Por aumento no frete, caminhoneiros fazem paralisação na BR-386, RS, neste domingo. No Oeste do Paraná, situação é crítica.

Caminhoneiros dos municípios de Seberi, Rodeio Bonito e região, RS, realizam, desde o início da manhã deste domingo, um protesto no km 51 da BR-386 por causa do baixo valor dos fretes e do custo elevado do diesel.  A paralisação iniciou às 7h e conta com cerca de 400 metros de fila de veículos (12h30minj)  em ambos os acostamentos da via, conforme dados da Policia Rodoviária Federal. 

Não há hora prevista para o encerramento do boicote, que é contra o governo Dilma (leia outras notas, abaixo).

14h de domingos, dia 22.02, estradas do Paraná trancadas há dias. Capitão Leônidas Marques a Pato Branco sem trânsito. Já, começa a faltar frutas no Oeste do Paraná. Este tipo de abastecimento se dá a cada dia. Os prejuízos já começam a ser contabilizados. A informação é da empresa Frutas Barbacovi, que abastece o Oeste Paranaense, de Arroio Trinta-SC. Há quatro dias seus caminhões estão trancados nas rodovias. E, assim, seguem os relatos de outros fornecedores. Carnes, frango, grãos, produtos industrializados, máquinas agrícolas. 

Toledo possui o maior frigorífico da América Latina, ex-Sadia, atual BRF Sadia. Há um mar de caminhões parados em seus pátios. 

Um comentário:

Anônimo disse...

Vamos apoiar os caminhoneiros que trabalham de sol a sol para conseguirem as condições básicas de sobrevivencia de suas famílias. Enquanto isso o dono da Petra Energia que é filho do petralha Aloizio Mercadante faturou 153 milhões do gov federal para fornecer não sei oque. O nome da empresa até é sugestivo: petra energia que, na verdade, deveria ser Petralha Pilantropia, de filantropia pra cumpanheirada com dinheiro do imposto que pagamos. Tá aí uma explicacao pq o dilmão não rajustou a tabela do IR, a petralha philantropia precisa de $$$$$$ muito.