STF suspende sessão que não cassou mandato do deputado Donadon

O ministro do STF, Luís Roberto Barros, atendeu parcialmente um pedido feito pelo líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP), e suspendeu os efeitos da sessão que manteve o mandato do deputado Natan Donadon (ex-PMDB-RO) até que o plenário do STF se manifeste sobre o caso.

A decisão, contudo, não implica a perda automática do mandato do deputado, que, de acordo com Barroso, deve ser processada pela Mesa Diretora da Câmara.

4 comentários:

Nélio disse...

Coerência não é o forte de Barroso, o pavão misterioso. Vide o julgamento de Ivo Cassol.

Anônimo disse...

Eu não ví esse oba oba quando o cocaleiro enfiou a mão grande em nossa Petrobrás,prendeu os corinthianos e revistou o avião do Ministro da Defesa do Brasil com cães farejadores,talvez a procura de pó branco, ou para quê cachorros farejadores?

elias disse...

Achei perfeita a votação da cãmara.É um legitimo representante de seus pares. Aliás, todos são espelhados nele! Parabéns a demonstração democrática de todas suas excias!!!!

Anônimo disse...

Nesse angu temperado pelo Barroso tem caroço.