MPF pede cadeia e confisco nas alegações finais de nova ação penal contra Lula

CLIQUE AQUI para conhecer a íntegra dos crimes e das provas que existem contra Lula (apenas para este caso).

Esta ação é a terceira, depois dos casos do Triplex do Guarujá e do Sítio de Atibaia.

Ao lado, ilustração que é obra de bY Surface3D, leitor do Rio, e mostra a esquizofrênica atitude dos lulopetistas em relação à prisão do líder.

O MPF do Paraná apresentou, hoje, as alegações finais na ação penal envolvendo o Instituto Lula e um apartamento em São Bernardo do Campo. Os procuradores pedem a condenação de Lula, seu advogado Roberto Teixeira, o ex-ministro Antonio Palocci, Marcelo Odebrecht e outras quatro pessoas envolvidas, informa Bruna Narcizo na Folha.
E não só a condenação:

- O MPF também pede que seja decretado o perdimento do apartamento 121, vizinho ao dúplex onde Lula mora em São Bernardo, e o pagamento de R$ 75 milhões – valor correspondente ao total da porcentagem da propina paga pelo Grupo Odebrecht, segundo as investigações.

Os procuradores da Lava Jato pedem “a determinação de regime fechado para o cumprimento inicial das penas para Lula, Antonio Palocci, Branislav Kontic, Marcelo Odebrecht, Paulo Ricardo Baqueiro de Melo, Demerval de Souza Gusmão Filho, Glauco da Costamarques e Roberto Teixeira”.

23 comentários:

Anônimo disse...

Devagar e no tempo e prazos legais o processo está andando. O problema é com os ministros PTs do STF que libertam contrariando a decisão do Plenário.

Anônimo disse...

ATENÇÃO! VOCÊ QUE ESTÁ PENSANDO EM ANULAR O VOTO, VOTAR EM BRANCO OU NÃO COMPARECER ÀS URNAS! PEÇO QUE VOCÊ COMPARE AGORA, NÃO A SUA VIDA, MAS A VIDA DE SEUS FILHOS, NETOS, IRMÃOS, PAIS, SOBRINHOS, AVÓS... COMPARE ESSAS VIDAS COM A VIDA DOS FILHOS DO LULA! A DELAÇÃO DE MARCOS VALÉRIO PROVA PORQUE NENHUMA EMISSORA DE TV FEZ, ATÉ HOJE, UMA REPORTAGEM INVESTIGATIVA SOBRE A VIDA DELES. É QUE, COM O GOVERNO DO PT, A MÍDIA TRADICIONAL SE DEU BEM ($$$)! MENOS VOCÊ E SEUS PARENTES!!! BOLSONARO 17 NO PRIMEIRO TURNO!! OU VOCÊ QUER A VOLTA DO PT AO GOVERNO?

Anônimo disse...

Moro tem 15 dias para explicar ao CNJ quebra de sigilo da delação de Palocci

4 out 2018 - DCM

A Corregedoria Nacional de Justiça determinou que o juiz federal, Sergio Moro, responsável pela Lava Jato no Paraná, apresente em 15 dias explicações sobre a divulgação de trecho delação premiada do ex-ministro Antonio Palocci às vésperas da eleição.

A decisão é do corregedor do Conselho Nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, que analisa representação apresentada pelos deputados federais do PT Paulo Pimental (RS), Wadih Damous (RS) e Paulo Teixeira (SP), que defendem a punição do magistrado.

Após receber as informações de Moro, o corregedor vai decidir sobre o pedido de liminar de afastamento do juiz. O caso corre em sigilo no CNJ.

Em seu despacho, Moro justificou que divulgou este trecho da colaboração porque esse material faz referência a ação penal do ex-presidente Lula que está na fase final para sentença. “Necessário, portanto, instruir esta ação penal com elementos da colaboração, especificamente com cópia do acordo, da decisão de homologação e do depoimento pertinente a estes autos. A medida também é necessária para a ampla defesa dos coacusados. Dos depoimentos prestados por Antônio Palocci Filho no acordo, o termo de colaboração nº 1 diz respeito ao conteúdo do presente feito. Examinando o seu conteúdo, não vislumbro riscos às investigações em outorgar-lhe publicidade”, argumentou.

Deputados do PT afirmam que houve uma tentativa de interferir nas eleições. “Distanciando-se do interesse público e visando exclusivamente contemplar interesses de sua notável predisposição, o representado disponibilizou conteúdo de uma delação sem provas poucos dias antes do pleito, com direcionamento partidário explícito, para atender aos interesses de criminalização de determinados indivíduos e da vida pessoal e política de certos investigados, sob o descompromisso com a preservação da legalidade e dos pressupostos do Estado Democrático de Direito, cujos valores é de sua obrigação funcional e ética preservar”, afirmam os petistas.

(…)

Anônimo disse...

Roubaram pouco os canalhas petralhas, bem ? Acho que deveriam investigar seus familiares que enriqueceram da noite pro dia.

Anônimo disse...

Bolsonaro destinou somente 0,3% do valor de suas emendas à segurança pública

4 out 2018 - DCM

Reportagem de Rubens Valente na Folha de S.Paulo informa que nos últimos quatro anos, Jair Bolsonaro (PSL-RJ) destinou como deputado federal só 0,3% do valor de suas emendas parlamentares ao Orçamento da União para a segurança pública, um dos temas mais frequentes no seu discurso de campanha.

“Segurança, saúde e educação são nossas prioridades. Tolerância zero com o crime, com a corrupção e com os privilégios”, afirma o programa de governo do presidenciável registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), de acordo com a publicação.

Dados obtidos pela Folha por meio da Lei de Acesso à Informação no Ministério do Planejamento revelam que, de janeiro de 2015 a agosto de 2018, Bolsonaro autorizou 103 emendas, no total de R$ 61 milhões. Desse montante, apenas R$ 200 mil foram destinados à segurança pública, uma ajuda para a Guarda Municipal da Prefeitura de Resende (RJ). Autorizado em 2018, o recurso não havia sido empenhado nem pago até agosto, completa o jornal.

Anônimo disse...

Políbio, meu querido, seu blog está repleto de propagandas do Wadih Damous! Desratiza isso, por favor!

Anônimo disse...

A três dias das eleições, esse pessoal desse partido direitista conservador não desiste mesmo..........

Anônimo disse...

A julgar pelo andar da carruagem a condenação em primeiro grau sai ainda na sexta-feira, antes do JN para ser "inserida" no debate, certo?

Anônimo disse...

Tem que pegar o lula e enfiar no rabo de quem ainda vota nesta quadrilha de assaltantes. Se aqui tivesse lei o PT seria dissolvido e toda a quadrilha com prisão perpétua.

Anônimo disse...

Tão jogando pesado! Mas não vamos nos intimidar, domingo é 13 de ponta a ponta! É 13 Neles!

Anônimo disse...

Bolsonaro cassa candidatura própria para favorecer Ratinho no Paraná:

4 out 2018 - Blog do Esmael Morais

A coligação que sustenta a candidatura de Jair Bolsonaro no Paraná — PSL-PTC-PATRI — cassou a candidatura própria do jornalista Ogier Buchi (PSL) ao governo do estado. Tal manobra visa ajudar no esforço de eleger Ratinho Junior (PSD) no 1º turno ao Palácio do Iguaçu.

O apresentador Ratinho, do SBT, publicou há 10 dias um vídeo nas redes sociais anunciando apoio à candidatura de Bolsonaro. Em contrapartida, por óbvio, o candidato do PSL [Ogier Buchi] seria retirado da disputa para resolver a eleição do filho do apresentador já no 1º turno.

A troca de apoios mútuos — Ratinho apoia Bolsonaro e Bolsonaro apoia Ratinho — fez uma vítima: Alvaro Dias (Podemos) que tinha recebido de Ratão no início da campanha.

O ministro Jorge Mussi, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), acatou o pedido de cassação da candidatura própria de Ogier Buchi (coligação PSL-PTC-PATRI).

Segundo tracking das principais campanhas do Paraná, faltam três pontos para a eleição ao governo do estado fechar já no domingo.

Anônimo disse...

Jornais do mundo alertam para risco Bolsonaro:

04/10/2018 - Jornal GGN - Jornais pelo mundo dão o grito de alerta não escutado por setores brasileiros. Na Alemanha, que já se viu às voltas com o problema, jornais tratam o candidato do PSL de fascista a demagogo do deserto, e são unânimes em afirmar que nossa democracia está em risco. Argentina, África do Sul, Áustria, Australia, Chile, Espanha, Estados Unidos, França, Holanda, Índia, Itália, México, Moçambique, Peru, Portugal, Polônia, Qatar, Reino Unido e Suíça estampam o risco em manchetes de jornais. O Brasil fechará os olhos ao perigo? (...):

ALEMANHA: ZEIT: Um Fascista Se Apresentando Como Homem Honesto; Der Spiegel: Jair Bolsonaro - ascensão de um populista de direita; Frankfurter Allgemeine: Alerta vermelho para democracia; Sueddeutsche: O demagogo do deserto é de repente uma nova estrela política no Brasil; Deutsche Welle: Analistas alemães veem democracia no Brasil em risco; Handelsblatt: O fascista popular (...)

ARGENTINA: La Nacion: Linha dura e Messianismo: Bolsonaro, o candidato mais temido, se lança para a presidência; El Clarín: Jair Bolsonaro: militarista, xenófobo e favorito para a eleição brasileira (...)
AUSTRALIA: News.Au: Seria este é o político mais repulsivo do mundo?
Pensando que Donald Trump é ruim? Conheça o possível presidente brasileiro cujas crenças repulsivas chocaram o mundo; The Australian Conheça o Candidato que é um risco a democracia; (...)
ESPANHA: El País: Bolsonaro é um Pinochet institutional para o Brasil; El Mundo: Lider Polemico. Bolsonaro: o candidato racista, homofóbico e machista do brasil; La Vanguardia: Bolsonaro: o Candidato Ultradireitista que canalizou a insatisfacao no Brasil; El Confidencial: Jair Bolsonaro: o “Le Pen tropical” que pode ser o próximo presidente do Brasil.

ESTADOS UNIDOS: Revista Time: Jair Bolsonaro ama Trump, odeia pessoas gays e admira autocratas. Ele poderia ser o próximo presidente do Brasil; Fox News: Um olhar sobre os comentários ofensivos do candidato brasileiro Bolsonaro; HuffingtonPos: Jair Bolsonaro e o violento caos das eleições presidenciais no Brasil; Washington Post: Um político parecido com Trump no Brasil poderia ter o apoio de um poderoso grupo religioso: os evangélicos; The New York Times: Brasil flerta com um retorno aos dias sombrios; Financial Times: O "trágico destino" brasileiro de uma rebelião antidemocrática surge novamente: A raiva pública contra uma elite corrupta poderia precipitar outra revolta

FRANÇA: Le Figaro: Brasil nas garras da tentação autoritária; Le Monde por Rádio França Internacional RFI; Trump tropical, homofóbico e machista; Liberation: No Brasil, um ex-soldado para liquidar a democracia (...)
ÍNDIA: India Express: Deixe a polícia matar criminosos, diz o candidato presidencial do Brasil, Jair Bolsonaro
ITÁLIA: La Republica: Bolsonaro, líder xenófobo e anti-gay que dá o assalto à Presidência do Brasil; Corriere della Sierra: Um pesadelo chamado Bolsonaro
MÉXICO: La Jornada: Bolsonaro: O candidato Imprevisível; Milenio: Bolsonaro, o Neofascista que seduz o Brasil; El Universal: Militar de ultra-direita: um voto pelo passado? (...)
PORTUGAL: O Público: Bolsonaro, o jagunço à porta do Planalto; Diário de Notícias: Jair Bolsonaro é perigo real no Brasil e segue passos de Adolf Hitler (...)
QATAR (MUNDO ÁRABE): Al Jazeera: Milhares de Mulheres protestam contra Bolsonaro

REINO UNIDO: The Economist (CAPA): A mais nova Ameaça na América Latina; The Times: Jair Bolsonaro, populista "perigoso" promete tornar o Brasil seguro; The Guardian: Trump dos trópicos: o candidato 'perigoso' que lidera a corrida presidencial do Brasil Dezenas de milhares dizem “ele não” ao principal candidato do Brasil; The Economist: Brasília, nós temos um problema: O perigo representado por Jair Bolsonaro (...)

Anônimo disse...

Constituinte neles, senão teremos um golpismo permanente.

Anônimo disse...

Boca de Urna do MPF/PR?

Anônimo disse...

Antes do Juiz Moro, agora o MPF fazendo boca de urna três dias antes das eleições?

Anônimo disse...

A J A R A R A C A .
Elle disse que a jararaca estava mais viva do que nunca! Os brasileiros sabem disso e vão esmagar a cabeça da jararaca no domingo (07/outubro). Vão bater na cabeça da jararaca com uma madeira de lei chamada BOLSONARO 17.

Anônimo disse...

Nunca desistir.#17 no primeiro turno

Anônimo disse...

O PT gostaria muito de ter 11 lewandowskis no STF, Teori mostrou ter vergonha na cara, foi eliminado pelo "acaso" para assumir mais alguém da turma.

Anônimo disse...

Aplausos, muitos aplausos, ao valoroso e laborioso MPF do Paraná.
Vem aí, mais bolivariânus na cadeia.
E que nenhum juiz faça elucubrações jurídicas para soltar esses canalhas por superlotação das celas.

Anônimo disse...

Dia 07 todos no 17!

Anônimo disse...

Se o judiciário for rigoroso, esse criminoso vai passar os últimos dias de vida na cadeia. E não podem fazer igual ao Fujimori dando perdão por que ficou velinho ou ao Maluf que prende e solta. Lei é lei, se foi punido corretamente então cumpra a pena toda. Essa história de idade, saúde e etc para fugir da cadeia é hipocrisia. Na hora de roubar até com 70 e 80 anos não sentem um pingo de dor. Mas é só ser pego que ficam doentes e se fazem de coitados.

Que cumpra todas as penas até o fim. Pior é o povo que é refém dessa escória que sempre atrasou a vida de todos e muitos perdem até a vida pelo descaso com saúde, segurança pública, acidentes de carro em estradas horríveis, desastres por falta de defesa civil bem feia, crises financeiras causadas por administrações péssimas. Esses políticos tem que começar a serem punidos pelos seus erros e crimes. A sociedade já é punida há muito tempo.

Anônimo disse...

Quem começou com a politização das decisões judiciais não foi o Moro, mas sim o PT que resolveu que quem decide sobre o presidiário é o povo com seu voto e não a Justiça. Agora aguenta!

Anônimo disse...

Artur Nogueira diz:
Bloqueie os ratos petistas por aqui. Não tem , nem nunca terão argumentos, jumentos doutrinados.