Governo leiloará imóveis ociosos e, com os recursos, pretende investir em presídios

O governo gaúcho espera arrecadar recursos suficientes para investir na construção de presídios com o leilão de imóveis públicos ociosos marcado para o próximo dia 7.

Pela estimativa da Secretaria de Modernização Administrativa, o estado possui cerca de 8 mil imóveis em condição de serem negociados.

Neste primeiro leilão, serão ofertados 12 imóveis, com valores entre R$ 59 mil e R$ 4,2 milhões. O maior, um terreno no centro de Esteio, tem 1,8 mil metros quadrados.

10 comentários:

Anônimo disse...

O povo sem saúde, segurança e educação, tem que admitir tamanha incompetência na gestão do patrimônio imobiliário público. É UM ABSURDO INACEITÁVEL !

Unknown disse...

Bom sinal... até recentemente os governos(três poderes) só investiam em suntuosos palácios!!!

Anônimo disse...

Ok, mas e aquele projeto de trocar a FDRH por um presídio? como ficou isso? já começaram a desmontar essa fundação sem finalidade, parece que tudo esta como era, ou seja empregados ociosos e muito recursos público jogado fora.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

A piada do dia!

Anônimo disse...

Acho ótimo. Não é no Rio Grande do Sul que os presos estão dentro de carros e ônibus em frente a delegacias? Mais presídios devem ser construídos.

Anônimo disse...

Esta notícia faz 20 anos que é repetida.

Anônimo disse...

Medida acertada. Acabar com fundações sem utilidade(muitas), vender imóveis inservíveis e investir em penitenciárias, afinal o brasileiro tem o direito de sair às ruas sem ser molestado .