Artigo, Donato Heinen, Gazeta do Povo - A tradição de infanticídios e sacrifícios humanos indígenas que a esquerda relativiza


Uma porção de deputados de partidos esquerdistas saiu correndo em defesa do infanticídio

Poucos filósofos defendem o relativismo. Com argumentos fáceis de defender em situações hipotéticas, se aplicados à vida real eles se revelam falhos. Mesmo sem prestígio entre quem dedica a vida ao estudo do pensamento, o relativismo encontrou terreno fértil para prosperar entre parte da esquerda brasileira. Para quem não está familiarizado, o relativismo defende que não existem culturas ou mesmo princípios morais superiores, já que diferentes grupos têm códigos morais diferentes. Ou seja, tudo é permitido.

Essa visão de mundo um tanto peculiar, para dizer o mínimo, se manifestou após fala da ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, dando a entender que o governo brasileiro vai intervir nas tribos indígenas que enterram crianças vivas. Uma porção de deputados de partidos esquerdistas saiu correndo em defesa do que é, na prática, infanticídio puro e simples, sob o pretexto furado de “proteção à cultura dos índios”.

Em comentário ao site Huffington Post Brasil, o deputado Júlio Delgado (PSB-MG), membro da Frente Parlamentar em Defesa dos Povos Indígenas, afirmou que as declarações da ministra revelam “um desconhecimento total sobre a cultura do...

CLIQUE AQUI para ler tudo.

17 comentários:

Anônimo disse...

Depois que a esquerda ficou 16 anos no poder destruindo o país, vem a direita colocar os podres que eles tanto defendem. Deviam ter feito isso há 16 anos pra abrir os olhos dos cegos. Depois do leite derramado, já era.

Anti comunista disse...

Todo esquerdista, é um débil mental, um bandido em potencial, uma inutilidade como ser humano!

Anônimo disse...

Se tudo o que é cultural deve ser permitido , como defendem os esquerdistas, sugiro que os indígenas retomem o velho hábito de cozinhar europeus em caldeirões. Sugiro tbem que comecem pelos petralhas. Tradição é cultura.

Anônimo disse...

Por respeito à cultura do Khmer Vermelho vamos enterrar vivos todos esquerdistas, afinal eles são respeitadores de todas tradições e não podemos decepcioná-los....

Mordaz disse...

O Papa Francisco também apoia a Pachamama.

Cris disse...

Enterrar crianças vivas? No meu país?
Ah! Pode parar...
Taca um processo para cima do índio que fizer isto e explica para ele que lei é lei e que ele mora no Brasil e pronto...
Ou será que não foi assim que o canibalismo teve fim?
Ou querem ver gente virando ensopado novamente?
Lembram do Bispo Sardinha?
É... pois é...
Acabou esta história e a cultura indígena não morreu ... ela evoluiu...

Anônimo disse...

Se a liberdade cultural está liberada, então vamos andar armados até os dentes pelas ruas. Os tempos do faroeste voltou. E os gaúchos com o facão e adaga na cintura, um clássico do sul, e no nordeste pra não faltar os cangaceiros com feixe de balas atravessado no peito municiado até por dentro dos alhos.

Anônimo disse...

Os índios tem o direito de expulsar os invasores das terras que sempre foram deles.

Anônimo disse...

A esquerda é bandida, é assassina, só defende tudo o que não prest. Defendem o Maduro da Venezuela, que já fuzilou 620 venezuelanos nas ruas em protestos. A esquerda é bandida não reconhece que o comunismo matou mais de 100(cem) milhões de pessoas em todo o mundo. Ainda apoiam os genocidas LENIN E STALIM. A rede globo, com o willian bonner no JN, só mostra as manifestações nas cidades chilenas, MAS NÃO MOSTRAM A IGREJAS INCENDIADAS, JÁ PASSAM DE 15 IGREJAS QUEIMADAS E AS IMAGENS JOGADAS NO MEIO DAS RUAS E QUEBRADAS. Pq a rede globo não mostra os incêndios das igrejas chilenas....????????????

Anônimo disse...

O Júlio Delgado fazendo apologia do crime sem ser processado! Nem animais se enterram vivos, maldito estrupicio! Ou será que algum dos eleitores mineiros que votaram nesta desgraça concordam que "para seguir tradições indigenas" eles podem enterrar crianças indigenas vivas? Cuidado com estas teses fulecas ultrapassadas, daqui a pouco vá que achem um indio AINDA canibal que poderá encontrar o Júlio e achar ótimo comer o Julinho todinho, vivinho da silva e aí a galera dará a maior força!

Anônimo disse...

NA IGREJA CATOLICA OS PADRES COMEM CRIANCINHAS...É CULTURA, A DO ROSARIO APLAUDE!

Ricardo disse...

Os aropófagos, ao abaterem seres humanos para consumo, o faziam para que as qualidades de coragem, e sabedoria daqueles corpos lhes fossem transferidas. A ausência destas nos esquerdistas, como sói, os faria serem rejeitados como impróprios ao consumo.

Ricardo disse...

Relativiza para o grande público. Entre eles, têm frêmitos de prazer! Esquerdistas adoram ver sangue alheio correr!

Unknown disse...

A esquerda e contra a lei de evolução. Defender infanticídio por que seria a cultura de uma determinada tribo indígena e manter i atraso moral dos seres. Absurdo que atenta quanto ao dever de se esclarecer o que s ta mergulhado em sombras. A cultura não deve ser justificativa para o que é desumano e sanguinário. Vai defender também a discriminação que países árabes e muçulmanos fazem contra gays e mulheres? Enterrar crianças não vai de encontro aos direitos humanos que a esquerda diz defender?

Anônimo disse...

São piores que animais. Não conheço nenhum animal que enterra sua cria viva... Nojo de esquerdista.

Anônimo disse...

Estes petitas e a esquerda brasileira é nojenta, sem ética, não tem vergonha na cara e pensam que enganam a população brasileira.
Veja o Luladrão, está totalmente desmoralizado, igual ao PT, somente um grupo de jaguaras o acompanha.
O PT ACABOU!

José Corrêa disse...

A eskerdalhada é sinônimo de bandidagem!!!