CEEE diz que voltou a atender reclamações por torpedo, via 27307

A força dos ventos rompeu ainda cabos de fibra ótica do provedor de dados da Companhia, comprometendo o serviço de informação de falta de luz por torpedo até as 17h de sábado. O serviço já está disponível, e os clientes que quiserem comunicar a falta de energia podem enviar torpedo para 27307, com a palavra LUZ e o número da instalação.

Mais de 1,5 mil funcionários da CEEE, com o apoio de bombeiros, trabalham na restauração do fornecimento de energia na sua área de concessão, mas até as 20h deste domingo, 105 mil clientes da região metropolitana, 102 mil dos quais de Porto Alegre, continuam sem luz e energia.

Em alguns bairros, como Petrópolis, bolsões de casas e apartamentos voltaram a contar com energia elétrica fornecida em apenas uma fase.
.
Segundo o Sistema Ceic-Metroclima da prefeitura de Porto Alegre, os ventos alcançaram 120 km/h e duraram em torno de 1 hora na sexta-feira. No mínimo 300 árvores de grande porte foram derrubadas em Porto Alegre, danificando a rede de energia e obstruindo ruas. Objetos metálicos, placas e telhas também foram arremessados contra os cabos e equipamentos da CEEE. 

CLIQUE AQUI para ver cenas do temporal de sexta-feira. O video é de leitor de Petrópolis. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado leitor: o seu comentário é de sua exclusiva responsabilidade, conforme dispõe o Marco Civil da Internet. O fato de ser utilizado o anonimato, não o exime de responsabilidade, porque a qualquer momento seu IP pode ser levantado judicialmente e a identidade do autor surgirá de maneira clara. O editor apenas disponibiliza sua via, sua estrada, para que o leitor utilize-a, mas não tem qualquer responsabilidade em relação aos conteúdos aqui disponibilizados.