Tensões políticas fazem o mercado sangrar. Bolsa continua despencando e dólar prossegue trajetória de alta.

A Bolsa prossegue em queda neste início de tarde, enquanto que o dólar sobe levemente.

Em menos de uma semana, desde quinta-feira, a Bolsa já caiu 3,38% e o dólar subiu 4,3%.

As 14h30min

Bolsa, -0,74%, 105.964 pontos
Dólar comercial, +0,27%, R$ 4,1798

As tensões políticas causadas pela libertação de Lula e pela contestação popular às decisões do STF, com as consequentes repercussões polêmicas dentro e fora do Congresso, fazem o  mercado sangrar, sem consideração aos bons fundamentos econômicos.

7 comentários:

Ultra 8 disse...

Soltar bandidos trás problemas econômicos?

Onde a economia brasileira tem sua referência desenvolvimentista, na porta da cadeia???

Que país de merda, o tal garoto de Chicago, serve para quê, só para vender o Brasil para chineses e o resto do mundo?

Se nossa soberania e economia depende de porta de cadeia, não há futuro.

Anônimo disse...

Acertei ou não???


kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!


https://www.blogger.com/comment.g?blogID=6826541230169366524&postID=1014183166085983257&isPopup=true&bpli=1

Virada do ano 2020 será ano de recessão global!!!

A curva vai baixar , já estabilizou e queda vertiginosa!


O especulativo vai debandar em peso!

Anônimo disse...

Esquerdopatas acendendo o pavio dos conflitos aqui com a suposta invasão à embaixada da Venezuela. Cuidado, muito cuidado! Esses doentes mentais fazem uma fogueira com um graveto.

Anônimo disse...

Esquerdopatas acendendo o pavio dos conflitos aqui com a suposta invasão à embaixada da Venezuela. Cuidado, muito cuidado! Esses doentes mentais fazem uma fogueira com um graveto.

Anônimo disse...

Esquerdopatas acendendo o pavio dos conflitos aqui com a suposta invasão à embaixada da Venezuela. Cuidado, muito cuidado! Esses doentes mentais fazem uma fogueira com um graveto.

Anônimo disse...

Lá se foram os Bilhões do pré sal.

Anônimo disse...


Que manchete descabida.

O dólar e a bolsa variando dentro da normalidade.
As medidas econômicas estão começando a surtir efeito.
Com as privatizações o país vai deslanchar.