Resultado do leilão de ontem no pré-sal anima investimentos da Ecovix no RS

O resultado positivo do leilão do pré-sal, realizado nesta sexta com ágio de 171% e arrecadação de R$ 6,8 bilhões, amplia as chances para a retomada dos negócios da Ecovix em Rio Grande.

Com o plano de recuperação judicial homologado pela Justiça, a limpeza do terreno em andamento e contatos com investidores, a empresa mostra que tem estrutura para montar plataformas e outros equipamentos marítimos. 

A P-71, por exemplo, está com 30% montada e pode ser finalizada para entrar na exploração petrolífera. 

Foram construídas três plataformas em Rio Grande. A primeira delas, P-66, é a quarta maior produtora de petróleo no país, com quase 144 mil barris por dia, próximo da capacidade máxima de 150 mil.

2 comentários:

Anônimo disse...

Pelo ágio pago da para ver que houve subestimação do valor da concessão. Estão dando o patrimônio nacional.

Anônimo disse...

O Estaleiro da ECOVIX no porto de Rio Grande é provavelmente o maior e com melhor infraestrutura da América Latina. Seria um absurdo permanecer ocioso ou desativado.