General da ativa Luiz Eduardo Baptista Pereira assumirá a Secretaria de Governo

O general Carlos Alberto dos Santos Cruz, demitido ontem da Secretaria de Governo pelo presidente Jair Bolsonaro por influência do filósofo Olavo de Carvalho, será substituído pelo general Luiz Eduardo Baptista Pereira (foto).

Atual comandante militar do Sudeste, Batista Pereira é amigo de Bolsonaro desde a escola de cadetes, nos anos 70, e um dos poucos que têm liberdade para aconselhar o presidente.

Assim como outros militares que integram o governo, o general também serviu na missão de paz do Haiti.

13 comentários:

Anônimo disse...

Quando esse país vai começar a andar para frente?

Anônimo disse...

Demitido por pressão de alguém? Que análise mais pobre. Melhor seria enumerar as ações do demitido que eram contrárias ao pensamento e promessas de campanha do presidente. Preguiça ou má fé?

Anônimo disse...

Gen Santos Cruz defendeu leis para regular internet, contra promessas de campanha de Bolsonaro, torpedeava nomeações do Presidente e controlava verbas publicitárias a seu bel-prazer. E o "charlatão" é Olavo??

Roger disse...

Charlatão é o próprio Políbio. Até hoje não corrigiu a informação de que o professor Olavo ofendeu o Villas Boas. Na verdade, Olavo se referia ao general Paulo Chagas.

Anônimo disse...

Prezado Políbio

Pare de fazer fofoca. Não fica bem para homens provectos como nós.

O Gen. Santos Cruz não foi demitido por influência do charlatão filósofo Olavo de Carvalho. Vc sabe muito bem que o general era um colaborador estreito de globalistas e vendedores de frango para a zona arábica e chinesa.

O governo vai ficar melhor.

Saiu o Bebbiano e a coisa melhorou, saiu o injustiçado "colombiano" Ricardo Velez e a coisa melhorou e agora sai o protetor de gente do tipo de Ilona Szabó, Gen. Santos Cruz e o governo vai melhorar ainda mais. É só esperar pra ver. Ainda tem melancias para despachar pra bem longe.

Queremos que nossas escolhas feitas em outubro de 2018 sejam respeitadas, especialmente pelos protetores de comunas e sino-islâmicos. O povâo deixou bem claro o que deseja. Não ao poder paralelo de militares dissimulados. Se quiserem, vão governar junto com Jair Messias Bolsonaro. Não vão conseguir governar contra o Brasil.

Sds

Anônimo disse...

Políbio, pare com estas demonstrações de ciúme e inferioridade.

Eu, Vc e Olavo de Carvalho já passamos dos setenta. Mantenha a serenidade.

Queiramos ou não, Olavo de Carvalho, o charlatão, ainda é o maior intelectual do Brasil.

Faça a pergunta para os jovens brasileiros a respeito de OC. Não nos interessa mais a opinião dos controladores das redações da mídia brasileira tradicional.

Anônimo disse...

Não entendo o editor.
A poucos dias publica artigo de (nas suas palavras) importante blog político de Brasília sobre vazamento da reunião mantida por Onyx Lorenzoni, nas palavras do próprio jornalista que fazia as acusações isso deveria "custar a cabeça" d general Santos Cruz e quando ela rola a influência é do Olavo? A culpa não seria justamente das atitudes que têm o general longe dos holofotes?

Anônimo disse...

Eu li direito? O blogueiro disse que o bolsonaro foi influenciado pelo charlatao olavo? Vou ler novamente para acreditar.

Anônimo disse...

Olavo de Carvalho FILÓSOFO "CHARLATÃO"??? Bom, se ele é charlatão, só acredita em charlatanismos pessoas com alta ignorância, desprovidas de minima inteligência para fazer avaliações sobre o que ocorre no Brasil. Nestas condições, se encontram boa parte dos eleitores o Bolsonaro. Do outro lado, temos os que o acham um charlatão, incluindo os militares, quase todos com formação cultural zero para enfrentar uma guerra ideológica contra o comunismo, tanto é que apanharam dos comunistas culturalmente desde 1964 para cá e ainda nem descobriram o motivo. Para gáudio e felicidade dos comunistas, neste assunto cultural esta somatória de ignorância mais arrogância dos militares brasileiros tende a continuar e é a situação ideal para eles, que torcem para que continue tudo como dantes no quartel de Abrantes!

Anônimo disse...

Polibio, o general Cruz é um melancia.
Boucotava o governo.
Tinha que sair.
Não têm nada de OCarvalho.
É questão de bom senso.
Nós, eleitores, queríamos isto.

Joel Robinson disse...

O PT tema eminencia parda o Zé Dircue.
Mas o Bolsonaro tem o Olavo de Carvalho, o terra planista. Pobre Brasil, Mas não era decantado em prosa e versa o tal de PIt Bull??

Adilio Faustini disse...

Tem competência para o cargo.

Anônimo disse...


A derradeira análise da obra de Olavo de Carvalho, para nunca ter de lê-lo:

https://epoca.globo.com/a-derradeira-analise-da-obra-de-olavo-de-carvalho-para-nunca-ter-de-le-lo-23556545

https://epoca.globo.com/a-derradeira-analise-da-obra-de-olavo-de-carvalho-para-nunca-ter-de-le-lo-parte-2-23572494

https://epoca.globo.com/a-derradeira-analise-da-obra-de-olavo-de-carvalho-para-nunca-ter-de-le-lo-parte-final-23590069