CPMI da JBS quer prisão de Rodrigo Janot e sua equipe da PGR

A CPMI da JBS não acabou, mas o relatório final que os seus comandantes planejam terá como peça de resistência o pedido de indiciamento e prisão de Rodrigo Janot e do seu entorno na PGR.

A informação é do jornalista Lauro Jardim, O Globo deste domingo.

7 comentários:

Anônimo disse...

Concordo plenamente.
Esse Janot é mó trambiqueiro.

Anônimo disse...

Quando o pseudo jornalista Lauro Jardim será convocado pela CPMI para esclarecer a reportagem anunciando declarações do presidente sem confirmação com as gravações do açougueiro e que causaram 200 bilhões de prejuízo ao país??

Anônimo disse...



Tá bom... se prenderem janot, o ministro gilmar vai surtar de alegria!!!.
E os Batistas serão soltos e homenageados... fazer o que né??

ganhatudo disse...

Boa pergunta, anônimo das 11:40hrs.
Quem procede de boa fé, se comete erros, sempre tem oportunidade de se desculpar e explicar como aconteceram os fatos.
Já quem procede de má fé jamais se desculpa, pois vale tudo pela causa.
Qual será a posição desse jornalista?

Anônimo disse...

Ótimo. Boa notícia!!!

Mordaz disse...

Bem que Joesley avisou que Temer era o bandido mais perigoso do país. Janot e Fachim eram heróis até chegar ao Chefe Temer. O aliado do PT por 13 anos.

Anônimo disse...

E no que deu a CPI das ONG? Em 5 anos, Lula repassou R$ 12,6 bilhões para
ONGs. Dinheiro para amigos, mal fiscalizado. Auditoria do TCU (Tribunal de Contas da União) chegou a apontar que 54% das verbas federais destinadas a ONGs eram repassadas a entidades sem capacidade para realizar as atividades propostas.http://www.escandalodomensalao.com.br/cap13.php
https://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/194594/CPIongs.pdf?sequence=6