Ministro diz que não tem dinheiro para dragar o canal de acesso ao porto de S. José do Norte, RS

O ministro da Infraestrutura, TGFarcísio de Freitas, avisou que não sairá a drenagem dos 400 metros do acesso ao canal do porto de São José do Norte, RS.

O ministro alega que não tem os R$ 15 milhões necessários.

Sem calado de 12 metros (hoje o calado está em 10,5 metros) não passam plataformas de petróleo para montagem.

E ?

9 comentários:

Anônimo disse...

Simples: separa do brazil aí consegue 60 bilhões a mais por ano, não 15 MILHÕES:

https://www.youtube.com/watch?v=50aC1hczesw

Demorou pra separar.

Anônimo disse...

Veja caro amigo, todo este serviço era realizado pelo antigo Deprc, depois SPH, o estado dava dinheiro só para o combustível, o metro cubico dragado custava no máximo três dólares, ai desmantelaram o parque de dragagem, e hoje o serviço é todo terceirizado, e custa 10 vezes mais, é bom ter saudades do que funcionava muito bem.

Anônimo disse...

A dragagem precisa ser permanente em um Porto que tem a importância do de Rio Grande para a economia de todo o estado e para as exportações do RS. Absurdo um Ministério nacional não ter apenas 15 milhões para um serviço de dragagem que vai render muito mais do que isto para a economia do estado e do País.

Anônimo disse...

Se o país não tem 12 milhões para fazer esta dragagem então feche este país e anexe ao Uruguai

Anônimo disse...

Concordo, bons tempos do PT.

Anônimo disse...

Desde quando o metro de dragagem custa R$ 37.500,00? Será que é feito à mão?

Anônimo disse...

coloca o pessoal que retira areia, eles ja dragam e ainda vendem a areia gerando recursos

Anônimo disse...

certamente esta historia esta mau contada

Anônimo disse...

Polibio, este assunto fedorento ainda? com certeza ai tem, kkkkk