais renitentes são os de Frederico Antunes, Juliana Brizola, Ênio Bacci e Jorge Pozzobom, mas mesmo em alguns destes casos, não sairão votos contrários, mas ausências no momento da votação. 

2 comentários:

Anônimo disse...

O editor já publicou 3 vezes essa notícia, será que hj vai? Ou será mais uma das inúmeras e incontáveis barrigadas do editor?
Coloque sua opinião abaixo:

Anônimo disse...

Barrigada parte V