Procurador Geral da República quer prisão imediata de Zé Dirceu e seus comparsas do PT

* Clipping www.uol.com.br

Na reta final do mensalão, o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, disse nesta segunda-feira que se não houver a prisão imediata, os 25 condenados pelo STF (Supremo Tribunal Federal) só devem ir para a cadeia a partir de 2014.

. Gurgel afirmou que no mensalão é "perfeitamente admissível" a prisão imediata, além da perda automática do mandato dos três deputados considerados culpados no caso.

. "Se não tiver prisão imediata como requerida pelo Ministério Público, o meu horizonte para cumprimento dessa decisão é bem mais longo, talvez 2014, ou bem depois, porque o nosso sistema processual prevê esses recursos", disse.

. Segundo Gurgel, não é preciso esperar o julgamento dos recursos porque não há nenhuma medida neste caso que possa reverter à decisão do plenário do Supremo. Parte das defesas dos réus, no entanto, promete entrar com um recurso pedindo um novo julgamento, o chamado embargo infringente, previsto para casos que registraram mais de quatro votos divergentes. Ministros do Supremo ouvidos pela Folha, no entanto, avaliam que essas reclamações devem ser rejeitadas.

11 comentários:

  1. tem que prender logo mesmo!

    o JeiDi anda por ai escrevendo em blogs e rebatendo opiniões como se nada tivesse acontecido, ora bolas...

    cana eh cana!

    e nada de Facebook, celular e internet na prisão...

    cadeia nao eh hotel...

    ResponderExcluir
  2. Parece que o eminente Procurador Geral quer passar por cima da CF/88 art. 55, VI c/c parágrafo 2o.

    ResponderExcluir
  3.  De um leitor!
     
    'Uma nação pode sobreviver aos idiotas e até aos gananciosos, mas não pode sobreviver à traição gerada dentro de si mesma. Um inimigo exterior não é tão perigoso, porque é conhecido e carrega suas bandeiras abertamente. Mas o traidor se move livremente dentro do governo, seus melífluos sussurros são ouvidos entre todos e ecoam no próprio vestíbulo do Estado. E esse traidor não parece ser um traidor; ele fala com familiaridade a suas vítimas, usa sua face e suas roupas e apela aos sentimentos que se alojam no coração de todas as pessoas. Ele arruína as raízes da sociedade; ele trabalha em segredo e oculto na noite para demolir as fundações da nação; ele infecta o corpo político a tal ponto que este sucumbe'.

    (Discurso de Cícero, tribuno romano, 42 a.C.)
     

    ResponderExcluir
  4. Todos os animais são iguais mas alguns são mais iguais que os outros.

    ResponderExcluir
  5. O anônimo das 22h44min, dá o pitaco utilizando artigos da constituição, a qual os PeTralha$ renegaram na época da promulgação.
    Quando é da conveniência, os quadrilheiro$ PeTralha$ utilizam qualquer argumento, mesmo aqueles que se negaram a apoiar em 1988.
    Os PeTralha$ cag.. para a constituição.
    Este pessoal a cada dia que passa demonstra que é cada vez menos partido político e cada vez mais organização criminosa.

    ResponderExcluir
  6. Querer não é poder!

    ResponderExcluir
  7. Cana já pro Zé !!! Quadrilheiro, corrupto deve ser afastado da sociedade, pois representa um perigo para as pessoas de bem ! Cana já nelle !

    ResponderExcluir
  8. Kadei pro ze quem vai prender ele e o SGT.Garcia..

    ResponderExcluir
  9. A CF/88 é para o bem e para o mal, todos tem que respeitar, inclusive o Sr Luis Vargas, o PGR e o STF

    ResponderExcluir
  10. Com o Voto do PT ou sem o voto do PT a CF foi aprovada na Constituinte e está em vigor para todos, independente de credor, cor, partido politico, etc., portanto o Sr Procurador Geral da República deve se curvar a CF, como qualquer cidadão brasileiro, tenha o cargo que tiver.

    ResponderExcluir
  11. A limpeza não está completa. Falta o "quadrilheiro mor" e sua eficiente secretária.Zé já me parece anjo diante das falcatruas do seu arrogante chefe!....

    ResponderExcluir

Prezado leitor: o seu comentário é de sua exclusiva responsabilidade, conforme dispõe o Marco Civil da Internet. O fato de ser utilizado o anonimato, não o exime de responsabilidade, porque a qualquer momento seu IP pode ser levantado judicialmente e a identidade do autor surgirá de maneira clara. O editor apenas disponibiliza sua via, sua estrada, para que o leitor utilize-a, mas não tem qualquer responsabilidade em relação aos conteúdos aqui disponibilizados.