Obras da duplicação da ERS-118 avançaram muito durante o governo Sartori

O governo Sartori avançou muito e até muito rapidamente, mas dificilmente entregará até o final do ano, término do seu mandato, os 22 quilômetros do trecho da ERS-118 que liga Sapucaia do Sul e Gravataí.

As obras andaram a passo de tartaruga durante 15 anos, tudo por falta de planejamento, de verbas e de dificuldade na remoção da população situada sobre a linha traçada para a estrada. 

Além da duplicação, estão sendo construídas ruas laterais, uma em cada sentido da rodovia. E também serão oito viadutos ao longo de 22 quilômetros.

O trecho onde as obras estão mais atrasadas são os cinco primeiros quilômetros de Sapucaia do Sul. As proposta para os trabalhos foram enviadas por licitação, e devem ser conhecidas no próximo dia 29.

Nos outros trechos, conforme o Departamento Estadual de Estradas de Rodagem (Daer), as obras estão entre 70% e 80% prontas. 

5 comentários:

Anônimo disse...

avançaram muito mesmo ....
e nenhum canal da grande mídia divulgou tal fato .....
mas pra contar buracos na ERS118 ( eles iam todos dias )

JORGE LOEFFLER .'. disse...

Essa duplicação foi iniciada faz já muito tempo, mas o primeiro a fazer as obras andarem foi o Governo Tarso que inclusive moveu incontáveis ações judiciais para desocupação das áreas de domínio no entorno da mesma que foram totalmente ocupadas por décadas com vergonhosa omissão do DAER e de seus guardas rodoviários que jamais tomaram uma atitude quando tais ocupações ocorriam. Tais ações judiciais são lentas e isto ainda entrava o avanço das obras. Esse Governo nada mais faz do que sua obrigação.

Anônimo disse...

O Gringo tá trabalhando bem, dentro das possibilidades e da escassez de recursos.

Anônimo disse...

Puxa, para elogiar um, tem que criticar outro. Parabéns aos dois, não conseguimos isso?

Anônimo disse...

Parcelando a quase 4 anos é daí que vem os recursos. O bom que depois que ele sair nós parcelamos o dele ou melhor não vamos pagar mesmo esse polenta.