Centrão oficializa apoio a Alckmin

O grupo, que reúne os partidos DEM, PP, PR, PRB e SD, fez o anúncio em evento em Brasília. Apesar da definição do apoio, chapa ainda não tem um vice.

8 comentários:

Anônimo disse...

O santo fecha pacto com o diabo!

Anônimo disse...

agora vai, com o apoio destes políticos exemplos da ética, ainda bem que tiramos o PT do poder né Editor? como dizia Aecio Neves nosso candidato Editor, é só tirar o PT do poder que a corrupção acaba, mas ainda bem que tiramos o PT e agora temos este governo etico, e com o Alckimin um governo ainda mais etico e honesto, graças a pessoas como o senhor Editor obrigado, obrigado pelo Brasil que temos hoje e que vamos ter nos proximos 20 anos

Anônimo disse...

Moro não responde se usa a agência da esposa, sócia de Zucolotto, para receber cachê:

26/07/2018

Jornal GGN - A Agência Pública divulgou reportagem nesta semana revelando um elo entre a agência de palestras de Carlos Zucolotto e Rosângela Moro com um advogado que defendeu os procuradores da Lava Jato Carlos Fernando dos Santos Lima e Januário Paludo. Na mesma matéria, o juiz Sergio Moro não quis "esclarecer" os detalhes de sua relação com a agência, ou seja, se ele recebe ou não chachê por seus eventos nacionais e internacionais por meio da empresa da esposa.

A agência HZM2 Cursos e Palestras, criada em janeiro de 2018, foi revelada pela imprensa no dia 8 de julho, mas a notícia acabou sendo abafada pela guerra em torno do habeas corpus do ex-presidente Lula, naquele mesmo domingo.

Zucolotto é o padrinho de casamento de Moro e foi acusado pelo advogado Rodrigo Tacla Duran, réu na Lava Jato, de cobrar 5 milhões de dólares em propina para "melhorar" um acordo de delação premiada com os procuradores de Curitiba. O GGN abordou o caso na série sobre a indústria da delação premiada.

A Agência Pública revelou, agora, que a sede da agência e o escritório de advocacia de Zucolotto (onde Rosângela também já foi sócia, mas desvinculou-se com a Lava Jato em andamento) é o mesmo prédio onde está o escritório de Vicente Paula Santos, advogado dos procuradores Santos Lima e Paludo. Além disso, os escritórios de Zucolotto e Vicente divulgam o mesmo número de telefone na internet.

"De acordo com dados da Receita Federal, na rua Nilo Peçanha, 897, no bairro Bom Retiro, em Curitiba, funcionam três empresas: HZM2 cursos e palestras , Zucolotto Sociedade de Advogados e o escritório de advocacia Vicente Paula Santos Advogados Associados", informou.

A matéria, inclusive, cita as ações que Vicente defende em nome dos procuradores ao menos desde 2000, evidenciando a relação de longa data.

A AP também fez um levantamento e identificou que Sergio Moro, desde que virou estrela na Lava Jato, realizou 22 cursos e palestras no Brasil e exterior apenas entre janeiro de 2017 e julho deste ano. A reportagem tentou, mas não conseguiu obter detalhes sobre os cachês e quem eram os contratantes.

Procurado para "esclarecer a sua relação com a HZM2, uma vez que ele é muito requisitado como palestrante no Brasil e no exterior", Moro não quis confirmar se usa ou não a agência da esposa para receber cachês desde janeiro. Ele limitou-se a dizer que as perguntas são "meramente especulativas e que partem de um pressuposto equivocado". (...)

FAÇANHA, o ADVOGADO do POVO. disse...

Quem tem VICE?.

Anônimo disse...

Bolsonaro primeiro turno.o blocão da corrupção junto com os lixos do PT.O cara posta um texto enorme mentiroso para querer desmoralizar o heroi MORO.ACORDA MORTADELA TROUXA!

Anônimo disse...

AGORA ESSES VENDIDOS AO GRELO MOLE DUAS VEZES - MENSALAO E PETROLÃO - SERÃO CASTIGADOS! OS ELEITORES VÃO TUDO DE BOLSONARO.

Anônimo disse...

MORTANDELA DETECTED.

Anônimo disse...

Podem reunir o que quiserem.
O segundo turno será entre o candidato do PT, seja quem for e Bolsonaro.
Quero ver onde o centrão vai enfiar a cara.
O vencedor se quiser ter sucesso deverá deixar estes larápios mais o PMDB bem longe do Poder