Tuminha diz em Goiás que topa acareação com Lula sobre denúncias do livro Assassinato de Reputações

Tuma Jr. disse nesta quinta-feira em Goiânia,  em entrevista na rádio Mil FM, que se for preciso fica cara a cara com Lula numa espécie de acareação. O assunto veio à tona porque o ex-presidente é aguardado aqui em Goiânia no dia 25 deste mês. Tuminha foi a Goiás para lançar seu livro Assassinato de Reputações.

. Os apresentadores Jerônimo Rodrigues e Ivan Mendonça perguntaram se Tuminha topava um bate papo com Lula. O ex-secretário Nacional de Justiça não afinou e disse que não vê problema em encarar seu ex-chefe.

. No livro bomba Assassinato de Reputações, Tuma revelou que Lula foi alcaguete do Dops durante a ditadura militar e denunciou que o governo Lula mantinha uma central de produção de dossiês falsos. E uma das vítimas foi o governador Marconi Perillo.

9 comentários:

jaco do morro belo disse...

O Lula vai dizer que nunca viu o Tuminha na frente

Anônimo disse...

Tuminha: "Se me encherem o saco, saio candidato":

Ex-secretário nacional de Justiça está em Goiânia para lançar seu polêmico livro "Assassinato de Reputações"; Tuma Júnior continua a atacar Lula e diz que ex-presidente é capaz de abraçar o capeta para tirar o governador Marconi Perillo da vida pública; Tuminha, que é filiado ao PTC, afirmou que não tem pretensões de ser candidato, mas é ficha limpa e pode mudar de opinião se for provocado; "Sou ficha limpa e nunca fui processado. Posso ser candidato sim"; o filho de Romeu Tuma ainda fez outra revelação sobre Lula; "Meu pai se encontrava secretamente com o Lula no ABC. Mas isso é fato novo, vou falar no outro livro"

O ex-secretário nacional de Justiça, Romeu Tuma Jr., está em Goiânia para lançar o seu polêmico livro "Assassinato de Reputações", onde faz ataques pesados ao governo Lula e ao ex-presidente da República.

Tuma está sendo ciceroneado pelo presidente estadual do PSDB goiano, Paulo de Jesus, e a noite de autógrafos acontece nesta quinta-feira, a partir das 19h, no shopping Bougainville. Hoje pela manhã, acompanhado de Paulinho de Jesus, Tuminha esteve no programa Falando Francamente, da Rádio Mil FM, e continuou a fazer ataques contra Lula.

O filho de Romeu Tuma afirmou que o petista nutre ódio pelo governador Marconi Perillo (PSDB) porque o tucano avisou Lula da existência do mensalão, antes mesmo de o escândalo estourar, em 2005. "Lula é capaz de abraçar o capeta para ver Marconi fora da vida pública", disse.

O ex-aliado do governo federal também disse que o envolvimento de Perillo nas investigações da CPI do Cachoeira, em 2012, foi uma continuidade da ação que começou com a suposta fabricação do dossiê falso contra o tucano, episódio que Tuminha relata em seu livro.

Este ano é de disputa eleitoral e Tuminha aproveitou para mandar um recado para Lula. "Se me encherem o saco demais, eu saio candidato. Sou ficha limpa e nunca fui processado. Posso ser candidato sim", disse Tuma, que é filiado ao PTC. Ele negou ter sofrido alguma ameaça em consequência da publicação do livro.

PS: tá explicado pq Tuma JR que notoriedade, ou seja, confronto direto com lula e pq lula deixa ele falando sozinho.

Anônimo disse...

Ótima ideia a acareação, mas será que o Barba sabe de alguma coisa ?
Ou também foram os aloprados os alcaguetes ?

Anônimo disse...

Que botem o ex safado mor em peitar com o Tuminha. Quero ver as defesas dos direitos humanos atacar fácilmente, como sempre fazem desviando do assunto e respondendo o que querem falar e não em respondendo ao questionamento.

Anônimo disse...

Boa oportunidade para "elle" rebater tudo o que diz o escritor a seu respeito! Quem não deve não teme! Vai lá "presidentro"!!

Anônimo disse...

pena que o Barba vai fugir da raia...

Anônimo disse...

Ai, ai, ai...

E agora LULADRÃO???!!!

Anônimo disse...

Bahhhhhhhhhhh, e agora sgarbi, a máscara do teu chefe vai cair... o que tu, como fiel vassalo, vai fazer ???

Anônimo disse...

Lula não tem tempo para debater com elemento que foi CC de 4o Escalão do governo, exonerado por falcatrua com a Mafia Chineza, segundo reportagem da VEJA, Folha de SP e JN. Nesse momento Lula está debatendo coisas do mundo com o ex-presidente Bill Clinton, gente, do seu nível.