Zero Hora denuncia nove obras sem conclusão e R$ 21 milhões em sobrepreço: o legado da Copa em Porto Alegre

A reportagem a seguir é assinada pelos jornalistas Bruno Felin e Marcelo Gonzatto, jornal Zero Hora de domingo, e foi construída em cima da análise de 4,9 mil páginas de inspeções do Tribunal de Contas, que  mostra erros, irregularidades e atrasos nas obras de mobilidade urbana de Porto Alegre.

Dentro de campo, a Copa do Mundo 2014 terminou há um ano. Nas ruas de Porto Alegre, não tem data para acabar. De 14 projetos elaborados para o torneio, apenas cinco foram concluídos: três viadutos e a ampliação de duas vias no entorno do Beira-Rio. Os demais seguem em execução, com atrasos superiores a dois anos em relação ao previsto nos contratos com as empreiteiras. Algumas melhorias, como a duplicação da Rua Voluntários da Pátria, não têm prazo para o apito final.
O prejuízo não é só no cotidiano de quem precisa driblar canteiros de obras e desvios, mas concreto. Em inspeções, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) sobrepreços que somam pelo menos R$ 21 milhões – em parte evitados pela retenção de pagamentos às construtoras. Outros R$ 2 milhões já foram pagos e podem ser restituídos aos cofres públicos quando as contas forem julgadas.
Atrasar o término do corredor BRT (ônibus de trânsito rápido) da Protásio Alves, por exemplo, custou R$ 98 mil ao mês até agora. O impacto poderia ter sido maior se o TCE não tivesse acompanhado todas as obras em tempo real, medida que não era aplicada para outras obras públicas.
Entre as razões do sobrepreço identificado está o tipo de tabela usada para orçar materiais de construção. A prefeitura adotou uma planilha nacional referendada pela Caixa Econômica Federal (chamada Sinapi), mas os auditores consideraram que ela apenas estabelece um limite máximo, e que seria mais adequado empregar a tabela da Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov), por retratar melhor o mercado local.

— O sobrepreço tem uma discussão técnica. Em alguns casos, equacionamos. Em outros, não tivemos como, ou a obra não seria feita — diz o prefeito José Fortunati.

ZH analisou, via Lei de Acesso à Informação, 4.894 páginas produzidas pelo TCE com descrições de problemas em projetos básicos, licitações e serviços. Em parte, as falhas têm origem na pressa e na falta de planejamento a fim de garantir R$ 888 milhões disponíveis para financiar obras de mobilidade. A Capital obteve verba federal para o maior número de melhorias urbanas entre todas as cidades-sede, mas se sujeitou ao ônus de não conseguir terminá-las. O relatório do TCE sobre a Terceira Perimetral diz: "O baixo percentual de execução das obras e as dificuldades para superar os entraves existentes demonstram as deficiências de planejamento e de gestão (...)".

Tudo começou em 2009, quando o município assinou convênio para receber como doação do Centro das Indústrias do Estado (Ciergs) todos os projetos básicos de engenharia. Os trabalhos não conseguiram identificar, por exemplo, o tipo de solo em obras como a trincheira da Anita, onde havia rocha, ou na da Ceará, muito mole. A construção parou, e os projetos foram refeitos.

— Foi erro de projeto, mas, com o tempo e o dinheiro que tínhamos, fizemos o possível — alega o engenheiro contratado pelo Ciergs, Paulo de Tarso Dutra, em relação à Ceará.

Dutra também se queixa de falta de planejamento das gestões municipais:

— O projeto da Tronco foi alterado oito vezes na prefeitura. Não se sabia quantas pessoas seriam realocadas.
]
Uma das exigências da Caixa era começar as construções a tempo de terminá-las para o Mundial. Isso resultou em canteiros de obras abertos sem verbas disponíveis, com projetos a serem corrigidos ou sem todas as licenças devidas. Sem os papéis em ordem, o banco não liberava os recursos, as construtoras não recebiam, e o trabalho perdia fôlego. Para terminar o entorno do Beira-Rio a tempo, a prefeitura usou dinheiro próprio.

— Ou iniciávamos (as obras) ou perdíamos a verba. Que bom que iniciamos — argumenta o secretário municipal de Gestão, Urbano Schmitt.


O improviso tem seu preço. Surgiram entraves com desapropriações, brigas judiciais, transplantes de árvores. Somaram-se a isso os apontamentos de sobrepreço, o que fez a prefeitura reter parte dos pagamentos às empreiteiras. Sem repasses, os canteiros de obras definharam ainda mais.

28 comentários:

Anônimo disse...

Kkkkkkkkkk
BEM FEITO !!
Ninguém pode reclamar, 65 % da população reelegeu o Magrão !!

Anônimo disse...

Menos mal que o prefeito e os petralhas não começaram a esburacar a cidade para fazer o tal metrô, a obra além de começar e não ter data para conclusão, teria sobrepreço de centenas de milhões de reais! Ufa!!!!!!

Anônimo disse...

e os incompetentes do PMDB que estavam na prefeitura agora estão "planejando " no governo Sartori

e tem secretario incompetente que esta lá a mais de 10 anos

Brasil e RS um antro de pikaretas

Anônimo disse...

O Pior é que para que a INFRAERO libere a construção do aumento da pista do Salgado Filho, o Fortunati tem que realocar as famílias da Vila Nazaré... Para as 1700 famílias que ainda estão no local,a prefeitura está construindo 300 apartamentos. É mole?

Moral não teremos pista aumentada!!!

Anônimo disse...

PADRÃO FIFA.

Anônimo disse...

Que decadência !

Anônimo disse...

QUEM TROUXE A COPA PARA O BRASIL BANANEIRO ???

RESPOSTA: LULA E OS MALDITOS PETRALHAS CHUPADORES DE CENOURA !!!

Anônimo disse...

Cadê o babo ovo do Fortunati que fica comentando nas postagens do aeroporto?

Anônimo disse...

Enqto no Norte e no NE o governo federal bancou toda a Copa, inclusive os caros e inúteis novos estádios, pra PoA sequer libera no prazo os recursos devidos.
Mas o q mais espanta é não nos insurgirmos contra esse tratamento e nossos representantes seguirem apoiando a Dilma!

Anônimo disse...

Considerando previsão existente no Plano Diretor do Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, o Conselho de Administração da Infraero, acatando proposta da Diretoria Executiva da empresa, apresentada por voto de seu Presidente, aprovou, nesta data, a instauração de processo licitatório, sob o Regime Diferenciado de Contratações – RDC, para planejamento, projetos, gerenciamento e execução integral de todas as fases do empreendimento de ampliação, em 920 metros, da Pista de Pousos e Decolagens e demais obras e serviços técnicos complementares do aeródromo, condicionando a assinatura do contrato à liberação de recursos orçamentários, bem como a emissão da correspondente ordem de serviço aos atos de remoção ou rebaixamento, pelas autoridades competentes, dos obstáculos, atualmente existentes, que impedem a homologação da citada expansão. Dentre esses obstáculos, encontram-se a retirada de todas as famílias da Vila Nazaré, incluindo a desafetação da área, o desvio do trânsito para as vias localizadas a oeste do aeroporto e a desocupação total das famílias ocupantes da Vila Floresta e da Vila Dique.

Deliberou, também, que o assunto seja novamente submetido à sua apreciação, antes da assinatura do contrato e da emissão da ordem de serviço, para verificação de todas as condicionantes.

 

Brasilia-DF, 24 de fevereiro de 2015

 

Infraero

Assessoria de Imprensa

Anônimo disse...

Na prefeitura, onde só tem iniciativa privada, a coisa está assim. E ainda querem que o Sartori privatize o estado...

Anônimo disse...

O Candiota que é puxa saco do Fortunati sumiu,,, porque ele não vem aqui defender essas aberrações agora... Em seis anos o Fortunati conseguiu retirar somente 972 famílias da Vila Dick para expanssão da pista do salgado filho, faltam ainda 1700 familias só da vila Nazaré que barram a amplicao, sem contar as familias que estão se instalando na expectativa de serem indenizadas. Em contrução, ha apenas 300 apartamentos. A conta não fecha e por isso ta na cara que nao conseguiremos o aumento da pista. incompetência, falta de gestão e muito mais, sem falar do emprego da Regina Becher com o Basegio né?

Anônimo disse...

Quem sabe responder qual o motivo fez com que depois do ex presidente da PROCEMPA jogasse mais de cinqüenta mil reais pela janela quando a policia chegou em sua casa para cumprir mandado de busca e apreensao. Qual o motivo escuso fez com que dias depois o Fortunati nomeasse este sujeito gatuno confesso em seu gabinete? Fortunati nunca quis falar sobre o André Imar Ex presidente da Procempa nomeado no gabinete? Alguém sabe... Pq?

Anônimo disse...

VERGONHA, FALTA DE GESTÃO E INCOMPETENCIA.

FORA FORTUNATI SÓCIO DO BASÉGIO E DO MELO

Anônimo disse...

Isso foi manobra do Padilha para que a Infraero assim o fizesse. O próprio presidente da Infraero já disse que essa exigência é descabida. Basta tu pesquisares aqui no site do Políbio mesmo, pois ele postou essa notícia.

Anônimo disse...

Mentira. Não é necessário.

Anônimo disse...

Eu fico comentando nas postagens do aeroporto pq eu sou um baba ovo do aeroporto e, não, do Fortunati. Diferente de ti que posta o currículo do Padilha a todo momento.

Pra mim o Fortunati, o Padilha, a Dilma e tu que se danem. Eu quero a pista ampliada (e a população gaúcha tb). O resto que se dane. Entendeu ou quer que eu desenhe?!

Anônimo disse...

Só tem um baba ovo aqui e ele é baba ovo do Padilha. É o fanboy Padilheiro Padilhista, vulgo vc. O estagiariozinho assessorzinho padilhista padilheiro.

Anônimo disse...

Calma candiota...

Anônimo disse...

Se fosse tão entusiasta do aumento da pista estaria pressionando para sair a vila Nazaré, não seja hipócrita e não subestime quem nos lê!!! Baba ovo ofice olf do Fortunati

Anônimo disse...

Polibio. Não são só as obras da copa.
Hoje estava na zona sul e resolvi usar a 3ª perimetral para vir para a Ipiranga, já que o viaduto da Bento estava liberado. Só que não. PASMEM. O CRUZAMENTO DA APARICIO COM A IPIRANGA ESTAVA EM OBRAS. Os incompetentes bloquearam o cruzamento por mais de 2 anos, agora liberaram o viaduto próximo e não se deram conta de que havia obras por fazer? É MUITA BURRICE? FALTA DE GESTÃO? OU MÁ VONTADE COM O POVO DA CIDADE?
Pior. Fecharam o antigo desvio que desviaria para a Bento Gonçalves. È preciso ir até a Cristiano Fischer e retornar. É MUITA PALHAÇADA. Ou melhor somos todos palhaços.
Das duas, uma. Ou são muito incompetentes ou estão boicotando o prefeito.
Cheguei a conclusão que nosso prefeito só tem tamanho.
Depois, uma Manoela Dávila da vida se elege prefeita e ninguem sabe porque..

Anônimo disse...

Ofice old baba ovo do Fortunati

Anônimo disse...

Todas são empresas privadas... o ente público apenas assina contratos... e paga! (exatamente como o modelo de gestão americano). É isso que chamam de meritocracia e eficiência?

Unknown disse...

Essa máfia que tomou conta da FIFA e do COI deveriam estar presos há décadas. Esse COI fez as Olimpíadas de 1936 na Alemanha NAZISTA do ADOLF HITLER. Fez Olimpíada na União Soviética. Fez Olimpíada na Grécia em 2000. Também fez as Olimpíadas de 2008 na CHINA CAPIMUNISTA. Em 2016 no Brasil mesmo com FAVELAS. Essa FIFA está atolada em escândalo há décadas. Copa da Argentina, Copa da França, Copa da África do Sul e etc.

Eu não sou contra o ESPORTE, sou totalmente a favor. O que sou

Na Alemanha teve uma revista lá que deu os parabéns aos brasileiros por terem VAIADO os líderes dessas entidades no Pan de 2007, Copa de 2014 e Olimpíada de 2016.

Tem até um documentário sobre isso, sobre o legado desses eventos ao longo da história.

Estádios abandonados, bairros que não foram urbanizados, promessa que não foram cumpridas.

Essa turma faz a FESTA, enche o rabo de dinheiro, pega o JATINHO ou HELICÓPTERO PARTICULAR onde tem um piloto vendido e se manda depois para um paraíso fiscal com seguranças e a proteção da máfia internacional.

Anônimo disse...

Kkkkkkkkkkk

Eu quero é a pista ampliada. O resto que se dane. Para tanto basta começar já. A remoção do entorno não é necessária para agora. O fanboy do Padilha se finge de burro. Ou é burro mesmo, já que não cansa de repetir a mesma asneira sem parar. Kkkk

Anônimo disse...

Beijinho no ombro pro Padilheiro Padilhista despeitado, que quer descontar a raivinha dele contra o Fortunati subestimando a inteligência alheia. Kkkkkkk

Só digo uma coisa, quem nasceu pra Padilha nunca chega a Fortunati. Kkkkk E quem nasceu pra estagiário do Padilha, só lhe resta ficar na web postando o currículo dele. Kkkk

A partir de agora fique falando sozinho, pois não perderei o meu tempo contigo, pois sei que já estás ciente da realidade, apenas finges não saber. Boa sorte na babação de ovo.

Anônimo disse...

Sai dessa ofice old do Fortunati/Basegio/Regininha

Anônimo disse...

Ofice old é ótimo. Kkk