Índice de confiança da construção avançou, mas o do comércio recuou em maio, diz FGV

O índice de confiança da construção civil (ICST), divulgado há pouco pela FGV, avançou 0,4 ponto na passagem de abril para maio, para 82,4 pontos, seguindo abaixo do nível neutro (100 pontos). Esse movimento refletiu o avanço de 2,1 pontos do componente de expectativas, que compensou a queda de 1,2 ponto do indicador de situação atual.

Outro índice de confiança que ficou abaixo do nível neutro foi o índice de confiança do comércio (ICOM), divulgado ontem pela FGV, que recuou 4,1 pontos no mesmo período, chegando a 92,6 pontos. Esse movimento refletiu os recuos de 3,2 pontos do componente de expectativas e de 4,7 pontos do índice de situação atual. 

Com esses resultados, as sondagens de maio apontam um quadro de recuperação mais gradual da economia brasileira.