PGR quer que Onyx seja julgado no RS pelo seu caso de Caixa 2

Ao lado, Onyx com Bolsonaro.

A Procuradoria Geral da República insistiu, ontem, para que a Justiça Eleitoral do RS julgue o ministro Onyx Lorenzoni pelo suposto crime cometido ao receber da JBS as quantias não contabilizadas de R$ 100 mil, em 2012, e R$ 200 mil, em 2014, quando o atual ministro concorria ao cargo de deputado federal. Onyx admitiu em entrevista a uma emissora de rádio ter recebido R$ 100 mil e pediu desculpas. Ele quer ser julgado pelo STF.

Para a PGR, crimes "exclusivamente eleitorais", praticados ainda durante o mandato parlamentar para fins de reeleição não têm relação direta com o exercício do mandato. Por isso, defende a Procuradoria, Marco Aurélio deveria negar  recurso de Onyx contra a transferência do caso para a Justiça Eleitoral do RS.

Há duas semanas, o STF decidiu que este tipo de crime deve ser julgado pela Justiça Eleitoral.

12 comentários:

Anônimo disse...

Faça o que eu digo não faça o que eu faço, todos canalhas.

Anônimo disse...

Perto dos outros 100, 200 mil é um cafezinho.Irrisório.Mas lei é lei.Em outros países pode ser 50 mil como 10 milhões.Eles não admitem falcatruas pelos políticos.Na China é pena de morte direta pelo governo quando um do partido rouba 20, 40 mil dólares.Apenas isso e ele passa desta pra melhor.Teve muitos casos.

Anônimo disse...

Tem que pedir demissão para dar bom exemplo.

Anônimo disse...

Se a JBS deu todo esse dinheiro, a justiça tem que descubrir o que Onyx deu em troca, em que ele favoreceu a JBS?

Anônimo disse...

Por isso a JBS deve 2,39 BILHÕES somente para a previdência, com esses deputados todos comprados, quem é que vai cobrar?

Anônimo disse...

No início achei que o ônix estava indo bem. Extinguindo cargos, etc. Mas agora....Onix apoiou Nhonho e Alcolumbre. Os dois SABOTADORES maiores desse governo!

Anônimo disse...

No início achei que o ônix estava indo bem. Extinguindo cargos, etc. Mas agora....Onix apoiou Nhonho e Alcolumbre. Os dois SABOTADORES maiores desse governo!

Anônimo disse...

Por isso a JBS deve bilhões a previdência e ninguém cobra. O congresso foi comprado por eles.

Anônimo disse...

Mais um motivo para os militares não engolirem o Onix, que avalizou Rodrigo Maia e Alcolumbre do DEM no congresso e agora não sabe como contornar a crise criada pelos dois. Está na hora de dar esse cargo da casa civil para o PSL.

Anônimo disse...

nos ultimos 15 dias Polibio subiu o tom contra o Onyx . o informante ta indo bem.

ZAPELINO B disse...

O Ônix transformou-se num Ônus!

Anônimo disse...

PROVOCAÇÕES DE BOLSONARO À FRANÇA PODEM CAUSAR GELO NAS RELAÇÕES


Antes ou depois de assumir a presidência, Jair Bolsonaro não hesitou em multiplicar as críticas diretas à França e a fazer ameaças, como a de sair do Acordo de Paris, posturas que causam desconforto na diplomacia e podem acabar em prejuízos comerciais; “As empresas francesas são as maiores empregadoras estrangeiras do Brasil, mais do que empresas americanas ou alemãs”, lembra o economista Thomás de Barros

27 DE MARÇO DE 2019 ÀS 15:26