Recuo da economia e o baixo crescimento do PIB estão reduzindo seu interesse pelo Brasil.

Em janeiro de 2011, quando Dilma assumiu, o investimento externo líquido em ações e títulos de dívida acumulado em 12 meses era de 1,8% do PIB, segundo cálculos da Quest Investimentos.

. Esse número foi caindo gradativamente até chegar a 0,3% do PIB em agosto de 2012. Os investimentos de estrangeiros em ações e dívida do governo e privada, entradas menos saídas, recuaram 80% de janeiro de 2001 a agosto deste ano, quando ficaram em US$ 13 bilhões no acumulados em 12 meses.


. Esses números transmitem melhor o humor dos investidores, porque são mais voláteis do que investimento estrangeiro direto e menos influenciados por uma única grande operação.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

6 comentários:

Anônimo disse...

Não vão sossegar enquanto não destruírem o REAL.

Anônimo disse...

o Brasil ja era...

passou a bola da vez, que agora esta em outros países...

tudo que o governo da presidentA gerentA faz eh tentar manter, através de ilusionismo, os anos da bonança que, no fundo, também passaram sem deixar legado algum...

só serviu pra brasileirada comprar geladeira, carro novo em 60x, entupir as casas com tv de lcd 42 polegadas e agora estarem todos endividados...



Anônimo disse...

ah, e os juros eram a unica coisa que atraía investimento estrangeiro...

agora que foram reduzidos, que razão teriam para querer colocar dinheiro nesse Bananão?

Daniel disse...

Editor e jornaleiro vc, como e da turma da tucanalha, junto com o Malafaia e o Barrio, poderia chamar o Arminio Fraga pra explicar a situacao atual. O que acha, jornaleiro? Afinal de contas este ÇABIO tucano e aquele que saiu corrido do BC quando o pais nao possuia reservas, a SELIC era elevadissima e o pais estava LITERALMENTE QUEBRADO. Ate porque, jornaleiro, de pais quebrado e sem credito em prostibulo algum, vcs, da tucanalha, entendem muito, ne?

Anônimo disse...

Interesse ESPECULATIVO a mae diná, digo, oráculo de petrópolis, digo editor quiz dizer.

Esse tipo de interesse não serve para o Brasil e nenhum pais.

Querem ganhar $ vão trabalhar vagabundos do sistema financeiro internacional.

Anônimo disse...

Governar em tempos de bonanza com fez o nefasto de 2003 a 2010 é facil, difícil é como fez Itamar / FHC / economistas academicos que implantaram o plano real e o FHC comeu um dobrado com as crises dos anos 90, com a moeda sendo especulada, é como disse um comentário aqui nesse blog: querem acabar com o rela, pelo ódio ao que deu certo e não era no governo deles, aliás, o que deu certo no governo deles????