Estudantes ocupam o Colégio Júlio de Castilhos

Sem o secretário da Educação no cargo, já que o secretário Vieira da Cunha demitiu-se antes de sair de férias (Sartori não aceitou a demissão), expandiu-se ontem para o RS,  o movimento que traumatizou as escolas públicas estaduais paulistas, no caso local a ocupação do Colégio Júlio de Castilhos.

O mimetismo dos secundaristas gaúchos ligados a grupos da esquerda mais radical já era esperado, mas o governo trabalha com a informação de que ele será apenas de foquismo de franjas do PSOL, PCdoB, PT e PSTU.

11 comentários:

Anônimo disse...

Bom dia ,é um protesto que tem hora para acabar,23;59 desta sexta-feira,porque não há lógica fechar escola no sábado e domingo.Ronald

Anônimo disse...

Ocupam as escolas, jamais as bibliotecas.

Matias Pasqualotto disse...

Políbio, já passou da hora de chamar as coisas pelo nome.
Ocupação e invasão não são a mesma coisa!

Luiz Vargas disse...

O modus operandi da peremPTória gadelhuda histérico psólica já está prá lá de manjado e sempre ocorre em anos eleitorais visando arrumar espaços na mídia. A peremPTória gadelhuda já PraTicou este tipo de ardil no Rio de Janeiro e em São Paulo, aliás em SP, parece que voltou a fazer.

Anônimo disse...

esse Vieira da Cunha fez alguma coisa de impactante até o presente momento, não me parece um politico trabalhador e que faz por merecer, parece mais uma VACA DE PRESÉPIO...
Se a coisa começa a amarelar, ele pula fora...

Anônimo disse...

Logo, logo os "estudantes dai e daqui de São Paulo começaram a relinchar e comer alfafa, graças aos esquerdistas de meia pataca.
Esther

Anônimo disse...

AGORA É OS ESTUDANTES,ENTRE ASPAS QUE ESTÃO NESTA DE INVADIR AS ESCOLAS E SEGUIR OS PASSOS DA ESQUERDA IRRESPONSÁVEL DOS PROFESSORES.É UM PRETEXTO PARA FALTAR AULAS,QUANDO TEM PROFESSOR E NÃO FALTA NADA,NÃO SE INTERESSAM PELOS ESTUDOS,QUEREM MAIS É FAZER BADERNAS E DESORDEM.EU SEMPRE DIGO E REPITO:TEM QUE VOLTAR O EXÉRCITO,BOTAR ESTES VAGABUNDOS EM SEU LUGAR.TODOS ELES.

Anônimo disse...

Que vão estudar! O que menos aprendem nessas "escolas de doutrinação esquerdista" são as matérias que realmente farão diferença no futuro: português, matemática, ciências, história, geografia e correlatas. O resto é papagaiada de Paulo Freire, cujo doutrina não serviu nem mesmo para alfabetizar a própria mulher e que muitos a seguem sem fazerem juizo crítico da sua eficácia. Meros bonecos de ventríLOUCOS da esquerdalha comunista.

Anônimo disse...

Vaõ apagar o nome do maior ditador do RS?

Anônimo disse...

Felizmente, o PT diz cada vez menos a um número cada vez maior de pessoas. Suas utopias coletivistas já não mobilizam os indivíduos de boa-fé. A exemplo do que acontece em todo o mundo civilizado, a militância de esquerda vai se tornando um reduto de incompetentes, de aproveitadores e de vagabundos.
É o lado virtuoso da crise. RA

Anônimo disse...

Querem uniformes, passagens de ônibus, merenda de ótima qualidade, ar condicionado e salas perfumadas. Não sabem a tabuada, divisão e não estudam, bando de burros. Duvido que em casa tem alimentação farta e de qualidade.