Opinião do editor - Sartori precisa estar atento ao que ocorre nos Fundos de Pensão

Os já aposentados e os recém demitidos pela atual direção da CEEE,  que estão iniciando a sua aposentadoria na Eletroceee, e os empregados na ativa, temem novos prejuízos para a Fundação Eletroceee. Curiosamente, o governo Sartori, que pertence ao PMDB, parece não estar atento ao que pretende Michel Temer, também do PMDB, no sentido de moralizar e profissionalizar os fundos de pensão. Poderá ocorrer na Eletroceee os desastres que o sindicalismo provocou nos fundos de pensão de empresas federais. Assim sendo, o governo Sartori, por razões estranhas e inaceitáveis, está indo na contra mão do que prega o governo federal.

24 comentários:

Anônimo disse...

Valeu Polibio.

Anônimo disse...

Estatal apaga o Estado...

Anônimo disse...

Paulo de Tarso que é tucano vai colocar bola nas costas do Sartori que é pmdb. Os investidores internacionais vão olhar com lupa essa falta de seriedade do rs. Entao se resolverem investir no Brasil vão evitar o RS. Sem contar que esse gesto absurdo de um auxiliar do Sartori poderá prejudicar o Brasil.
Espera-se que o MP, a PF e o MPF evitem que a Eletroceee venha a ser quebrada por Barbedo e seu time.
Ai tem muito pixuleco para ser dividido mais adiante. E os aposentados que se ralem. Contribuíram por 35 anos e vão chupar o dedo

Anônimo disse...

http://epoca.globo.com/vida/noticia/2016/06/os-falsos-doentes-de-r-95-milhoes.html

boa reportagem da revista época. PF e MP devem investigar também se 'doentes indicados', não são internados em hospitais municipais.

Em épocas de 'tudo fora da casinha' também é possível isso acontecer.

Anônimo disse...

Perfeita sua análise Polibio! Sartori tem que saber que será responsável por qualquer indicação desse tipo, ou seja, a Previc também tem uma instrução que vale a partir desse mês que veda e responsabiliza quem designar gestor que não tenha vida ilibada!

Anônimo disse...

Polibio tu és um gênio ! Os eletricitários vão entregar os 200 colegas demitidos, a Distribuidora para os paulistas da CPFL que vão tirar os empregos deles e em troca o Sindicato deles, o Senergisul só quer a indicação do Grippa, Pedron, Barbedo, que eles votem no Jorge Bastos!! Por que será hemmmm? Será porque a Eletroceee é uma mina de ouro que se presta para desvios de recursos para campanhas eleitorais ou talvez pessoais?? Ou o Grippa dessa vez jura não fazer gestão temerária ???
Chama a polícia !!

Anônimo disse...

Acho que o Ministério Público deve enquadrar em primeiro lugar todos, inclusive , me perdoe o Sr governador, mas se ele está de acordo com as indicações , como formação de quadrilha , porque Paulo de Tarso, Grippa, Barbedo, Pedron, Jorge Bastos, Canallis, juntos? Équadrilha!

Anônimo disse...

Com certeza, enquanto o Temer tenta moralizar o serviço público , blindando os fundos de pensão com uma lei que impede que pessoas que não são do ramo, que não tenham certificação da Previc, que não tenham vida ilibada sejam impedidas de assumir Fundações pelo país para não , piorar a situação que o PT deixou de rombo nos fundos de pensão , no RS, o governo Sartori faz exatamente o contrário , chama o que há de pior , os aproveitadores de plantão para achacarem nossas Fundações?? Que é isso?

Anônimo disse...

Esses pilantras não tem vergonha na cara.
O único jeito é um grupo de pessoas ligadas a Eletroceee ir até a Polícia Federal e ao Ministério Público e denunciar o que está acontecendo e também citar o nome do governador Sartori , que deve estar bancando essa barbaridade toda!
Isso aqui não é , como eles querem , um estado sem lei, onde tudo pode, tem que se recorrer às instituições com homens e mulheres sérias , o judiciário!

Anônimo disse...

Barbedo fez e aconteceu dentro da Ceee, mandava e desmandava . Dentro do Senergisul idem, conseguiu quebrar o sindicato mais rico do RS, não contente quebrou o plano de saúde que recebeu do governo Britto quando da privatização da Distribuicao . Agora, sem fonte de renda, quer a Eletroceee !!! Grippa é seu irmão de lutas, ambos estão cobrando do PMDB dívidas de campanha ! Sartori quer entregar a Eletroceee como pagamento de campanha ! Isso é justo???
Não! Isso é roubo!

Anônimo disse...

O editor deveria estar preocupado é com o caos dos descontos dos empréstimos do 13º. O editor fica escandalizado com as pensões, mas com a falta de adimplemento de um direito básico (inclusive dos celetistas privados) que é o 13º, o editor silencia.
Queria ver se fosse na iniciativa privada esse atraso com 13º salário... aliás, se querem deveres iguais (servidor público=servidor privado), que também sejam iguais os direitos, inclusive o de greve na segurança pública.

Anônimo disse...

O mais triste de tudo Polibio é que se imaginava que correndo com o Tarso e os PTralhas estaríamos livre desses pilantras . Que nada, veja o que está acontecendo na Ceee que o Paulo de Tarso demitiu gente que ajudou na transição do governo Sartori e manteve nos cargos os amiguinhos do Carrion!
Outra, o que ele está fazendo com a Eletroceee , entregando para o grupo do Barbedo, é de uma canalhismo fora da imaginação de qualquer vivente .
Que desgosto tchê !

Anônimo disse...

Ô vivente, o editor tem mais de dois neurônios , o que parece não ser teu caso, portanto, ele pode se preocupar com mais de um assunto, ao contrário do vivente aí que só tem o Tico e o Teco e só se interessa pelo seu problema !

Fernando disse...

Acho que não existe dificuldade nenhuma em provar se esta turma está milionária lícita ou ilícitamente. Cadê os orgãos competentes que tanto gostam de enquadrar trabalhadores nas malhas do IR?

Anônimo disse...

Tanto o Governador,quanto os Diretores que se preparem, eles acabaram de cavar o próprio túmulo. Aguardem. Por falar nisso o que fizeram com aqueles mais de 6 Exp. Internos abertos a respeito de desvio de materiais e superfaturamento nos Almoxarifados de Canoas. E agora nomearam uma funcionária que liberou duas carretas de Transformadores novos para uma empresa terceirizada sem nota, está com um Exp. Interno aberto e foi colocada de chefe do Almoxarifado.

Anônimo disse...

Polibio, guarde bem estas informações que estão sendo colocadas. Depois tanto o Presidente quanto os Diretores não poderão alegar desconhecimento ou que não foram alterados. É como as demissões, fizeram por conta e risco agora segurem a onda.

Anônimo disse...

Prezado Polibio, guarde bem estas postagens. Depois o Presidente , Diretores e Governador não poderão alegar desconhecimento dos fatos. O mesmo aconteceu nas demissões ,fizeram por conta e risco agora quem irá pagar a fatura?

Anônimo disse...

Prezado Polibio, guarde bem estas postagens. Depois o Presidente , Diretores e Governador não poderão alegar desconhecimento dos fatos. O mesmo aconteceu nas demissões ,fizeram por conta e risco agora quem irá pagar a fatura?

Anônimo disse...

Falando nisso o que fizeram com os documentos que provam o envolvimento de funcionários e terceirizados em desvio de materiais dos Almoxarifados na gestão passada? Até o DEIC foi acionado várias vezes, o jurídico encaminhou para responsabilizar os envolvidos e o Presidente Engavetou. Mais de 7R$ milhões de prejuízo.

Anônimo disse...

Tem razão o editor.Recursos dos fundos de pensão tem servido para o crescimento de economias de países desenvolvidos. Jamais podem estar sob a gerência de amadores e muito menso nas mãos de um time que quebrou um poderoso sindicato e quebrou um plano de saúde.
Paulo de Tarso foi do PDT no governo Collares quando Paulo de Tarso também era do PDT.
Mas em tempos de lava Jato, de juiz Sérgio Moro de PF etc é bom que Sartori fique bem atento. Se o governador não demitir Paulo de Tarso vai se arrepender amargamente mais adiante, pois está em andamento uma maracutaia pesada na Eletroceee. Isso será muito ruim para a imagem do RS perante os investidores internacionais.
Depois Sartori fará no RS cópia do péssimo exemplo de Lula/Dilma com os fundos de pensão federais.
Que decepção está sendo o governo Sartori!

Anônimo disse...

Polibio. Acho que precisamos lincar esta tua informação com outra, extremamente importante, em que referes ao aditivo do deputado Marcus Pestana, PMDB de Minas, relator do projeto de lei complementar 268/2016, que propõe o aperfeiçoamento das regras de govenrnança dos fundos de pensão patrocinados pelos governos federal, estaduais e municipais, tanto da administração direta, quanto da indireta. Votado e aprovado o substitutivo, coisas como as que pretende o Senhor Paulo de Tarso com a conivência do Governador Sartori, não poderão prosperar. Na verdade, nem mesmo este senhor poderá manter-se no cargo de Presidente de uma empresa técnica como a CEEE. Chega de amadorismo, politicagem e compadrio. Se queremos um pais sério, comecemos extirpando esses males. Isso nem é política, e politicagem......

Anônimo disse...

Polibio: parabéns pela opinião. A maioria dos gaúchos votou no Sartori e agora se sentem enganados. Ele deixou colocarem um despreparado em matéria de setor elétrico na ceee. E esse despreparado, mas barbas do Sartori, está colocando Barbedo e seu time de quinta categoria para quebrar a fundação Eletroceee.
Em tempos de lava jato e juiz Sérgio Moro essa maracutaia em marcha não vai terminar bem.
Fundos de pensão precisam ser geridos profissionalmente e nunca por amadores ou por quadrilhas.

Anônimo disse...

Judiciário com homens e mulheres sérias??? Kkkkkkk. Melhor piada do ano. Auxílio moradia retroativo mandou lembranças ao seu comentário.

Anônimo disse...

Entendendo melhor. Essa gente só Senergisul além de ter indicação pra eletroceee tb quer concorrer às eleições. Mas tá tudo invertido. Ele não vai levar meu voto. Cambada de safados que quebraram o sindicato é o plano de saúde. Na fundação vocês não vão meter o bico.