Sueca Skanska que vai embora, participou de uma das obras de ampliação da Refap

A razão social da empresa sueca envolvida com a Petrobras e que decidiu ir embora do Brasil é Skanska.

.Ela é uma das maiores do mundo na área de obras de engenharia.

 . A Skanska E antiga prestadora de serviços de engenharia usada pela Petrobras, tanto que participou de uma ampliação da Refap em Canoas na década de 90. Seus escritório no Brasil são em SP. 

Um comentário:

Justiniano disse...

Se há um código de ética que rege as empresas multinacionais, haverá uma debandada de empresas do setor do petróleo do país.

Porque o quadro que CEO das empresas multinacionais estão no vendo no Brasil é algo que nunca na história da corrupção foi visto em lugar nenhum do mundo.

Aqui tinham uns quantos que acusavam ser o Paraguai o país mais corrupto do mundo e hoje se vê que nesse caso é um mero ladrão de galinha perto dos casos de corrupção da Petrobrás.

Até nisso o Paraguai dá exemplo, lá o judiciário tem rito sumário e depois o bispo "comedor" ser impedido, em 24 horas foi deposto sem apelação ou embargos infringentes, já aqui.....