Itaú, Bradesco, BB, Caixa e Santander dominam 84,8% do crédito bancário do Brasil

Os cinco maiores conglomerados bancários do país - Itaú-Unibanco, Bradesco, Banco do Brasil, a Caixa Econômica e o Santander - fecharam o ano de 2018 com 84,8% do mercado de crédito e com 83,8% dos depósitos totais.

Os dados são do relatório de Estabilidade Financeira do BC. CLIQUE AQUI para ler a íntegra do relatório.

Segundo o Banco Central, houve pequena queda em relação à concentração bancária registrada no fechamento de 2017, quando essas instituições financeiras detinham 85,8% de todas as operações de crédito e 85% dos depósitos bancários.

10 comentários:

Anônimo disse...

O oligopólio financeiro ferra com o País e com o brasileiro!

O crédito é caro, as exigências e contrapartidas exigidas são absurdas e o lucro dos bancos é absurdamente criminoso!

Anônimo disse...

O lema é, financie um bem e pague três.

Anônimo disse...

Ninguém dá publicidade à nova lei da Liberdade Econômica, editada recentemente pelo governo?

Anônimo disse...

Que novidade!

Primeiramente vemos dois bancos privados! Que receberam perdão de impostos devidos ao governo pelo temeroso que o blogueiro apoiava falado melhor com ele que o pt [E não foi meia dúzia de trocados foi na casa do bilhão] e foram os que mais lucraram na lista dos privados antes, durante e depois da crise até o momento!

Depois 2 bancos: um de economia mista e outro público [se não me falha memoria] Lucraram absurdamente também!

Seguindo a ordem um outro privado que também ganham benesses do governo do temeroso sobre impostos devidos!

Ontem demitiram o Villa que meteu o pau no governo PT [Qee fez exatamente como os outros partidos fizeram conchavos e outras coisas piores]!

Que todos apoiaram, mas, quando começou a falar do mito muito antes dele ser candidato e após sua eleição mexeu os pauzinhos para a Jovem PAn demitir ele pra não perder patrocínio do governo que só gasta com o Canal do Cara que é auto proclamado Rei Salomão naquele templo que ainda vai ter muita história pra contar! E o dono do baú que tinha um banco "panamericanus" que foi comprado quebrado porque o marido de uma filha meteu a mão sem dó no dinheiro!

Mas, coo estava falando o Villa agora foi ruim com o mito e perdeu o trabalho ali !

Antes falavam que ele tinha enorme saber falando do PT, mas, agora falou do mito e do laranjal dos rebentos dele, dai não podia falar!

Chamando de doente , louco, comunista, e outras coisas!

Alaor disse...

Vila nao foi demitido (ainda) está afastado por trinta dias.

Anônimo disse...

Vende o Banrisul que concentra ainda mais na mão desses aí, idiotas.

jean alencar disse...

Herança do fabiano FHC.
Fabianos tem como símbolos a tartaruga - devagar e sempres em seu casco protetor - e o lobo em pelo de cordeiro, para ferrar com os que creêm em Deus.
FHC continua sendo o representante do Diálogo Interamericano - a ala mais comunista do Partido Democrático dos EUA e que é um dos agentes da Nova Ordem Mundial - formada por cultuadores de um ser descrito na Bíblia e desejosos de dominar o mundo.
O passo de concentrar a condição financeira já está em plena ação no Brasil. Basta conferir.

Anônimo disse...

Tá na hora . Não de privatizar bancos públicos mas de DESMEMNRAR OS GIGANTES CONGCONGLOMERADOS.

Anônimo disse...

E o trabalhador é todo dominado pelos Bancos. Para eles somente o lucro. Lula disse certa vez “ Que os Bancos nunca ganharam tanto dinheiro como no governo dele ”. Se eles ganharam tanto, então alguém perdeu muito. E como sempre quem perde é o trabalhador.

Anônimo disse...

eu fui correntista do BB por anos e alguns no bradesco
assim como o BB e bradesco, estes outros 2 bancos são tão medíocres quanto
não te dão nenhum benefício
não te oferecem nada para investir a não ser o tradicional
te cobram por tudo e muito

eu estou no nubank
eu só ganho
não pago nada
nenhuma tarifa
e o jrs da poupança é melhor do que a maioria dos outros bancos


estamos na era da ruptura
aquilo que foi "bom" para nossos pais e avós não valem nada quase nada hoje