Controlador da Taurus ganhou R$ 10 milhões no dia do decreto das armas

"O grupo controlador da Taurus Armas aproveitou o pregão desta terça-feira, em que houve movimentação recorde de ações, para reduzir participação na companhia e embolsar cerca de R$ 10 milhões. Na sessão, os papéis recuaram mais de 20%, perda que se repete nesta quarta-feira (16).

A Taurus divulgou comunicado ao mercado nesta quarta (16) em que detalha a operação. A Tauruspar Participações vendeu 260 mil ações ordinárias e 923 mil papéis preferenciais na véspera. Considerado ao preço médio de negociação das ações da companhia no dia (R$ 8,2229 e R$ 7,8491), o controlador pode ter embolsado R$ 9,38 milhões.

Com a movimentação, a Tauruspar agora tem e 61,24% da companhia, ante 62,82% detidos anteriormente.

CLIQUE AQUI para ler muito mais.

8 comentários:

  1. uma grana que a patuleia, agora armada, jamais vera em toda a sua irrelevante existência...

    agora é esperar os comentaristas capitalistas do salario mínimo aparecerem aqui para defender o "direito" de se ganhar 10 paus em um único dia, como fizeram com o filho do Mourão, que mesmo que não tivesse aceitado a promoção, ja estaria com a vida arrumada e azeitada, só esperando aquela aposentadoria do BB...

    mas a turma que conta salario no fim do mês estava empenhadíssima em defender o novo salario do assessor, dizendo ate que era "pouco"...

    ResponderExcluir
  2. Ninguem fala quanto ele perdeu..ao longo dos anos de escuridão do PT.

    ResponderExcluir
  3. Bem que este acionista poderia pagar a cirurgia que o Bolsonaro vai fazer no final do mes

    ResponderExcluir
  4. Polibio o controlador não ganhou dez milhões.. ele vendeu 10 milhões de reais em ações de sua propriedade...operação perfeitamente legal...

    ResponderExcluir
  5. Anônimo disse...
    Ninguem fala quanto ele perdeu..ao longo dos anos de escuridão do PT.
    16 de janeiro de 2019 19:25


    perder dinheiro quando se tem praticamente um monopólio, olha, é uma aula Magna de (des)administração empresarial...

    ResponderExcluir
  6. Quem comprou o papel na onda armamentista devia saber da saúde da empresa, que a alta era especulativa e que não ia subir para sempre. "Sobe no boato e cai no fato".
    Muita gente lucrou e muita sardinha levou prejuízo.
    Vida que segue...

    ResponderExcluir
  7. Aparecido Furlaneto, obrigada por esclarecer aos menos afortunados nos bancos escolares.

    ResponderExcluir
  8. Se percebe que a diferença entre 62,82 e 61,24 de 1,58% representa 9,38 milhões de Reais. Então 100% da companhia seria algo em torno de R$593,67 milhões de Reais.

    Percebe-se que uma empresa com décadas de existência não tem seu capital nem próximo de Um Bilhão de Reais.

    Mas víamos nos noticiários, que o governo Petista desviava facinho dos cofres públicos federais Bilhões e Bilhões de Reais.

    Vemos nessa comparação o tanto que roubaram do país, que muitas vezes é de difícil mensuração.

    ResponderExcluir

Prezado leitor: o seu comentário é de sua exclusiva responsabilidade, conforme dispõe o Marco Civil da Internet. O fato de ser utilizado o anonimato, não o exime de responsabilidade, porque a qualquer momento seu IP pode ser levantado judicialmente e a identidade do autor surgirá de maneira clara. O editor apenas disponibiliza sua via, sua estrada, para que o leitor utilize-a, mas não tem qualquer responsabilidade em relação aos conteúdos aqui disponibilizados.