Terras indígenas e quilombolas: “Cenários” discute durante uma hora com Luiz Carlos Heinze.

O programa de IP TV de Leandro & Stormer, Porto Alegre, “Cenários”, conduzido pelo editor, apresenta posições corajosas do deputado gaúcho Luiz Carlos Heinze sobre demarcações de terras indígenas e quilombolas, inclusive no RS. Ele conta episódios de grossa ilegalidade e até grotescos sobre as ações do governo federal, prejudicando a atividade agrícola e o legítimo direito de proprietários de todo o Brasil. Os analistas financeiros Leandro Rushel e Stormer também participam das discussões.

. A tese sobre a demarcação de terras indígenas, cumprida na sua integralidade, obrigaria que todos os brasileiros emigrassem de volta para as terras dos seus ancestrais na Europa, Ásia e África.

. Presidente da Frengte Prlamentar Agropecuária, Heinze também aborda as questões ligadas às novas 
fronteiras agrícolas e a produção de alimentos, inclusive para exportação. Clique a seguir para ver tudo.

. São 5 blocos de 10 minutos cada um.

10 comentários:

Anônimo disse...

Tem que melhorar o som , está muito longe

Anônimo disse...

A questão específica dos quilombolas é mais controvertida do que a dos índios. Os índios são os nativos da região, já os quilombolas sempre foram invasores, tão invasores quanto os brancos e invasores totalmente improdutivos , quase que só ocupam espaço e fazem muito pouco de útil para a sociedade, portanto não tem função social ativa e produtiva, são meros usuários de bolsas assintenciais, infelizmente esta é a realidade. Há quilombolas legítimos em poucas regiões do estado, a estes até um tratamento diferenciado desde que não em prejuízo dos possuidores dos títulos legais de terras. Já aqui em Porto Alegre temos uma das maiores patacoadas ideológico-bananeiras na área do bairro Três Figueiras onde se olharem em fotos batidas na década de 60 da área só aparece uma pequena casa a partir da qual começou uma invasão multirracial, já vi lá brancos tão brancos quanto a Gisele Bunchen, é um dos maiores focos de assaltantes da região (será que é por que são então quilombolas, talvez por isto Paulo Paim os considere legítimos na zona!) e o nosso "probo" e senhor da verdade bananeira o senador Paulo Paim criou um factóide mentiroso, cínico e mal intencionado de que naquele lugar houve um quilombo com laudos baseados em pessoas que não tem a menor credibilidade real no mundo do bom senso , da honestidade e da ciência legal. Se aquilo lá foi um quilombo então Paulo Paim é um extraterrestre legítimo! Não, ele tem pele e osso e seus argumentos não resistem a nenhuma avaliação isenta baseada em fatos reais comprovados. Países que tem senadores como Paulo Paim tem um futuro decrépito a médio e longo prazo, estamos muito mais para Cuba , Somália e Haiti do que para Canadá, Nova Zelândia ou Suécia, e sem perspectivas reais de melhoras. Por que será? Por causa daqueles que pensam e sabem como fazer o progresso ou porque temos populistas irresponsáveis, cínicos e aproveitadores ao melhor espírito lei de Gérson? Atualmente nossa sociedade é regida pela força, nosso povo não pode se defender e não tem um estado que o faça, portanto não temos governo de verdade, apenas espertalhões que adoram a bandidagem. Por que liberaram toda a bandidagem junto com as manifestações populares da Copa da Confederações? Para acuarem mais ainda as pessoas de bem. Bandidos tem livre acesso a tudo, principalmente dentro do Palácio do Planalto, em todas as salas de lá e dizer que não sabiam de nada do que lá ocorre diariamente faz parte deste cinismo perverso. Tenho vergonha de ser brasileiro e tenho certeza de que muitos milhões também o tem, somente por saber o que ocorre dentro de nossas fronteiras e temo para breve uma mapliação de nossa guerra civil, pois ela existe ou 50.000 crimes violentos/ano não é uma guerra civil?

Justiniano disse...

Parabéns ao deputado Luis Carlos Heinze por sua atuação na Frente Parlamentar da Agropecuária. Precisamos de pessoas como Heizen para mostrar a importância do agronegócio para o país.

O avanço da agricultura no cerrado brasileiro é fruto do desenvolvimento da pesquisa para agricultura tropical (única no mundo). Hoje temos grandes regiões agrícolas tropicais como Chapadão do Sul (MS), Rondonópolis, Tangara da Serra, Lucas e Sorriso (MT), Balsas (MA), Luis Eduardo Magalhães (BA) e Cristalina e Luiziânia (GO). Todas essas regiões foram desenvolvidas por gaúchos empreendedores e com visão empresarial. Inicia-se um grande polo em Bom Jesus no Piauí e norte de Tocantins, onde novamente gaúchos estão abrindo as fronteiras agrícolas do país.

Anônimo disse...

INDIO NÃO TEM DIREITO A TERRA.
ISTO É COISA DA GUERRILHA PETISTA.
ESTAMOS A CADA DIA MAIS PRÓXIMO DE UMA GUERRA CIVIL DECLARADA.
PELO PT, A GUERRA CIVIL CONTRA O POVO HONESTO JÁ FOI DECLARADA A MAIS DE 20 ANOS, SÓ FALTA O POVO HONESTO REAGIR.

Anônimo disse...

Quanto aos índios concordo, mas os quilombolas as terras deles fica na africa, assim como a nossa é a europa.


Eduardo Menezes

Anônimo disse...

Vou reinvindicar um pedeço de terra na Amazônica onde fica o poço de Urucú da Petrobrás,afinal eu sou herdeiro de qualquer terra no mundo, sou descendente de Adão e Eva.

Anônimo disse...

Senhor Eduardo, eles não querem mais esquerdistas, comunistas e hitleristas na Europa.
Só o Brazil, Bolívia, Venezuela a mando de Cuba aceitam estes tipos.

Anônimo disse...

Ótimo sr. das 18:46, acredito que não tenha me explicado bem, quando inclui a raça branca na Europa, foi com a intenção de evitar um processo por racismo, sempre tem um BOI CORNETA de plantão. Mas se formos distribuir terras a todos em pouco tempo teremos que mandar alimento e empréstimos para o interior, o sr. já sabe que ovelha não é prá mato, os quilombolas, sem terras, etc, essa gente não sabe trabalhar a terra e faltará alimento se este DESGOVERNO continuar a fazer doação de terras produtivas.( os sem terras nasceram e foram operários do campo, sendo mandado, como vão produzir em grande escala, falta conhecimento tecnico de manuseio, falta tecnologia, falta estradas e capital inicial)( os quilombolas vão fazer uma vila no campo e nos teremos que mandar sextas básicas para sustenta-los) ai é ruim tem que acabar com estes regalitos, fazer este povo trabalhar e parar de gigoliar a parte que trabalha.


Eduardo Menezes

Anônimo disse...

VALEU SR. EDUARDO ESTÁ EXPLICADO.
NÓS ESTAMOS CANSADOS, ESGOTADOS DO PT.
AGORA QUE ELES SE UNIRAM AO STF, PENSO QUE A LIBERDADE ACABOU NO BRASIL.
MAS, AGRADEÇO A TUA EXPLICAÇÃO, NOTO QUE ÉS UM HOMEM DO BEM.
SAUDAÇÕES!

Anônimo disse...

Luís Carlos Heizen fez comentários racistas e preconceituosas em seu discurso, ele não merece representar o povo brasileiro, assinem esta petição para cassação de mandato do deputado:

Para ler mais a respeito e assinar:
http://www.avaaz.org/po/petition/Congresso_Nacional_Cassacao_de_mandato_do_Deputado_Federal_PPRS_Luis_Carlos_Heinze/?launch