Na favela da Maré, crianças jogam copos d'água no carro de Dilma

Na favela da Maré, crianças impediram o discurso de Dilma e depois atiraram copos d'água no seu carro. 
VOCÊ pode ler a notícia completa e ouvir o noticiário do Jornal Nacional sobre o assunto. No JN, as cenas do ataque com copos d'água foram suprimidas, mas constam do texto. Também sites como Terra, embora numa primeira versão tenham se referido ao ataque com água, suprimiram as referências logo em seguida. CLIQUE AQUI. 

Dilma passou por uma saia justa nestas sexta-feiras, quando dezenas de crianças invadiram correndo o recinto onde a presidente Dilma Rousseff concedia entrevista coletiva, no Conjunto de Favelas da Maré, na zona norte do Rio. Com a invasão, Dilma interrompeu a entrevista e decidiu se retirar do local. Em seguida, as crianças perseguiram e arremessaram copos d´água no carro da presidente.

. Dilma tinha previsão de fazer uma caminhada pela Maré, mas, devido ao atraso na agenda, foi diretamente para uma tenda montada na Vila Olímpica, onde assistiu a um vídeo sobre construção de escolas na comunidade. Ela estava acompanhada do candidato a governador do Rio, Luiz Fernando Pezão (PMDB) e do prefeito Eduardo Paes (PMDB).

. Ao final da exibição do vídeo, ela começou a conceder a entrevista sobre parceria com o governo do estado para ocupação da favela por forças federais de segurança.

. Durante a entrevista, as crianças entraram na tenda, começaram a gritar e fazer barulho, o que levou a presidente a suspender a entrevista e se retirar.

. A presidente tentou conter as crianças, pedindo silêncio, mas não foi atendida. 

CLIQUE AQUI para examinar parte
do incidente com as crianças. 

5 comentários:

Anônimo disse...

Que peninhA para o editor & afins criança não vota.

PS: No RJ os quatro principais candidatos (Pezão, Crivella, Garotinho e Lindemberg) apoiam Dilma e já abriram fogo contra Marina por causa do pré-sal.

Anônimo disse...

Parabéns Editor, o seu blog é um dos mais acessados por petralhas, pois são sempre os primeiros a comentar!
Temos que confessar, a Dilma tem coragem em se meter em uma favela, ela poderia ter recebido outro tipo de "homenagem" do pessoal que manda por lá. Os seus assessores poderiam lhe informar que só porque alguém é traficante não quer dizer que apoiam todas as idéias do PT, talvez nem apoiem a liberação das drogas que tanto os petralhas e a esquerda quer aprovar!

Anônimo disse...

É preciso verificar isso direito. Sabemos que as favelas ainda têm grande influência do tráfico mesmo com as ocupações pelas UPPs. Crianças não fariam isso do nada. Foram orientadas. Infelizmente as crianças são as principais vítimas do crime organizado. E nesse caso, parece uma reação as ocupações pela polícia, apoiadas pelo Governo Federal.

Anônimo disse...

e vai esperar o que duma maloqueragem dessas?

Nádia disse...

.

puxa.. gastaram água..

sem imaginação essas crianças...heheh

.