Inflação do IGP-M de outubro foi de apenas 0,20%

O IGP-M subiu 0,20% em outubro, de acordo com os dados divulgados há pouco pela FGV, abaixo da nossa projeção (0,28%) e da mediana das expectativas do mercado (0,30%). O recuo em relação a setembro, quando o índice avançou 0,47%, foi explicado pela desaceleração dos preços de produtos industriais no atacado, que passaram de uma alta de 1,0% para uma deflação de 0,03% nessa divulgação, refletindo a queda do preço do minério de ferro. 

IPA - Em contrapartida, o IPA agropecuário passou de uma deflação de 0,04% para uma alta de 0,76% neste mês. 
IPC - O IPC, por sua vez, subiu 0,28% no período, após mostrar queda de 0,09% no mês passado. 
INCC -O INCC, divulgado na última quinta-feira, passou de uma elevação de 0,14% para outra de 0,19%. 
IGP-M - Com esse resultado, o IGP-M acumulou deflação de 1,40% nos últimos doze meses, ante recuo de 1,44% na leitura anterior.

Um comentário:

Anônimo disse...

Que recessão, hem???