Leia, aqui, texto integral de Gilmar Mendes sobre contas eleitorais de Dilma

Esta tarde, Mendes, TSE, multou Dilma em R$ 25 mil, relativamente a propaganda eleitoral antecipada que ela fez em junho do ano passado. Dias Toffoli pediu vistas e arreglou. - 


CLIQUE AQUI para examinar o conteúdo completo do despacho do ministro Gilmar Mendes, mandando o Ministério Público Eleitoral e a Polícia Federal investigarem as contas de Dilma Roussef, relativas à campanha eleitoral do ano passado.

Você não vai encontrar este texto integral em outro local.

4 comentários:

Anônimo disse...

Dá-lhe Gilmarzão, mete o pau na criminosa!
...“a investigação policial apurou que empreiteiras corrompiam agentes públicos para firmar contratos com a Petrobras, mediante fraude à licitação e formação de cartel. Parte da propina voltaria ao PT em forma de doações contabilizadas à legenda e às campanhas eleitorais. Outra parte seria entregue em dinheiro ao tesoureiro do partido. Uma terceira financiaria a agremiação por meio de doações indiretas ocultas, especialmente por meio de publicidade”.

IMPEACHMENT E CADEIA PARA ESSE MULHER, URGENTE!

Anônimo disse...

Tem Toffoli no TSE para dizer que Gilmar Mendes entendeu mal. A presidente já ganhou mais quinze dias para explicar as contas.

Anônimo disse...

Mandioca na mulher sapiens - é disso que ela precisa mais!

Anônimo disse...

Nassif enfrenta Gilmar. Ou, como trocar Arnaldo abor por Marin Luther King.....

Por Fernando Brito · 28/08/2015

A atitude do jornalista Luís Nassif de processar o Ministro Gilmar Mendes pelas afirmações de que as atividades do blogs são uma gazua para obter dinheiro do Governo mereceu aplausos bem mais talentosos que os meus no artigo de Paulo Nogueira, no Diário do Centro do Mundo (Por que Nassif faz bem em processar um ministro do Supremo).

Por isso, prefiro chamar a atenção para duas coisas que vão além do sentimento de honra e de dignidade do jornalista e se projetam para a esfera pública.

Se houver (e a esperança é a última que morre)- juiz com coragem cívica de aceitar aquilo que seria obvio – a sanção a alguém que, sem provas ou razões usa a toga para acusar alguém de ser “profissional da chantagem, da locupletação financiado por dinheiro público, meu, seu e nosso!”- o país terá avançado um passo imenso na direção de pôr fim à impunidade dos poderosos e dos autoritários....