Opinião do editor - Vitórias parlamentares tópicas do governo não inviabilizam o impeachment

A vitória da base aliada do governo, esta madrugada, na confirmação dos vetos de Dilma sobre leis que aumentavam estupidamente os gastos públicos (leia nota abaixo) está sendo interpretada pelo PT como uma prévia do que acontecerá com o impeachment, caso o pedido entre em discussão e votação.
É possível.
E pouco importa.
A votação do Congresso não altera o cenário de deterioração ética, política e econômica que assola o País, sem que se vislumbre qualquer mudança para melhor no curto e médio prazos, o que significa que o governo atual não tem mais condições de se manter.
As razões para o impeachment, todas elas ligadas a crimes que levam a investigações, prisões e condenações no âmbito da Operação Lava Jato, avolumam-se a cada dia que passa, sendo mais e mais reveladoras sobre a existência de uma organização criminosa política, eleitoral e pessoalmente comprometidas com a corrupção sustentada pelo próprio Palácio do Planalto. 
O que se viu no passado é que um processo de impeachment, depois de desencadeado dentro de um cenário de degradação como o atual, não depende exclusivamente da vontade dos deputados.
Da mesma forma que disse o deputado Ibsen Pinheiro quando anunciou a cassação de Collor, "aquilo que o povo quer, esta casa quer". 

9 comentários:

Anônimo disse...

Dilma vende o Brasil e o que for possível para comprar o congresso e câmara. Já não acredito mais que o impeachment seja aprovado, embora seja a única luz no fim do túnel para os brasileiros.

Anônimo disse...

Opinião do editor que festejou o aumentos de impostos ! Não.

Anônimo disse...

Menino do Rio voa com dinheiro dos mineiros:

23/09/2015

Aecím ia para o Rio na quinta, no aviãozinho que o povo de Minas sustenta.

Esperrrto, ele!

Ele tem pavor de Belo Horizonte!

Não tem praia!

Não tem Leblon.

Não tem Body-Tech.

Saiu na Follha de SP.............:


Aécio usou avião de MG para ir 124 vezes ao Rio

RANIER BRAGON
AGUIRRE TALENTO
DE BRASÍLIA

O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), usou aeronaves oficiais para realizar 124 viagens ao Rio de Janeiro nos sete anos e três meses que governou Minas Gerais (2003-2010), de acordo com relatório produzido pelo atual governo mineiro, comandado pelo PT.

O documento, feito para atender a requerimento originalmente realizado por um deputado estadual do PSDB, mostra uma média de 1,4 viagem por mês ao Rio e a outras cidades fluminenses, como Búzios e Angra dos Reis.

A maioria das viagens foi entre quinta e domingo. Além disso, há em 2008 e 2009 seis passagens para Florianópolis, onde morava a namorada e hoje mulher do tucano, a ex-modelo Letícia Weber.

A planilha informa, por exemplo, um deslocamento a São Paulo, Rio e Florianópolis em 19 de fevereiro, quinta da véspera do Carnaval. Colunas sociais de Florianópolis registraram fotos do então governador em uma festa acompanhado de Letícia.

(...)

Paulo Henrique Amorim

Xi, O Deputado André Vargas do PT foi cassado por ter viajado de avião particular 2 vezes, será que o Senado vai achar pelo menos engraçado a REPORTAGEM INVESTIGATIVA da Folha de SP sobre o Senador, ex- Govenrandor de MG e ex-candidato a Presidente da República, pelo PSDB aécio neves? Ou é "mentira" o que a Follha publica contra o PSDB e "verdade" quando publica alguma coisa contra o PT? Ou to loco?

Emmanuel disse...

Correto o editor!
Só mesmo um idiota iria querer apear Dilma e assumir seu lugar depois de ter imposto um rombo orçamentário ainda maior.
O desenrolar, pelo menos dos vetos votados no dia de ontem, não discrepa do que já se sabia, iria acontecer.

Anônimo disse...

Noblat avisa Aécio de que o golpe subiu no telhado:

Ao comentar a movimentação no Congresso contra os vetos da presidente Dilma Rousseff, colunista Ricardo Noblat alerta para o tamanho real da oposição como ficou demonstrado ontem e diz que o PSDB não tem o direito de arrastar o país para uma aventura

23 de Setembro de 2015 às 09:09

O colunista Ricardo Noblat fez um alerta para a oposição de Aécio Neves. Ao comentar a movimentação no Congresso contra os vetos da presidente Dilma Rousseff, chamou atenção para o tamanho real da oposição como ficou demonstrado ontem.

“A oposição a Dilma, à frente dela o senador Aécio Neves (PSDB-MG), bateu em retirada da sessão do Congresso que manteve os vetos presidenciais aos projetos que criavam novas despesas”, disse. “Cabe à oposição refletir sobre o tamanho que de fato tem e as chances que imagina ter para abreviar o mandato de Dilma”, alertou.

Segundo ele, “por ambição desmedida, a oposição não tem o direito de arrastar o país para uma aventura”....

Xi, parece que o colonista Noblat, cantado com versos e prosas pela direita, tem opinião contrária a do editor.

Anônimo disse...

O que deduz da derrubada dos vetos, inclusive com o apoio do psdb, é que o pmdb está tentando dar melhores condições de governabilidade para Michel Temer após impeachment da dilma. Todas essas medidas impopulares ficarão na conta dessa incompetente que está no poder, inclusive a cpmf, que deverá ser aprovada.

Anônimo disse...

Vai se ferrar Xixi, tu é um baita de um paga pau de quadrilheiros.

Anônimo disse...

Parece que os comunistas mamadores nas tetas pagas por nós, não conhecem o PMDB. Vão tomar todo o poder do PT e depois com uma boa traição vão deixa-los sem local para enfiar seus enormes chifres.

Anônimo disse...

Xi, O Deputado André Vargas do PT foi cassado por ter viajado de avião particular 2 vezes, será que a PF vai achar ex- Presidente, pelo PT lula ? Ou é verdade o que a Midia conta contra o PT? Tá doido o PTRALHA das 11:02!