Alemanha avalia como de "alto risco" a presença de estrangeiros no Brasil

A foto ao lado é de Antonio lacerda, da agência EFE, publicada por El Pais do dia 26. Ela mostra um homem caminhando em Copacabana, a praia mais badalada do Brasil.

O jornal El País de hoje, no seu site brasileiro, publica reportagem intitulada "Brasil é um país de alto risco, segundo a Alemanha", assinada pelo seu correspondente em Berlim, Enrique Muller. Leia:

A apenas seis semanas para o começo da Copa, um relatório do Ministério de Assuntos Exteriores alemão oferece uma imagem desoladora do país

Quando faltam apenas seis semanas para o começo da grande festa esportiva que representa o campeonato mundial de futebol no Brasil, o ministério de Assuntos Exteriores alemão divulgou um novo relatório sobre um tema muito sensível: a segurança que o país oferece aos milhares de turistas que chegarão à nação para aproveitar a grande festa e, ao mesmo tempo, torcer pelos seus times.

O relatório do ministério, em sua seção “serviços ao cidadão”, que é lida com atenção por todas as grandes agências de turismo do país e pelos turistas que compram pacotes de férias, oferece uma imagem desoladora do Brasil: uma nação onde não as leis não são respeitadas e onde o turista corre o risco de ser vítima de ladrões, sequestradores ou simplesmente de se envolver em confrontos entre a polícia e grupos criminosos, como aconteceu recentemente no Rio de Janeiro.

“Arrastões e delitos violentos não estão descartados, lamentavelmente, em nenhuma parte do Brasil. Grandes cidades como Belém, Recife, Salvador, Fortaleza, Rio de Janeiro e São Paulo oferecem altas taxas de criminalidade”, assinala o relatório, com data de 24 de abril, e que está sendo atualizado a cada 24 horas. “A princípio, o cidadão deve se portar de forma precavida em regiões ou em bairros de cidades que são consideradas seguras”, acrescenta o relatório.

Isso não é tudo. Segundo os especialistas do Ministério, que medem os níveis de violência e delinquência que existem nos países que os alemães costumam visitar como turistas, o Brasil se transformou em uma perigosa armadilha para viajantes desprevenidos que desconhecem a realidade do país. O Ministério recomenda que os turistas alemães não usem roupas chamativas e joias quando saírem a passear pelas ruas, que evitem levar grandes quantidades de dinheiro e escondam artigos eletrônicos, como telefones celulares e computadores portáteis. “Em caso de ataque, não resistir, porque os ladrões geralmente atuam sob influência de drogas, estão armados e não se amedrontam com ações violentas”, assinala o “Sicherheitshinweise” (indicações de segurança) do Ministério.

Brasil, um país de alto risco para os turistas que desejam visitá-lo durante o campeonato mundial de futebol? A fria descrição sobre o centro do Rio de Janeiro depois do horário de fechamento dos comércios não deixa dúvidas. “As ruas vazias do centro devem ser evitadas durante os fins de semana”, adverte o ministério, que reconhece alguns progressos realizados pela polícia nas famosas e temidas favelas da cidade.

Os especialistas do ministério de Assuntos Exteriores alemão colocam especial atenção à criminalidade que rodeia o mundo da prostituição, onde os roubos e assaltos são corriqueiro.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

11 comentários:

Anônimo disse...

Essa Copa vai ser um fiasco, como tudo que os petralhas fazem.

Da minha parte torco para a Argentina ganhar essa porcaria, assim acaba esse circo.

Mordaz disse...

A foto é claramente de um pescador submarino, vestindo um roupa de neoprene, carregando seus pés de pato, um arbalete e uma penca de peixes pescados.

Paulo disse...

Também acho que o risco para os turistas que estão vindo vai ser mais alto que o usual, já que a bandidagem vai estar de olhos nos turistas e suas posses (dólares, euros, equipamentos). Porém quanto à foto, acho que a fonte se enganou, a pessoa que aparece é um praticante de pesca submarina, e pelo jeito, teve uma boa pesca.

Anônimo disse...

Eu vou torcer para Alemanha.
Brasil que se dane nesta Copa.

Anônimo disse...

A Alemanha e demais paises "de 1o mundo" ajudariam se fizessem como o Brasil do PT de Lula, Dilma e Tarso, acolhendo as pessoas, perdoando a dívida dos paises pobres e investindo neles, para que, num futuro, bem próximo possam andar com suas próprias pernas, segurando seus concidãos em seus países e, inclusive para que eles possam ser potenciais compradores de seus produtos, ou seja, unindo o útil ao agradável.

Anônimo disse...

Um pescador?! Com peixes tirados daquele lixo todo ali???
Eu torço pela Alemanha ganhar e vaias para o Brasil.
Minha expectativa é que poucos venham para mostrar a realidade que essa petralhada promove.

Scout disse...

Concordo com o Mordaz. Esta foto está muito equivocada. Para começar, não parece em nada com Copacabana. E, principalmente, mostra outras duas coisas: uma pessoa que aprendeu a lição de pescar e sua desilusão com a imundice que o rodeia.

O que eles estão vendendo lá fora é que o brasileiro é porco, desonesto e assassino e vai aproveitar para roubar ou passar para trás quem puder, nos julgando de forma generalizada.

Eu, como brasileiro, já estou com vergonha do que vão falar depois do que será esta copa.

Ao menos, minha consciência está limpa; sempre fui contra sermos sede de qualquer evento deste porte, tanto 2014 quanto 2016.

samuel disse...

ATENÇÃO! Não consigo acessar SOMENTE a Veja e os blogueiros da Veja É mais fácil e é menos escandaloso haquear os computadores dos comentaristas do que os sites que eles acessam. É silencioso e vai apagando os leitores um a um.
Eles podem pagar os melhores haquers para desenvolver programas invasivos e, como noticiado, estão treinando um exercito de guerrilheiros virtuais para usar esses programas. POSTO ESTE COMENTÁRIO PROCURANDO RESPOSTAS DE OUTROS LEITORES/COMENTARISTAS DA OCORRÊNCIA DE FATOS SEMELHANTES.

samuel disse...

Não importa a imundície, não importa a ausência de saúde publica, não importa a falta de segurança, não importa que os aeroportos não estarão preparados, que os estádios estejam inacabados, que não tenha mobilidade urbana e com muita certeza não haverá luz elétrica suficiente, podendo faltar água. O que IMPORTA É QUE O BRASIL VAI SER CAMPEÃO. Essa é a parte mais fácil. BASTA CORROMPER. E nisso o PT é campeão. Vai nos custar umas duas PASADENAs, mas vai ser Campeão. Só não será se o LULA e o Blatter forem honestos. Será?

Anônimo disse...

Nesta Copa vou torcer para o México.

Anônimo disse...

É ESSA GENTALHA A BASE ELEITORAL PETISTA.