Ao sair do PSDB para apoiar Bolsonaro, Graziano avisa:"Fazer política significa também sonhar"

Ao fechar com o Centrão, o PSDB afundou na imoralidade, diz Graziano.

O ex-deputado Xico Graziano, um dos fundadores do PT, ex-auxiliar de FHC, avisou que resolveu sair do PSDB e que votará em Jair Bolsonaro.

Em carta publicada pelo site Poder360, Graziano explica as razões do seu gesto:


Desculpem-me meus amigos tucanos, mas senti asco quando Geraldo Alckmin fechou sua coligação eleitoral com notórios bandidos da política. Ganhou tempo de televisão, perdeu a bandeira da ética.
Esse pragmatismo da política, necessário em certo sentido, contém um terrível germe que, se não controlado, destrói as utopias. Fazer política significa também sonhar.
 Infelizmente essas eleições só nos trazem pesadelo.

CLIQUE AQUI para ler toda a carta

22 comentários:

  1. Sentiu o cheiro de esgoto e teve bom senso.

    ResponderExcluir
  2. ATENÇÃO! VOCÊ QUE ESTÁ PENSANDO EM ANULAR O VOTO, VOTAR EM BRANCO OU NÃO COMPARECER ÀS URNAS! PEÇO QUE VOCÊ COMPARE AGORA, NÃO A SUA VIDA, MAS A VIDA DE SEUS FILHOS, NETOS, IRMÃOS, PAIS, SOBRINHOS, AVÓS... COMPARE ESSAS VIDAS COM A VIDA DOS FILHOS DO LULA! A DELAÇÃO DE MARCOS VALÉRIO PROVA PORQUE NENHUMA EMISSORA DE TV FEZ, ATÉ HOJE, UMA REPORTAGEM INVESTIGATIVA SOBRE A VIDA DELES. É QUE, COM O GOVERNO DO PT, A MÍDIA TRADICIONAL SE DEU BEM ($$$)! MENOS VOCÊ E SEUS PARENTES!!! BOLSONARO 17 NO PRIMEIRO TURNO!! OU VOCÊ QUER A VOLTA DO PT AO GOVERNO?

    ResponderExcluir
  3. Dentre estes "notórios bandidos" está incluida a Ana Amélia coluna, ou está só foi "convencida" a participar do grupo pelo Alckmin por ele ter informado a ela que ninguém do centrão citaria o nome dela em delação premiada e ainda com a GRANDE VANTAGEM de se eleitos, extinguir, exterminar a lava jato e assim manter para sempre seu nome livre das maledicências????

    ResponderExcluir
  4. Se Bolsonaro foi eleito, fiquem antenados ao quadrado e atentos ao que acontece no Congresso. A oposição destrutiva a Bolsonaro não vai desaparecer da noite para o dia. Considero provável até um golpe parlamentar até dezembro, com a aprovação na calada da noite de uma emenda parlamentarista, por parte de PT/PSDB/Centrão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem razão. Desses canalhas a gente pode esperar tudo mesmo. Melhor ficar sempre alerta, ligado. O risco continua.

      Excluir
  5. Vai pegar uma boquinha o calhorda vendido?

    ResponderExcluir
  6. Todos os calhordas estão migrando para o Bolso do Naro e vão contaminar o eleito? O Bolsonaro aceitará essa escumalha em troca de apoios?

    ResponderExcluir
  7. nos avisamos que Xuxu nao tinha a menor chance...

    o eleitorado o detestava e tinha asco do PSDB...

    mas politico antiquado como é, achava que ainda estava nos anos 80 e que tempo de tv era crucial para contar suas cascatas...

    danou-se...

    e junto, a Anamélia, cujo eleitor ja lhe tinha dado uma segunda chance depois daquele apoio VERGONHOSO para a comunista de boutique gaucha...

    nao terá mais outra chance...

    queimou todos os cartuchos diante do seu eleitorado..

    va chorar no ombro do Xuxu...

    ResponderExcluir
  8. olhe a diferença do povao do Bolsonaro cantando o Hino Nacional de maneira espontanea e apaixonda...

    e agora olhem esse verdadeiro velorio ai da foto, onde todos fingem algum patriotismo...

    ResponderExcluir
  9. as pessoas, eu inclusive, pegam mais asco desses centristas que ficam rebolando pra la e pra cá do que dos proprios inimigos...

    por isso a turma esta sendo acertadamente severa com o papelão da senhora, ainda senadora, Ana Amelia...

    de um sujeito repugnante como Luix Inaxiu ou Zé Desceu, sabemos o que pode vir e sempre estamos preparados esperando pelo pior...

    mas vindo de alguem para o qual ainda mantinhamos uma certa confiança, receber uma bordoada dessas como foi a candidatura da senadora junto com toda essa cambada que queriamos varrer do mapa, olha, é imperdoavel...

    como ja diz uma musica do Barao Vermelho: "é melhor ter inimigos do que ter falsos amigos"

    ResponderExcluir
  10. Ei, vocês, eleitores de Alckmin, Amoêdo, Álvaro e Meirelles!!!!!!!!

    Vocês, que se acham muito "gostosinhos" para votar em Bolsonaro no segundo turno, se a Chapa Pura dos Comunistas Haddad e Manuela vencer as eleições, VOCÊS TERÃO DE FUGIR DO PAÍS ou virarão ESCRAVOS do Governo Comunista que JAMAIS SAIRÁ do Poder!!!

    Os comunistas do PT e PCdoB VÃO NOMEAR MAIS TRÊS ministros do STF, Wadih Damous, Eugênio Aragão e Gleisi Hoffmann, que darão MAIORIA NO STF AO PT/PCdoB, para a implantação de todas as NEFASTAS IDÉIAS do comunista José Dirceu!!

    Chavez e Maduro FIZERAM EXATAMENTE ISSO: Primeiro nomearam todos os membros da Côrte Suprema da Venezuela, que deu sustentação a TODAS as ações posteriores dos ditadores!!

    Estão avisados!!!!

    ResponderExcluir
  11. O candidato da quadrilha tem nomes diversos. Em São Paulo Radardi, no Nordeste Andrad, sendo este muito próximo de Andróid.
    O tipo age como um andróide, nome que melhor se apresenta.

    ResponderExcluir
  12. Carlos Edison Domingues4 de outubro de 2018 12:34

    POLIBIO. Não sei quem é Xico Graziano mas, pelo histórico que ele apresenta, não está sendo coerente com o passado. Aprendi com a minha mãe e conservo este pensamento ao longo de 81 anos: "quem os pariu, que os embale" Se ajudei a fundar um partido e, por 30 anos, participei da sua existência não é a hora de saltar do navio. O candidato pelo P.S.D.B. é o Presidente Nacional da legenda. Esta justificativa do Xico já deveria ter sido manifestada antes. Se houver segundo turno saberei tomar a posição que o momento exige. Carlos Edison Domingues

    ResponderExcluir
  13. Petista, Psdbista e oportunista. Quer é sonhar com uma boquinha e o bolso.

    ResponderExcluir
  14. Alkimin mostrou que era apenas a continuação de tudo o que está aí.

    ResponderExcluir
  15. PATRIMÔNIO DE BOLSONARO É INEXPLICÁVEL; CAI O MITO DO 'HONESTO'

    Bolsonaro declarou à Justiça Eleitoral ter pouco mais de R$ 2 milhões em bens no ano de 2014 contra R$ 826 mil em 2010; segundo declarações ao TSE, em apenas 4 anos (48 meses) ele aumentou o patrimônio em mais R$ 1,2 milhão; em artigo ao 247, o advogado Roberto de Aquino Neves aponta: "Ora, dividindo R$ 1.248.021,97 por 48 meses dá R$ 26.000,45, que é quanto o deputado Bolsonaro teria que juntar mensalmente, durante 4 anos"; ele acrescenta: a renda bruta de Bolsonaro no período era de R$ 38 mil; teria que viver com 1,5 salário mínimo mês para ter acumulado semelhante patrimônio

    4 DE OUTUBRO DE 2018 ÀS 11:22 // INSCREVA-SE NA TV 247 Youtube

    ResponderExcluir
  16. Xico Graziano, ligado às utopias da social-democracia, se afasta da esquerda de cabeça erguida, por que antes da gente ter uma ideologia pra viver é preciso não sentir vergonha de si mesmo e de nossa legenda partidária. Sozinho, em frente ao espelho do banheiro pela manhã, sempre me pergunto: sou um homem ou um rato? Minha consciência tem respondido que não preciso me preocupar com "ratoeiras".. ou mesmo com a PF tocando a campainha da porta. Graziano se mostra um homem. Parabéns a ele.

    ResponderExcluir
  17. PROGRAMA DE BOLSONARO FAVORECE EMPRESA DO 'POSTO IPIRANGA'
    REUTERS/Sergio Moraes

    O 'Posto Ipiranga' de Bolsonaro, Paulo Guedes, anunciado como virtual ministro da Fazenda com plenos poderes, preparou um programa de governo à medida para favorecer sua empresa, a Bozano Investimentos; todas as áreas em que a empresa investe são beneficiadas pelas propostas de Guedes; ele é como um jogador de futebol mitológico, capaz de bater o escanteio (fazer o programa de governo de Bolsonaro) e correr para cabecear e fazer o gol (para a Bozano Investimentos)

    4 DE OUTUBRO DE 2018 ÀS 07:46 // INSCREVA-SE NA TV 247 Youtube

    ResponderExcluir
  18. Bolsonaro destinou somente 0,3% do valor de suas emendas à segurança pública

    4 out 2018 - DCM

    Reportagem de Rubens Valente na Folha de S.Paulo informa que nos últimos quatro anos, Jair Bolsonaro (PSL-RJ) destinou como deputado federal só 0,3% do valor de suas emendas parlamentares ao Orçamento da União para a segurança pública, um dos temas mais frequentes no seu discurso de campanha.

    “Segurança, saúde e educação são nossas prioridades. Tolerância zero com o crime, com a corrupção e com os privilégios”, afirma o programa de governo do presidenciável registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), de acordo com a publicação.

    Dados obtidos pela Folha por meio da Lei de Acesso à Informação no Ministério do Planejamento revelam que, de janeiro de 2015 a agosto de 2018, Bolsonaro autorizou 103 emendas, no total de R$ 61 milhões. Desse montante, apenas R$ 200 mil foram destinados à segurança pública, uma ajuda para a Guarda Municipal da Prefeitura de Resende (RJ). Autorizado em 2018, o recurso não havia sido empenhado nem pago até agosto, completa o jornal.

    ResponderExcluir
  19. Bolsonaro cassa candidatura própria para favorecer Ratinho no Paraná:

    4 out 2018 - Blog do Esmael Morais

    A coligação que sustenta a candidatura de Jair Bolsonaro no Paraná — PSL-PTC-PATRI — cassou a candidatura própria do jornalista Ogier Buchi (PSL) ao governo do estado. Tal manobra visa ajudar no esforço de eleger Ratinho Junior (PSD) no 1º turno ao Palácio do Iguaçu.

    O apresentador Ratinho, do SBT, publicou há 10 dias um vídeo nas redes sociais anunciando apoio à candidatura de Bolsonaro. Em contrapartida, por óbvio, o candidato do PSL [Ogier Buchi] seria retirado da disputa para resolver a eleição do filho do apresentador já no 1º turno.

    A troca de apoios mútuos — Ratinho apoia Bolsonaro e Bolsonaro apoia Ratinho — fez uma vítima: Alvaro Dias (Podemos) que tinha recebido de Ratão no início da campanha.

    O ministro Jorge Mussi, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), acatou o pedido de cassação da candidatura própria de Ogier Buchi (coligação PSL-PTC-PATRI).

    Segundo tracking das principais campanhas do Paraná, faltam três pontos para a eleição ao governo do estado fechar já no domingo.

    ResponderExcluir
  20. Jornais do mundo alertam para risco Bolsonaro:

    04/10/2018 - Jornal GGN - Jornais pelo mundo dão o grito de alerta não escutado por setores brasileiros. Na Alemanha, que já se viu às voltas com o problema, jornais tratam o candidato do PSL de fascista a demagogo do deserto, e são unânimes em afirmar que nossa democracia está em risco. Argentina, África do Sul, Áustria, Australia, Chile, Espanha, Estados Unidos, França, Holanda, Índia, Itália, México, Moçambique, Peru, Portugal, Polônia, Qatar, Reino Unido e Suíça estampam o risco em manchetes de jornais. O Brasil fechará os olhos ao perigo? (...):

    ALEMANHA: ZEIT: Um Fascista Se Apresentando Como Homem Honesto; Der Spiegel: Jair Bolsonaro - ascensão de um populista de direita; Frankfurter Allgemeine: Alerta vermelho para democracia; Sueddeutsche: O demagogo do deserto é de repente uma nova estrela política no Brasil; Deutsche Welle: Analistas alemães veem democracia no Brasil em risco; Handelsblatt: O fascista popular (...)

    ARGENTINA: La Nacion: Linha dura e Messianismo: Bolsonaro, o candidato mais temido, se lança para a presidência; El Clarín: Jair Bolsonaro: militarista, xenófobo e favorito para a eleição brasileira (...)
    AUSTRALIA: News.Au: Seria este é o político mais repulsivo do mundo?
    Pensando que Donald Trump é ruim? Conheça o possível presidente brasileiro cujas crenças repulsivas chocaram o mundo; The Australian Conheça o Candidato que é um risco a democracia; (...)
    ESPANHA: El País: Bolsonaro é um Pinochet institutional para o Brasil; El Mundo: Lider Polemico. Bolsonaro: o candidato racista, homofóbico e machista do brasil; La Vanguardia: Bolsonaro: o Candidato Ultradireitista que canalizou a insatisfacao no Brasil; El Confidencial: Jair Bolsonaro: o “Le Pen tropical” que pode ser o próximo presidente do Brasil.

    ESTADOS UNIDOS: Revista Time: Jair Bolsonaro ama Trump, odeia pessoas gays e admira autocratas. Ele poderia ser o próximo presidente do Brasil; Fox News: Um olhar sobre os comentários ofensivos do candidato brasileiro Bolsonaro; HuffingtonPos: Jair Bolsonaro e o violento caos das eleições presidenciais no Brasil; Washington Post: Um político parecido com Trump no Brasil poderia ter o apoio de um poderoso grupo religioso: os evangélicos; The New York Times: Brasil flerta com um retorno aos dias sombrios; Financial Times: O "trágico destino" brasileiro de uma rebelião antidemocrática surge novamente: A raiva pública contra uma elite corrupta poderia precipitar outra revolta

    FRANÇA: Le Figaro: Brasil nas garras da tentação autoritária; Le Monde por Rádio França Internacional RFI; Trump tropical, homofóbico e machista; Liberation: No Brasil, um ex-soldado para liquidar a democracia (...)
    ÍNDIA: India Express: Deixe a polícia matar criminosos, diz o candidato presidencial do Brasil, Jair Bolsonaro
    ITÁLIA: La Republica: Bolsonaro, líder xenófobo e anti-gay que dá o assalto à Presidência do Brasil; Corriere della Sierra: Um pesadelo chamado Bolsonaro
    MÉXICO: La Jornada: Bolsonaro: O candidato Imprevisível; Milenio: Bolsonaro, o Neofascista que seduz o Brasil; El Universal: Militar de ultra-direita: um voto pelo passado? (...)
    PORTUGAL: O Público: Bolsonaro, o jagunço à porta do Planalto; Diário de Notícias: Jair Bolsonaro é perigo real no Brasil e segue passos de Adolf Hitler (...)
    QATAR (MUNDO ÁRABE): Al Jazeera: Milhares de Mulheres protestam contra Bolsonaro

    REINO UNIDO: The Economist (CAPA): A mais nova Ameaça na América Latina; The Times: Jair Bolsonaro, populista "perigoso" promete tornar o Brasil seguro; The Guardian: Trump dos trópicos: o candidato 'perigoso' que lidera a corrida presidencial do Brasil Dezenas de milhares dizem “ele não” ao principal candidato do Brasil; The Economist: Brasília, nós temos um problema: O perigo representado por Jair Bolsonaro (...)

    ResponderExcluir
  21. Você acredita em quem foi ou é do PT?

    Se é assim, você é "ovelha de presépio" ou sem cérebro.

    ResponderExcluir

Prezado leitor: o seu comentário é de sua exclusiva responsabilidade, conforme dispõe o Marco Civil da Internet. O fato de ser utilizado o anonimato, não o exime de responsabilidade, porque a qualquer momento seu IP pode ser levantado judicialmente e a identidade do autor surgirá de maneira clara. O editor apenas disponibiliza sua via, sua estrada, para que o leitor utilize-a, mas não tem qualquer responsabilidade em relação aos conteúdos aqui disponibilizados.