Cármen Lúcia autoriza corte de ponto de auditores fiscais grevistas

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, concedeu uma liminar (decisão provisória) para permitir o corte de ponto de auditores fiscais da Receira Federal em greve. Ela atendeu pedido da Advocacia-Geral da União (AGU). 

A ministra considerou haver risco à ordem pública caso não houvesse desconto pelos dias trabalhados. Ela destacou que o plenário do STF já decidiu sobre o assunto e autorizou o corte do ponto de grevistas por parte da União.

4 comentários:

Anônimo disse...

Se o judiciário brasileiro voltar a merecer o jota maiúsculo, as coisas tendem a melhorar. É preciso acabar com a farra da greve no serviço público. É um crime contra quem não tem defesa, e não passa de férias remuneradas, como até o molusco já afirmou.

Anônimo disse...

Parabéns á Ministra! Está mostrando quem veste as calças neste STF.

Essas greves rotineiras e confortáveis para o bolso e para a estabilidade de funcionário público tem que acabar!

maria tomaselli disse...

Oba....vão voltar is comentários😊😊😊

Anônimo disse...

Seria bom a presidente Carmem Lúcia agir sobre o comportamento de alguns juízes do supremo, sobretudo o Gilmar Mendes. O desrespeito do cidadão comum para com p STF já beira ao desprezo em relação a mais alta corte do país. Ande pelo meio do povo e ela vai sentir vergonha dos comentários da população sobre o supremo.