Saiba quem são os novos membros dos Conselhos de Administração e Fiscal da Petrobrás

A Petrobrás elegeu ontem os novos membros dos seus Conselhos de Administração e Fiscal, conforme comunicado que o editor acaba de receber.

Conheça:

Conselho de Administração

Permanecem, além de Luiz Nelson Guedes de Carvalho, conselheiro da BM&F BOVEPA, Aldemir Bendine, presidente da Petrobras, Luciano Coutinho, presidente do BNDES, Jerônimo Antunes, professor-doutor em Ciências Contábeis da USP, Segen Estefen, professor da UFRJ e Francisco Petros, economista e advogado especialista em Direito Societário, mercado de capitais e governança corporativa. O novo conselheiro é Durval José Soledade Santos, professor da FGV Direito Rio.
Os acionistas minoritários que possuem ações ordinárias reelegeram para o CA Walter Mendes de Oliveira Filho, diretor executivo do Comitê de Aquisições e Fusões (CAF). Os preferencialistas reelegeram Guilherme Affonso Ferreira, que foi conselheiro do grupo Pão de Açúcar, Unibanco e atualmente da Sul América e Gafisa. A engenheira de petróleo Betânia Rodrigues foi eleita como representante dos empregados.

Conselho Fiscal

Para o Conselho Fiscal, foram eleitos pelo acionista controlador como titulares William Baghdassarian, Marisete Fátima Dadald Pereira e Luiz Augusto Fraga Navarro e, como suplentes, Paulo José dos Reis Souza, Agnes Maria de Aragão da Costa, e César Acosta Rech. Os eleitos pelos acionistas minoritários detentores de ações ordinárias e preferenciais foram, como titulares, Reginaldo Ferreira Alexandre e Walter Luis Bernardes Albertoni. Como suplentes, Mário Cordeiro Filho e Roberto Lamb.

2 comentários:

Anônimo disse...

Com todo esse assalto ocorrido na Petrobrás com caixa 2, caixa 3 e tudo o mais eu me pergunto: Por acaso a Petrobrás não tem um Contador? Se tem, como que não foi punido pelo Conselho. E o Contador que assinou as pedaladas?

Luiz Vargas disse...

Cesar Acosta Rech, formado em Ciências Econômicas pela UFRGS na primeira metade da década de 1990. Na época já era esquerdista, integrante do DAECA e peti$ta de carteirinha. Após formado trabalhou na incubadora dita tecnológica, da prefeitura PeTralha de Porto Alegre, ali na Av. Osvaldo Aranha quase no acesso ao túnel da Conceição. No primeiro governo do Lullarápio Brahma51 conseguiu um tetona em Brasília e aí passou a usar "fatiota" e PasTa de executivo. Bem diferente dos tempos de aluno peti$ta-universitário, quando vestia do macacão de brim encardido, camiseta com estrelinha no PeiTo, chinelas havaianas e uma puída bolsa de couro à tiracolo e espumava a raiva interente aos esquerdi$ta$ pelos cantos da boca.
Coitada da PeTrobrás! Com esta estirpe de gente para compor seu con
$elho fi$cal. É o mesmo que colocar a raposa para cuidar do galinheiro.
A falência da PeTrobrás, se não for desinfetada dos esquerdi$ta$, $indicali$ta$ e demais crápulas será a insolvência.
Vai chegar a um PonTo em que os otários deste país abrirão os olhos e se negarão a continuar pagando uma fortuna pelo litro de um combustível falsificado e adulterado para manter respirando um empresa que foi aparelhada, ParTidarizada e falimentada.