Paternidade do Pólo Naval do Jacuí acende disputa política em Charqueadas

É forte a disputa política pela paternidade do chamado Pólo Naval do Jacuí, lançado há menos de 30 dias no Piratini. O RS já conta com o Pólo Naval de Rio Grande, em pleno funcionamento.

. É que a sede do Pólo Naval foi localizada  no pobre município de Charqueadas, epicentro da atrasada região carbonífera do RS.

. O atual prefeito, Gilmar Souza, do PT, atribuiu a si mesmo, ao governador Tarso Genro e à presidente da Petrobrás a iniciativa do empreendimento.

. O ex-secretário de Obras e ex-vereador Edgar Dassoni resolveu reagir e avisou ao editor:
- O Pólo Naval do Jacuí é decisão do governo estadual, que soube atrair o apoio decidido da Petrobrás.

. Já estão confirmados para a área investimentos da Iesa, Tomé, UTV e Metasa.

- A decisão do governo estadual de criar dois Polos Navais é altamente questionada e parece sem sentido. O  anúncio do Piratini ignora o fato de  que o Pólo Naval do RS é um só, não importando o número de braços que venha a ter. A prevalecer a atual política, logo em seguida será lançado o Pólo Naval de Pelotas. 

5 comentários:

Anônimo disse...

Quem diz que o plo naval é um só e por isso tem de estar em um lugar só desconhece a magnitude desse empreendimento. Moro em Rio Grande e sei que o polo naval seria impossível se dependesse só daqui. A indústria gaúcha como um todo já era fornecedora nacional de componentes pra indústria do petróleo(Petrobrás). E a indústria nacional do petróleo todo mundo sabe que é quase 100% sediada no Rio de Janeiro. A parte de baixo(casco) da plataforma que teve sua montagem aqui no dique seco veio de pernambuco. Tudo isso somado se deveria e se deve deduzir que para essa indústria a distância não existe,mesmo porque,até ontem era tudo importado da Coreia. Assim sendo,dizer que o polo naval é um só,demonstra total desconhecimento do que se trata. Tem capacidade de se espalhar mais ainda pelo Rio Grande do Sul,se assim quiser a Petrobrás e o governo. Contando que se faça um bom sistema de transporte fluvial é claro. A mão de obra terá de ser feita toda,como foi aqui,e ainda tem gente que vem de fora,logo,vai ser só repetir em Charqueadas o que se fez aqui.

Anônimo disse...

Prezado Políbio,

Pois o "Pai do Polo" não é nenhum nem outro. Na verdade, o Polo tem pai e mãe. A mãe é a IESA Óleo & Gás, que promoveu estudos para implantação da unidade do RS e descobriu que Charqueadas era o melhor local. E por que? Por causa da navegabilidade do Rio Jacuí, o pai do Polo. E Charqueadas não é tão pobre assim. Pobres são seus políticos, atrasados.

Luiz Vargas disse...

Pelo visto o polo PeTralha chegou bem antes do anunciado polo naval.

Anônimo disse...

O prefeito de Charqueadas é Davi Gilmar Abreu de Souza, do PDT.

Anônimo disse...

Goоd day! I just wish to οffеr you а
huge thumbѕ up for the excellent infoгmation you've got here on this post. I'll be returning to
your site foг more soon.

Here is my web ѕite - Instant Payday Loans Online
Also see my website > payday loans online