Senador José Medeiros pede que PF investigue se Jean Willys vendeu seu mandato

Jean Willys e o maridão do jornalista americano David Greenwald. Todos são gays assumidos.

O senador Jose Medeiros (Podemos/MT) afirmou em seu Twitter que pediu à Polícia Federal (PF) e ao Ministério Público Federal (MPF) que investiguem a suspeita de que Jean Wyllys (PSOL/RJ) vendeu seu mandato.

De acordo com o senador, a solicitação incluiu o pedido para que sejam ouvidos o suplente, David Miranda (PSOL/RJ), e seu cônjuge, o jornalista David Greenwald do “Intercept”.

Medeiros também reforçou o pedido de investigação das supostas ameaças a Jean Wyllys.

27 comentários:

Anônimo disse...

se a pessoa não vai casar ou namorar um gay ou não tem armário prá sair, não precisar ter raiva do gay, essa raiva tem uma coisinha por trás ehehehe, é a psiquiatria q diz e não adianta ficarem raivosinhos e terem chiliquezinhos de marica ehehehe

Anônimo disse...

se vendeu propriamente falando eu não sei...

mas que tem algum esquema de difamação do governo e do Brasil envolvendo esse episodio, isso me parece muito possível...

a esquerda não tem país, o país deles é a Internacional Socialista...

em troca de fortalecer esse ajuntamento boçal de comunistas, eles difamariam ate a propria mãe...

Anônimo disse...

Investigar OK, agora o editor poderia dizer porque é relevante ambos serem gays? O Editor, criatura preconceituosa, faz sempre questão de colocar essa qualificação quando descreve seus desafetos. Retrógrado, lixo! Uma pena esse blog não receber denuncia de homofóbico!

Anônimo disse...

Bom investigar sim. E avaliar risco te ter na câmara o marido do Greenwald associado a dados sigilosos

Anônimo disse...

Nunva vai se saber o que essas meninas combinaram debaixo dos lençóis...

Anônimo disse...

As esquerdas estão recheadas de traidores que dariam a vida por Maduros e outros do mesmo estilo.

Anônimo disse...

As esquerdas estão recheadas de traidores que dariam a vida por Maduros e outros do mesmo estilo.

Anônimo disse...

VERMES DO BNRIZOLA.

Anônimo disse...

Rolou uma rachadinha senador, isso acontece no Brasil inteiro, sábia não?

Emmanuel disse...

Como é que alguém desiste de uma "boquinha" como a Câmara Federal?
Confesso que não havia pensado nisso, mas, faz muito sentido, mormente o fato de que os interesses de um montão de gente seriam atendidos.
Essa conversa de "ameaças" não convencem ninguém ... bom seria ver como anda o patrimônio e as movimentações financeiras desse ex-deputado .... cadê o COAF?

Anônimo disse...

Infelizmente, não encontrarão provas de ilicitudes. Esses três caras tiram de letra o desafio de esconder instrumentos e provas das mais diversas, tipo celulares, carregadores e porta-retratos com foto de casal. Dificilmente os investigadores à serviço do Legislativo descobrirão senhas de contas em bancos no exterior. O respeito ao código de ética não escrito entre todos esses do Congresso não permite devassar os esconderijos, uai!

Gasparzinho disse...

Um lixo produzido pela Globo Lixo.

Ricardo disse...

Quando se trata de petecas & militontos, nunca se sabe se o teor da manifestação se deve a analfabetismo funcional -juntam as letras, mas não decidiram o texto - ou reflexo condicionado: ao não conseguir identificar no outro um colega de manada, disparam a esmo as acusações de costume, imaginando colocar o oponente na defensiva.
Lendo o texto sobre o deputado denunciante, não se pode verificar nenhuma, nenhumazinha mesmo, alusão à condição erótica dele. O beócio palpiteiro, no entanto, saiu em defesa daquela, acusando o missivista de ser, ele próprio, um enrustido , um "maricas", termo que os defendidos classificariam como preconceituoso, estigmatizador.
Se quiser o néscio palpitador manter-se nessa senda, sugiro que, após cursar um EJA, dedique-se à leitura. Vá ler, nem que sejam obras dos renegados. Compulse as obras de Lênin, de Saul Alisnky. São seres hidrófobos, mas são da mesma espécie que o senhor. Claro serão os machos-alfa. Difícil de o senhor entender.

Anônimo disse...

Duvidar não se pode, de tudo são capazes.

Anônimo disse...

Claro quer a policia investigue uma.fofoca. eh demais p ser vdd. E que tal investigar de onde o nobre senador.tirou isso e enfiar lhe um processinho de calunia no gogó

Anônimo disse...

Ser gay é normal?

Anônimo disse...

Cônjuge? Ora, tome vergonha!

Anônimo disse...

Sr Políbio!! Gosto do seu Blog e sou leitora assídua. O que nao gosto, é dos seus comentários em relação à sexualidade das pessoas. Isto é irrelevante porque só diz respeito a cada um. No caso do Jean Wyllys, ele deve ser investigado sim. A sua postura deixou muito a desejar em relação ao cargo que ocupava.

Anônimo disse...

Sr Políbio!! Gosto do seu Blog e sou leitora assídua. O que nao gosto, é dos seus comentários em relação à sexualidade das pessoas. Isto é irrelevante porque só diz respeito a cada um. No caso do Jean Wyllys, ele deve ser investigado sim. A sua postura deixou muito a desejar em relação ao cargo que ocupava.

Anônimo disse...

Cuspiu uma vez só...

De resto sempre engoliu...

Anônimo disse...

“As investigações estão paradas, não podem continuar assim":

Brasil 31.01.19 06:50 - O Antagonista

Marco Aurélio Mello vai cassar amanhã a liminar de Luiz Fux que blindou Flávio Bolsonaro.

Ele disse para O Globo:

“A decisão sai na sexta-feira. As investigações estão paradas, não podem continuar assim.”

De acordo com a reportagem, o caso do filho do presidente “deverá ser devolvido à primeira instância. Os promotores vão receber novas informações do Coaf. Se quiserem, também poderão avançar na apuração sobre os elos da família presidencial com as milícias”.

Anônimo disse...

UMA PENA QUE NAO DÁ PRA CURTIR COMENTÁRIOS NESSE BLOGUINHO KKKKKKK

Anônimo disse...

NADA REPUBLICANO COMENTAR AQUI .. QUEM ESCREVE ESCOLHE QUE COMENTARIO PODERÁ SER EXPOSTO KKKKK

Anônimo disse...

Se comprovado, todos devem ser cassados.

Anônimo disse...

Sr Políbio!! Gosto do seu Blog e sou leitora assídua. O que nao gosto, é dos seus comentários em relação à sexualidade das pessoa

mas foi assim que sempre pensamos...

passamos décadas admirando e respeitando artistas gays, por exemplo...

quem trouxe esse confronto da opção sexual à tona no debate foram os próprios gays através desses movimentos de suposta defesa dos seus direitos...

eu sempre admirei Renato Russo, Ney Matogrosso, Morrissey entre tantos outros artistas gays, e NUNCA SEQUER ME IMPORTEI com a vida sexual deles...

porque eles faziam por merecer o meu respeito e de tantos outros, porque não tratavam essa questão como vitimismo ou para obter vantagens por conta da sua opção sexual...

deles, eu so queria saber quando sairia o disco novo ou quando teria show, e com quem eles tinham relação sexual pouco me importava, é VIDA PRIVADA e assim deve ser...



Anônimo disse...

Isso o COAF não vai olhar.

Anônimo disse...

Não entendo esse povo que não gosta do blog, mas lê e ainda se dá ao trabalho de comentar, criticando. Eu não perco tempo lendo matéria de articulistas que não me agradam. E o Políbio ainda é generoso e pública a baboseira. Estão reclamando do que?