Ministro Ronaldo Nogueira edita nova portaria sobre trabalho escravo

Antes de deixar o ministério do Trabalho, Ronaldo Nogueira editou uma nova portaria sobre o trabalho escravo.

Foi o que ele informou ao editor, esta manhã.

O texto, aprovado por Michel Temer, substitui a portaria de outubro que causou polêmica ao restringir a classificação do crime.

A nova norma torna bem mais rigorosos os conceitos de jornada exaustiva e de condição degradante de trabalho.

CLIQUE AQUI para ler a prolongada nota do ministro, na qual ele fundamenta sua nova decisão.

3 comentários:

Anônimo disse...

Se foi pra desfazer,por que é que fez?
Como disse o poetinha.

Anônimo disse...

Poderia postar a foto dele junto ao texto,para sabermos quem é a pessoa que apoia trabalho escravo para ninguém votar nele.

Anônimo disse...

Coerência, por favor, precisamos de políticos corajosos, a lei faculta a ele sair só no ano que vem.
Tá com medo do eleitor, conduziu a reforma trabalhista ao qual concordo, só que criou um rolo com uma prestadora
De serviço de TI, e tá pulando do barco.
É o que diz a CGU, ou seja não aguentou a pressão.