Cai pouco a taxa de desemprego no primeiro trimestre deste ano

A taxa de desemprego recuou de 13,1% na média dos três meses encerrado em março do ano passado para 12,7% nos três meses finalizados em março deste ano. Assim, os recentes resultados sugerem que o mercado de trabalho segue uma trajetória bastante lenta e gradual de recuperação.

O resultado veio ligeiramente abaixo do esperado pelo mercado (12,9%). 

O movimento refletiu, principalmente, o avanço interanual de 1,8% da população ocupada, enquanto a população economicamente ativa (PEA) cresceu 1,3%.

Com relação à composição de empregos, o nível de ocupados no setor privado com carteira assinada avançou. No que tange à renda habitual real, foi registrada elevação interanual de 1,4%, reforçando o cenário de ausência de pressões salariais.

Um comentário:

Anônimo disse...

só o pau mandando pra dizer que caiu!!!! Quer enganar quer?