Pai mata filho e se suicida, tudo porque não queria que ele ocupasse escolas em Goiás.

O jornal O Popular, Goiânia, Goiás, esta manhã, informou que depois de uma discussão familiar, o engenheiro Alexandre José da Silva Neto, de 60 anos, atirou contra o filho, Guilherme da Silva Neto, e em seguida suicidou-se com a própria arma do crime.

O assassinato foi filmado pela moradora de um prédio próximo. Após estacionar o veículo, o homem desceu do carro e foi conversar com o filho Guilherme da Silva Neto, de 20 anos, que estava sentado na calçada. Após uma rápida discussão, o engenheiro abraçou o filho, atirou contra ele e em seguida na própria cabeça. O jovem morreu na hora. O pai chegou a ser socorrido pelos Bombeiros, mas morreu logo após dar entrada no Hugo (Hospital de Urgências de Goiânia).

"Ele falou que preferia matar o filho ao vê-lo participar de um protesto", contou uma das testemunhas ao delegado Hellyton Carvalho, adjunto da DIH, que foi quem atendeu a ocorrência.

37 comentários:

Unknown disse...

Sensato!!!
A Lei de Terrorismo poderia ter se incumbido disto... se fosse rígida... se previsse o crime... e se fosse aplicada pelos bundões...

sempre mais disse...

Se o rapaz estivesse estudando e trabalhando essa tragédia jamais teria acontecido.

Anônimo disse...

Então os invasores, a Defensoria Pública, os Professores conseguiram não um, mas dois corpos. TUDO PARA NÃO TRABALHAR E EXTORQUIR OS PAGADORES DE IMPOSTOS.

sempre mais disse...

O rapaz foi doutrinado.

Anônimo disse...

essa direita que saiu do armário deve ter muitos problemas sexuais por estar enrustida há tanto tempo em raiva e dor...pobres mentes autoritárias, basta ver os comentários desse blog onde só faltam babar...esse aí não babou, atirou no próprio filho...

Mordaz disse...

Certamente não é só isto.

Anônimo disse...

O lixo da esquerda vibrara. Agora existe um discurso.

Anônimo disse...

Tenho pena de você!!! Muito triste esse seu comentário!! Lastimável!!!

Fernando disse...

Filho assassinado por um pai fascista. Este é o país que a direita está plantando:muito ódio e pobreza.

Anônimo disse...

Mostra o desespero do pai em ter um filho doutrinado pelo esquerdismo.A lavagem cerebral transformou o rapaz numa caricatura de petralha,nem o pai aguentou mais.

Anônimo disse...

É de pequenino que se torce o pepino, se vc não educar um filho desde tenra idade, depois de 10 ou 12 não adianta arrear o camburi.Essa foi uma atitude extrema que não tem nenhum resultado positivo.Se ele não concordava com atitudes do filho bastava ter uma conversa e enquadrá -lo, como:Se vc quer isso, tudo bem é sua escolha, cama, comida e roupa lavada, esquece,vá trabalhar e cuide de sua vida. A vida é feita de escolhas e cada um que escolha o que é melhor.Um marmanjo com 20 anos já pode se virar e muito bem.

Anônimo disse...

A extrema-esquerda fazendo mais dois corpos por causa da sua ideologia de merda. Certo que o pai não ia ter uma vida normal após matar o próprio filho, e optou pelo pior, já que sabia que cabeça que a esquerda faz não tem conserto.

Anônimo disse...

Muito triste, apenas foi a gota da água.

Anônimo disse...


Os desatinos tanto da esquerda, como da direita neste país ainda vão acabar muito mal.

Isto daí é só o começo.

Anônimo disse...

O dia em que comunistas como tu, viverem da própria renda e do próprio trabalho essas coisas não acontecerão mais.

Anônimo disse...

A que ponto chegamos ! A doutrinação é tão grande que traz consigo tragedia s desse nível ! É um horror o que a Petralhada fez com nosso paíz , arrasa quarteirão !

Carlos Mota disse...

Este Petralha corno das 12:14h é tão covarde que nem assina o nome; como todo marginal ele permanece Anônimo.
Filho de uma égua lazarenta.

Anônimo disse...

Na realidade as ocupações já causaram a morte de dois jovens. Triste geração alienada e marionetes na mão de professores e esquerdistas radicais que agem politicamente, falta coerência a esta turma. Quando a ex mandatária cortou 10 bi da educação nada falaram, demostrando apoio aos governos corruptos alinhados com a ideologia deles, agora que sequer pode chamar de cortes mais sim limitar as despesas fazem este estardalhaço todo. No fundo o atual governo tenta corrigir o que esta turma apoio até o último instante.

Anônimo disse...

DUVIDO que tenha sido esse o motivo do assassinato!!! Não falo mais, por respeito à família!!!

Anônimo disse...

Não precisava se suicidar!

Marcelo disse...

O anonimo das 12:14 é o velho retardado que acredita que a esquerda tem o monopólio da bondade e a direita da maldade.


Ele esquece que nem lênin e nem stálin foram de direita.

Anônimo disse...

Se ele se matou, após matar o filho, é porque se arrependeu.

Lamentável, agora o Fascismo impera dentro de casa. Se todo pai contrariado com a posição ideológica do filho, seja para esquerda ou para a direita resolver matar o filho, chama Jesus que o findo do mundo tá chegando.

Anônimo disse...

Mais uma tragédia familiar abraçada pelas esquerdas. O cara trabalhava, era útil ou somente repetia os mantras que seus doutrinadores astuciosamente ensinaram? Aqueles mesmos que agora farão passeatas por causa da morte, são os que apoiam o desarmamento da população que está sendo dizimada pelos "excluídos" sociais, 65.000 assassinados por ano, isto é guerra civil!

Anônimo disse...

Piada. Um fascista mata um inocente e a culpada é a esquerda. Kkkk. Ou já estão proibidas manifestações,

Anônimo disse...

COMUNISTAS SÃO TUDO PUTAS DE STALIN, É COMUNISTA GOSTA MESMO É DE IR PRO PAU DE ARARA E LEVAR NO RABO, IGUAL A VANA ROUSEF AQUELA BULGARA SEM VERGONHA... "COMUNISTA BOM É COMUNISTA MORTO" SOU DE DIREITA, SOU CONSERVADOR.

Anônimo disse...

Alguém avisa os energumenos, digos, os inocentes úteis, que por ser mais sensíveis as questões sociais AQUI NO BRASIL, pai de esquerda não mata filho de Direita.

Anônimo disse...

Negativo. Ele não pode se matar e depois matar o filho.

Anônimo disse...

Um invasor a menos!

Anônimo disse...

Não mata literalmente o dele. Mas, com suas ideias mata os filhos dos outros, independentemente da ideologia.

Cap Caverna disse...

Triste fim para uma família. Esse pai, chegou ao extremo da loucura, ao assassinar o próprio filho, por causas ideológicas e irracionais! Que DEUS os julgue em sua imensa sabedoria! Isso é o que dá ter filhos sendo doutrinados por loucos comunistas e anarquistas, que de nada servem a sociedade, a não ser pregarem o mal e a discórdia. Por isso que essa gentalha, tipo anônimo das 12:14 hrs, quer manter a ESCOLA DOUTRINARIA, pois esses demônios comunistas, fazem uma lavagem cerebral nas crianças, com suas doutrinas demoníacas e atrasadas , criando verdadeiros zumbis! Comunistas, petistas e outras siglas que na verdade são nada, deveriam ser presos e isolados da sociedade, livre, limpa e progressista.

Magno disse...

Olha, bem certo está um leitor que recomendou que o pai deveria mandar o guri trabalhar. Com certeza a faina diária iria corrigi-lo.
No entanto, outro leitor disse que não se manifestaria em respeito à família. Pois eu faço o mesmo em função de que uma análise na foto pode perfeitamente mostrar sérios vestígios de outro problema.
De qualquer meio, a opção adotada pelo pai foi a pior possível. A melhor, como disse, seria obter - secretamente - um emprego para o guri e obrigá-lo a trabalhar para pagar os estudos (à noite) e cobrar resultados incessantemente.
Essa faina diária afastaria qualquer ideia exótica que o menino tivesse em mente.

Anônimo disse...

Pai mata filho por não aceitar sua atuação política: o sangue está nas mãos da mídia de direita

16/11/2016 - Pedro Lorenzi Breier - O Cafézinho

Um pai matou o filho de 20 anos a tiros e cometeu suicídio em seguida, hoje, em Goiânia. Trechos de matéria do G1:

O engenheiro civil Alexandre José da Silva Neto, de 60 anos, que matou o filho, o estudante de matemática Guilherme Silva Neto, de 20, e se matou em seguida, em Goiânia, discutiu com o rapaz momentos antes do crime por conta da ligação do jovem com ocupações em unidades de ensino. “Parentes disseram que os dois tinham conflitos recorrentes, mas o que culminou na tragédia foi uma briga pelo fato do pai tentar impedir que o filho participasse da ocupação de uma escola”, relatou ao G1 o delegado Hellynton Carvalho, que esteve no local do crime.
Ainda segundo o delegado, o engenheiro tinha problemas psicológicos. “Os familiares disseram que o pai sofria de depressão, mas ele e o filho sempre discutiam por conta do estilo de vida do rapaz, que participava de movimentos sociais e movimentos estudantis, e o homem não aceitava”, destacou.
(...)
Conforme consta no registro de ocorrência, Alexandre não concordava com o comportamento e o modo de ser do filho, considerado "alternativo e revolucionário". Guilherme era ligado a movimentos sociais, incluindo as ocupações de escolas contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241, que estabelece teto para o aumento dos gastos públicos.
Trata-se da mais absurda consequência da campanha de demonização da esquerda que recrudesceu nos últimos anos, um verdadeiro macartismo tosco à brasileira.

A casca do ovo da serpente chocado pela mídia familiar quebrou.

Era previsível que a criminalização da esquerda empreendida pelo oligopólio midiático, por políticos como Bolsonaro e por grupos de direita nas redes sociais acabaria por resultar em tragédias como essa.

Protestantes de esquerda são taxados de vagabundos, marginais, baderneiros e bandidos (enquanto os de extrema-direita têm passe livre para invadir o congresso defendendo intervenção militar, como aconteceu hoje à tarde).

Para uma parcela significativa da população esquerdistas são defensores de bandidos.

Se bandido bom é bandido morto, defensor de bandido não merece a morte também?

Na lógica fascista, claro que sim.

A desumanização do adversário político produz um ódio doentio que só pode acabar em violência.

É só visitar a área de comentários das notícias da mídia conservadora para ler manifestações abertamente fascistas contra pessoas de esquerda. Comentaristas babando de raiva e pregando violência contra outros seres humanos apenas por discordarem politicamente. Ódio em estado puro.

A mídia corporativa incita, irresponsavelmente, o ódio contra quem luta por seus direitos, para depois tomar a opção deliberada de não moderar este tipo de comentário nos seus portais, permitindo que o ódio e a violência alastrem-se.

Vale tudo para os barões da imprensa atingirem seus objetivos políticos e financeiros.

O sangue de filho e pai estupidamente mortos está nas mãos dos Marinho, Civita, Frias, Saad, etc.

Se alguém ainda tem dúvida sobre a gravidade do momento em que nos encontramos, vejam a quantidade inacreditável de comentários monstruosos nas notícias sobre a morte de Guilherme, reproduzi alguns do Blog do Polibio, acima:

Anônimo Anônimo disse...
Um invasor a menos!
16 de novembro de 2016 18:55

Anônimo Anônimo disse...
Não precisava se suicidar!
16 de novembro de 2016 14:08

Anônimo disse...

mais uma morte por causa deste invasores e a justiça nada faz, os politicos nao falam nada , cade a justiça que nao manda prender estes arruaceiros 10% que invadem e tiram o direito de 90% dos professores q querem dar aula e dos alunos q querem estudar

Anônimo disse...

o pobre pai deveria estar sofrendo nao sabemos nada da vida deles, mas o q foi dito é que o pai tinha problemas isto é- era depressivo

Ultra 8 disse...

Todo o planeta foi condicionado a acreditar que o comunismo é o contra ponto do capitalismo, mas não é esta a verdadeira história...

O professor universitário inglês, Antony Sutton em seu livro : Wall street e a revolução bolchevique, mostra que o comunismo não poderia existir se não fosse irrigado aos revolucionários DINHEIRO dos banqueiros americanos para esta revolução acontecer...

Numa investigação corajosa, Antony Sutton disponibiliza evidências históricas sólidas que estabelecem uma ligação entre os capitalistas Americanos e os Comunistas Russos.

Baseou-se nos arquivos do "State Department", documentos pessoais de figuras importantes de Wall Street, biografias e histórias convencionais.

A luta dos esquerdistas "contra" os capitalistas é uma das fachadas mais bem construídas do século 20. Na verdade, o Comunismo sempre dependeu do dinheiro capitalista para sobreviver. Ainda hoje, a agenda cultural esquerdista (feminismo, gayzismo, aborto, multiculturalismo, etc) é financiada pelos mesmos grupos econômicos que deram o seu apoio à Revolução Comunista. E o objetivo continua a ser o mesmo.

O propósito do Comunismo não foi, não é, nem nunca vai ser só estabelecer um sistema econômico; o propósito do Comunismo é entregar o poder total nas mãos duma elite não representativa das intenções da maioria da população. O que a elite faz quando chega ao poder é irrelevante: o que interessa é que eles fiquem perpetuamente no poder.

Por causa disso, se usa esta juventude "idiota útil" como dizia Lênin, para que a elite tome de assalto o poder em escala global para implantar a NOVA ORDEM MUNDIAL (COMUNO/FASCISTA).

Se existissem pais esclarecidos, jamais a juventude seria enganada por velhacos da elite com esta história de socialismo, e este pai suicida, não teria cometido este desvario...

Unknown disse...

Inocente? Tais brincando?

Unknown disse...

Chega de tanta vadiagem!!!vao trabalhar e estudar!!!!