Em 4 dias, quase 10% da tropa da BM pede aposentadoria no RS

Nos últimos 4 dias, 1.500 brigadianos pediram aposentadoria. O bolo corresponde a quase 10% da tropa.  O número é equivalente ao total de PMs que fizeram o mesmo durante todo o ano passado.

É reação ao projeto do governo que acaba com aposentadorias precoces e cria a previdência complementar.

16 comentários:

Anônimo disse...

Na real serão 1016. Inclusive 17 soldados que pediram pra ir embora trabalhar na iniciativa privada pois o governo trancou as transferências. Uma turma que se forma são em media são 40, cerca de 25% de cada turma estão saindo da BM, uma o parco salário pelo risco que corre e outra por causa das transferências que foram canceladas.

Anônimo disse...

E esta bosta de assembléia que deveria fazer uma lei que só pode se aposentar depois de ser reposto o funcionário. Ou seja sai um entram dois. Daqui uns anos não vai ter mais policia. Quando morre um deputado não assume o próximo?
Alias quantos brigadianos tem na AL fazendo segurança para a catrefa?

Joel

Anônimo disse...

O que esta bosta de AL temos que não faze uma lei que só se aposenta depois de repor o brigadiano e ou policial. Sai um entram dois. Daqui um pouco não vai ter mais nenhum policial. Quando morre um deputado não entra o próximo? Alias quantos brigadianos tem na AL para segurança da catrefa?

Joel

Anônimo disse...

OS BRIGADIANOS ESTÃO MAL INFORMADOS, POIS O PLANO DE APOSENTADORIA E PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR SERÃO SOMENTE PARA OS NOVOS CONTRATADOS. OS QUE ESTÃO PEDINDO APOSENTADORIA, INFELIZMENTE, PODERÃO ESTA DANDO UM PASSO ERRADO EM SUAS VIDAS, POIS O MERCADO DE TRABALHO ESTÁ EM BAIXA, ONDE ELES IRÃO CONSEGUIR TRABALHO? DEVEM REFLETIR MUITO BEM!

Ricardo disse...

O problema gaúcho é sério. Temos corporações fortíssimas que "tomaram" o estado. Não acho que o governador esteja à altura da necessidade atual. Ele, em breve, será "engolido" por estas corporações.....

Anônimo disse...

Bem feito para os bigadianos, votaram em peso no tiririca da serra, do PMDB, porque acharam que o reajuste escalonado aprovado no governo Tarso, do PT éra pouco. Agora, nem o reajuste vão receber.

Anônimo disse...

Bem feito para os bigadianos, votaram em peso no tiririca da serra, do PMDB, porque acharam que o reajuste escalonado aprovado no governo Tarso, do PT éra pouco. Agora, nem o reajuste vão receber.

Anônimo disse...

NÃO VEJA MAL ALGUM. SE A PESSOA JÁ PODE SE APOSENTAR, E O QUISER, SEM PROBLEMA, É UM DIREITO DELA. SE CAUSAR PROBLEMAS PARA POLICIAMENTO É FALTA DE GESTÃO.

Anônimo disse...

Pra quem gargantiava que BM é descartável ...engulam...Um governo que não valorizava um agente da segurança e considera atraso salarial como solução pra crise financeira ...tá aí s resposta...a culpa é de quem agora? Do Tarso?kkkkk
gestão é pra quem sabe...
Tem muitos concursados da área da segurança aguardando nomeação ...acho que tapa essefuro...mas o.governador quer aprovar essa previdência austera antes...
mais uns gaúchos de bem pra morrerem pra então esse piadista tomar atitude de homem

Anônimo disse...

Tá aí as medidas austeras do sartorao da massa...

Anônimo disse...

Não tem nada de coitado dos bm... vão receber sem trabalhar...quem perde é a população ...o estado inerte deve repor com os concursados que aguardam nomeação ...a maioria já tinha há tempo tempo de serviço ...estava na ativa por “amor“ a profissão ...que me desculpem os mercenários que só pensam no salário...agora querem segurança peçam na tumelero...ou pro tiririca

Anônimo disse...

Colegas policiais:Não pensem 2 vezes, se tem tempo para aposentar-se o façam. Se há uma área onde não faltam empregos é a nossa, graças à incompetência dos gestores públicos. Já estou aposentado há três anos, e nesse tempo estou trabalhando em 2 locais. Estou c... e andando para o Sartori e qualquer outro que vier. Só me arrependo de não ter me aposentado antes, e ter deixado de depender exclusivamente destes políticos incompetentes!

Anônimo disse...

Há poucos dias, ouvi um comentário de um jornalista da rádio Guaíba, que nosso estado tem 475 coronéis da BM aposentados e apenas 20 na ativa.
Até onde eu sei, nosso estado tem 50% a mais de funcionários inativos do que ativos.
Só tem uma saída, o governo acabar de bancar estes inativos, criando fundos de pensão privado.
O INSS paga a parte que lhe compete(até 10 salários referencia), e o restante, viria de uma previdência privada (para quem contribuiu, obviamente).
Funciona assim na iniciativa privada, porque tem que ser diferente para os funcionários públicos?
Sartori esta certo, tem que reduzir gastos para o estado voltar investir.

Anônimo disse...

A mamata vai acabar, por isso eles estão debandando ... Não adiantou nada acreditarem nas promessas do pequeno pavão (Tarso). O anão intelectual, por seu turno, está usufruindo de uma gorda pensão ilegal e vitalícia. É o defensor dos trabalhadores ... hahahahahahahahaha!!!

Anônimo disse...

É diferente pq servidor público não tem FGTS nem teto para a contribuição previdenciária. Mas concordo contigo q deviam obrigar a fazer previdência privada pra complementar, tal como é na iniciativa privada ou mesmo na União.

Leandro Arona disse...

O que esperar de brigadianos que não sabem onde fica a delegacia mais próxima? Segurança pública é ficção com essa gurizada de apartamento fazendo concurso para a Brigada Militar e a Polícia Civil.

“Elite da Tropa” e “Como Nascem Os Monstros” (Rodrigo Nogueira) são dois livros que demonstram bem a farsa que é a atuação das polícias no Brasil. Se é para termos segurança, com esses policiais que estão entrando agora, é melhor entregar para uma empresa privada como a Gold