Justiça Eleitoral suspende propaganda abusiva da Petrobrás que beneficia Dilma

A Justiça Eleitoral entendeu que propagandas de Petrobras, Ministério da Educação (MEC) e Agência Nacional de Saúde (ANS) beneficiam Dilma Rousseff, candidata à reeleição

. O ministro Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Tarcisio Vieira de Carvalho Neto determinou a suspensão de propagandas veiculadas pela Petrobras, pelo Ministério da Educação (MEC) e pela Agência Nacional de Saúde (ANS).

. A decisão, em caráter liminar, tem como base a representação encaminhada à Corte Eleitoral pela coligação do candidato à Presidência Aécio Neves (PSDB). No documento, os advogados da campanha tucana alegam que no último sábado as três instituições teriam veiculado propagandas eleitoral extemporâneas.

. "O MEC divulga o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa: formação professores e alfabetização de crianças até os oito anos; a ANS divulga o papel da ANS e a importância de as pessoas se informarem sobre os contratos de planos de saúde; a Petrobras divulga a exploração do pré-sal, dando destaque à alegada extração diária de 500.000 barris de petróleo e ao suposto crescimento ocorrido nos últimos oito anos", diz trecho da representação. Para a coligação de Aécio, a presidente Dilma Rousseff e o vice-presidente Michel Temer são beneficiários das propagandas institucionais.

- A decisão do ministro do TSE se baseia na parte da Lei Eleitoral, que restringe apenas às situações de "urgência" a publicação de propagandas governamentais a partir de 5 de julho

Ao meio dia, almoço expresso a R$ 27,50.
A cantina fica nos antigos túneis da Brahma, shopping
TOTAL, Porto Alegre.
www.famigliafacin.com.br

5 comentários:

NEWTON disse...

O grupo RBS e SINOS protestam veementemente a essa decisão do TSE.

Anônimo disse...

E a Petrobras deveria ser processada por propaganda enganosa,uma vez que perdeu grande parte do seu valor ao passo que no mesmo período a petroleira colombiana dobrou de valor.Ou seja,não foi crise no setor,foi mesmo muito mal administrada.

Anônimo disse...

O Aécio Neves conseguiu irritar profundamente a Globo, que perdeu os $$$ do anúncio perdido. Os Marinhos não vão deixar passar barato. A conta vai ser cobrada durante a eleição.

Anônimo disse...

Convém dar uma olhada na propaganda do BB.

Anônimo disse...

O Newton ( comentário das 09:29 ) está certíssimo !!! Estes dois grupos controlam parcela importante do eleitorado gaúcho ... e comem na mão do péssimo jornalismo feito por eles !