Sartori quer arrecadar mais R$ 2 bilhões com aumento do ICMS.

Olívio Dutra e Yeda tentaram aumentar o ICMS, mas foram barrados na Assembléia, mas Rigotto conseguiu emplacar o aumento, que foi provisório. O governo acha que arrecadará mais R$ 2 bilhões em 2016. O aumento só vigorará no ano que vem. -

O governador José Ivo Sartori já teria sido convencido pelos seus técnicos e assessores mais próximos, que não dá para esperar mais pelo aumento do ICMS.

A proposta poderá ser enviada na reabertura dos trabalhos legislativos, em agosto.]

PDT e PP já avisaram que votarão contra seu próprio governo. 

A idéia é de que o mal, se tiver que ser feito, ocorra no primeiro ano, logo no início do governo.
Na secretaria da Fazenda, vazaram estes termos da proposta que Sartori poderá fazer:]

- Elevação da alíquota básica do ICMS de 17% para 18%
- Aumento das alíquotas, de 25% para 30% da gasolina, do álcool, das telecomunicações, da energia elétrica comercial e residencial acima de 50 KW
 - Criação de um fundo de combate à pobreza, com cobrança de um adicional de dois pontos percentuais, até 2025, sobre fumo, TV por assinatura (que hoje é de 12%), bebidas alcoólicas e cosméticos.


O governo espera arrecadar R$ 2 bilhões com o aumento dos impostos.

20 comentários:

Anônimo disse...

BEM TEMOS UNS MESES PARA DECIDIR SE FICAMOS POR AQUI, OU NÃO.
EMPRESÁRIOS TAMBÉM DEVEM REPENSAR, OU FAZER CÁLCULOS E REDUZIR PRODUÇÃO PARA FINANCEIRAMENTE PAGAR MENOS ICMS PARA COMPENSAR O AUMENTO.

É TRISTE, MAS DEVE SER FEITO. NADA DE AUMENTAR A ARRECADAÇÃO, POIS NÃO SERÁ INVESTIDO EM PROL DA POPULAÇÃO.

Anônimo disse...

Espero que não passe pela Assembléia. Vamos ficar de olho. Novamente penalizar a população pelo resultado de governos perdulários . Cortem na própria carne. Cortem todas mordomias, CCs, cortem os altos salários e mandem os apaniguados cobrar a diferença na justiça. Idem para pensões de ex governadores. Mas nos deixem fora. Já é o suficiente convivermos com inflação e ainda querem mais......João a m.

Anônimo disse...

Nem sei de quanto será o aumento mas eu quero mais.
Este é o projeto que os eleitores gaúchos escolheram.
A caracteristica do PMDB é aumentar impostos quando aparece o primeiro aperto, todos sabem, mesmo assim democraticamente escolheram eles.
Agora com o apoio do PDT e PP vai ficar mais fácil.

Anônimo disse...

Isto é sem-vergonhice do Sartori, o governo tem é que cortar os seus gastos, como CCS, VIAGENS, MORDOMIAS, COBRAR OS DEVEDORES, PRIVATIZAR o Banrisul, Ceasa, Corsan, Corag, CEEE.
Chega de só "METER NO DO POVO", só no nosso é Sartori?
BASTA!

NEWTON disse...

Sartori não esqueça, tu estas governando o Rio Grande do Sul, então antes de negociar o aumento de impostos com a assembleia (que não cheira e não fede e pateticamente só se AUTOBAJULA), negocie com a RBS, pois INFELIZMENTE é ela que controla as mentes e corações dos gaúchos.

Anônimo disse...

Aumento de impostos. Não foi isso que ele disse antes de se eleger. Como é fácil fazer caridade com o dinheiro dos outros. Corte os cargos em comissão que sobra dinheiro.

Anônimo disse...

CHEGA. A população tem se revoltar....dar uma basta.

Anônimo disse...

Tava na cara que fariam isso, e com toda razão,nao entendo pq demaoraram tanto,talvez fazia parte do plano.
Esta conta tem que ser enviada a gauchada, a mais politizada do Brasil,que deve pagar pelo custo do tamanho de estado que elegeu nas urnas ao longo do tempo.
Enfia a mao no bolsomda gauchada,eles estão contigo e te apoiam, e com mais grana,poderas aumentar ainda mais o tamanho do estado bem como dos benefícios para ativos e inativos dos 3 poderes pois é tudo que a gauchada pede nas urnas.
Sartori so não comete a besteira de privatizar porque se fizeres isso a gauchada vai te colocar pra correr.

Anônimo disse...

temos de penalizar a população que são os contribuintes eleitores,eles tem que pagar pelo custo da tamanho de estado que escolheram nas urnas ao longo dos anos,sao os únicos responsáveis,e duvido que aprendam a votar melhor,para ter um estado mais enxuto e com isso poderem pagar menos impostos.

Anônimo disse...

Impostos não, tem muita coisa para cortar , CCs, a inútil fundação para o "Desenvolvimeto de recursos humanos" (fdrh) entre outras. Sartori faça o dever de casa, se não vai perder todo o apoio da sociedade que não aguenta mais pagar impostos e bancar nulidades

Anônimo disse...

Quando estes gestores, que não são gestores, vão começar a resolver as causas dos problemas e não tentar apagar incêndios? Demitam 100% dos CC's e reduzam os salários ao teto. Fiscalizem o comércio onde há muita venda sem nota fiscal.
Com estas medidas não será preciso apoio das coligações para governar. O povo dará apoio.

Anônimo disse...

Arrecadar tudo isto só se for em cima do PÃO/LEITE/ARROZ/FEIJÃO e CARNE.

Anônimo disse...

O mais sensato é Sartori se livrar das empresas (CEEE, Banrisul, ETC) reduzir quadro de servidores, cortar custo e NÃO ferrar o gaúcho que não tomou nenhuma decisão para formar esse caos. Sartori deveria também ver com a situação lei para acabar com as pensões vitalícias de ex governadores.

Lucaspsb disse...

Está na hora dos gaúchos pagarem o pato pelo Estado gigante que a RBS quer, de preferência com CC's fazendo ponte. Gostaria de um aumento de 50% em todos os impostos no RS, mas só para petistas, psolistas, pcdebistas e demais partidecos de esquerda, assim poderão ser abertos novos concursos e eles poderão entrar, pagando o devido preço pelos privilégios e pelo Estado grande. Estou sentindo cheiro de Grécia aqui. Quem viver, verá.

Anônimo disse...

Nessas horas quero saber onde está a grande muda (FIERGS). Outra, me parece que o vice é ex-presidente da FEDERASUL, não é? E estão fazendo o que contra esta ideia destrambelhada???? Gringo, o caminho pro RS é o de REDUZIR impostos, tem ficar mais competitivo produzir aqui, gerar mais tributos na escala não na mesquinharia.... ou tu estas querendo enxotar mais gauchos / empresas pra fora do estado (já são mais 1 milhão de conterraneos gerando riqueza em outros estados). Sartori vamos desenhar ti: 1)manda pra casa todos esses CCs inuteis, 2) Se não tem comprador, dá de presente estes sumidouros de dinheiro publico como Corag, CRM, CESA, UERGS (pra nós é lucro acabar com essa sangria que é o contencioso trabalhistas destas organizações inuteis, que na verdade são APENAS fabricas de indenizações trabalhistas indevidas e ancoradouros pra comunista mamador); 3) Bota gente competente em posições de liderança na administração, não da pra ter um Mano Changes como Diretor do Banrisul (é piada...), 4) Faz como o Colombo de SC, tem que ser agressivo em atrair investimentos (te manda pro Japao, Alemanha, EUA pra divulgar o Estado). No resto, foca em saude, segurança, educação basica e infraestrutura e deixa que os colonos e os gringos trabalhem em paz!!! Ai o RS vai bem obrigado!!!

Anônimo disse...

O Editor deveria conversar com o Presidente do TCE RS Cezar Miola que aponta para sonegaçao de ICMS um dos motivos para quebradeira do estado diz tambem que mais de 100 municipios do RS nem sequer possuiem fiscais da fazenda e que a LDO vai diminuir ainda masis o trabalho do TCE.Guerra aos sonegadores eis a soluçao.

Anônimo disse...

Enquanto a Fazenda e o TCE dizem que o caminho do Estado eh aumentar a arrecadacao por meio de fiacalizacao e nao sonegacao de tributos, o gringo vai pela contramao! Ele nao sabe administrar, acha que o Estado vai pagar essa conta. O Estado ja esta perdendo investimento por falta do basico, infraestrtura, seguranca...agora mais essa..tsc tsc

Anônimo disse...

Dalhe GRINGOOOOOO!!!!!!!!! Pode vir que já abaixei as calça!!!

Anônimo disse...

CS Botaram esse GRINGO lá!!! Agora aguenta o ferro!!!! "Meu partido é o rio grande!". Que piada!!!

Anônimo disse...

Tanto é que ele c preocupou em garantir o deles primeiro! Viva o Gringo!!!! Viva a RBS! Soberana!! Universal!