60 mil saem mais aguerridos e politizados contra Dilma em Porto Alegre

Os próprios principais organizadores da concentração e passeata desta tarde em Porto Alegre ficaram surpresos com a quantidade de manifestantes que foram ao Parcão e depois acompanharam cinco carros de som até a Redenção. O grande sucesso dos carros de som foi a Banda Loka Liberal. Poucos oradores falaram, mas todos animaram o público.

O tempo estava nublado e chegou a chover as 15h.

O público pareceu mais aguerrido e politizado do que o das manifestações anteriores.

A foto ao lado registra a passagem sobre o Viaduto da avenida João Pessoa.

O povo começou a chegar as 13h30min, mas só a partir das 15h o ato público ganhou musculatura e quando a passeata começou, 15h30min, 60 mil pessoas estavam nas ruas.

Na última manifestação, março, foram 100 mil manifestantes, mas desta vez os grupos Mobimento Brasil Livre, Vem pra Rua e Revoltados on Line, esperavam algo como 10 mil a 20 mil pessoas. A multidão de 60 mil surpreendeu.

A palavra de ordem principal foi "Fora Dilma", mas sobrou muito apoio para o juiz Sérgio Moro, que ganhou cartazes.

Não houve incidente. 400 homens da Brigada protegeram os manifestantes. Eles contaram com o apoio de dois helicópteros e um drone.

12 comentários:

Anônimo disse...

Sucesso total!!!Qual governo "democrático" recebeu três manifestações em sequência...!!! Para tirar o Collor bastou apenas uma.

Anônimo disse...

Participei de todas as outras manifestações, mas hoje estou em viagem pela Europa e senti demais por não ter participado do movimento aí. em Porto Alegre!
FORA PT!!!!

Lucaspsb disse...

Estava grandiosa mesmo, não entendi porque na frente da RBS se deu meia volta e não se foi até a Redenção, como previsto.

Anônimo disse...


Estive lá pela terceira vez e realmente é muito bom o movimento. Um dos caminhões de som (com baú preto e que estava logo em seguida do caminhão da Banda Loka) apesar de suas laterais cobertas, mostrava na traseira um logotipo da Força Sindical (do tal Paulinho).
Acho que os organizadores (Movimento Brasil Livre, Vem pra Rua, Revoltados on Line e/ou outros) precisam dizer o que pensam. Se concordam com a presença e apoio (????) desses oportunistas, é só confirmar, que FICO FORA.

Unknown disse...

E O STF? E O STE?E os TCUS?
Vai adiantar alguma coisa?
País podre não adianta nada .

Anônimo disse...

Caro Polibio , qualquer adjetivo para as manifestações no RS menos politizados !!!!!

Anônimo disse...

Anônimo das 20:14,
Também achei muito esquisito o tal caminhão. Não vi o logotipo da Força Sindical na traseira do caminhão, mas vi na lateral alguma coisa como "Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí". Muito esquisito. Também gostaria que o MBL e/ou o Vem Pra Rua falassem alguma coisa a esse respeito.

Anônimo disse...

Infelizmente nós não fomos. Minha mãe que tem 92 anos iria junto, entretanto, ela achou frio e com muito vento. Então, ficamos em casa. O fato de haver um número menor de pessoas não significa que alguém "trocou de lado". Nem pensar.

Anônimo disse...

enquanto 60.000 pessoas estavam na manifestação, uns gatos pingados tentavam atrair qualquer um para um tal de "coxinhaço" na Lima e Silva.
Na frente do instituto do nove dedos juntaram 500 patetas, sendo que o ser que leva o nome do instituto nem deu as caras por lá. Deve estar debaixo da cama se escondendo. O PT já era!

Anônimo disse...

O polibio tem q entrar num curso de abacus, pq tá ruim de conta, viu....60 mil??????!!!!!?!?!?!?!?kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Só lembrando que depois de março teve uma outra manifestação dia 12 de abril..essa de abril foi mais fraca..

Lucaspsb disse...

Anônimo das 10:55, e os mamutes estatais e centenas de ONG's que patrocinam as marchas gayzistas? E o pessoal do PSOL, PT, PCdoB, PSTU, e outros? Além do incentivo cultural, como "um movimento que gera muita riqueza e traz divisas"? É, no Brasil, basta ter relações com a porta dos fundos para virar um semideus, enquanto quem caminha quilômetros e dispensa o domingão pelo bem do país e cumprimento da constituição é um OTÁRIO. Deixa o tempo passar, aliás, o Tempo é um ótimo tutor.