PMDB do RS apoiará Dilma em 2014. Só Ana Amélia será oposição no RS.

Aposta errado quem acha que o PMDB do RS repetirá a posição que teve na última campanha presidencial, quando desrespeitou a decisão da direção nacional e repeliu até mesmo a candidatura partidária de Michel Temer a vice de Dilma.

. Desta vez, o Partido marchará unido ao PT.

. O PMDB do RS já governa junto com Dilma e Michel Temer.

. Só não vê quem não quer ver.

. O apoio à candidatura de Dilma Rousseff não significa que o PMDB do RS não terá candidato próprio no Estado.

. Dilma terá pelo menos três grandes palanques no RS: Sartori ou Rigotto, PMDB; Vieira da Cunha, PDT; Tarso Genro, PT.

. Na oposição, apenas a senadora Ana Amélia Lemos, que abrirá palanque para o governador Eduardo Campos, PSB.

8 comentários:

Anônimo disse...

Acabou um das últimas resistências do PMDB ético do Brasil. Definitivamente o PMDB gaúcho se "acadelou" diante o PT. Definitivamente os peemedebistas que aderirem aos governos mais corruptos que o Brasil já teve, não honram as calças que vestem.

Anônimo disse...

É o fascínio da estrela...

Anônimo disse...

NORMAL os daqui alinhados com RENA e Sarney lá!!!

Assim ficam todos juntos na maracutaia. AFINAL, foi o PMDB que manteve esta porcaria de sistema eleitoral vigente na CF/1988!


Anônimo disse...

O PMDB e PDT apoiarão Tarso. Não delira, Políbio.

Anônimo disse...

O problema do PMDB é não querer ser governo, mas estar sempre junto ao poder...
É estranho e lamentável que o partido do RS se entrega ao PT, logo agora que sabe dos tantos escândalos e casos de corrupção cometidos pelos petralhas!

Anônimo disse...

Fazendo isso o PMDB automaticamente mata a candidatura ao governo do estado agora e, talvez, para sempre.
Se Dilma lá, por que não Tarso aqui?
A pergunta é tão óbvia, será que não enxergam?????

Anônimo disse...

Com certeza a Ana Amélia não abrirá palanque para o governador Eduardo Campos. Ela e o PSDB tem interesses mútuo. O PSDB oferece mais tempo de TV pra ela e ganha a vaga no senado se ela for eleita, por outro lado a Ana Amélia deve apoiar o Aécio em contra-partida. Ana Amélia fez campanha alinhada com o Aécio em Pelotas, para o pupilo dele.

Anônimo disse...

Ana Amélia "RBS" Lemos terá o apoio de Eduardo Campos do PSB e do PSDB (aécio e cerra) resta saber quem será o cabeça de chapa, o vice e quem vai abrir mão da candidatura entre os tres citados.