Imprensa repercute propinas pagas pela Toyo Setal para campanha de Dilma em 2010

Os noticiários de ontem nas principais TVs - Band e JN - também repercutiram amplamente o caso. 

Os principais jornais de hoje, como já tinham feito ontem os mais importantes sites, emissoras de rádio e de TV, repercutiram a notícia sobre a ligação da campanha de Dilma Rousseff com os recursos da operação Lava Jato, conforme revelação do depoimento de executivo da Toyo Setal em Curitiba.

. A Toyo Setal mostrou registros de depósitos no Brasil e no exterior, inclusive para a campanha de Dilma em 2010. Ontem, no Congresso, o senador Aloysio Nunes Ferreira exigiu investigações sobre as "doações" para a campanha do PT em 2014.

. A delação de Augusto Mendonça Neto, da Toyo Setal, publicada ontem pela Folha de S. Paulo, demonstra que ele admitiu ter mantido em 2008 uma reunião com o tesoureiro nacional do PT, João Vaccari Neto, na sede do diretório estadual do PT em São Paulo, quando disse que 'gostaria de fazer contribuições' ao partido. As doações foram feitas a pedido de Renato Duque', diretor da Petrobrás nomeado por interferência de Zé Dirceu e solto ante-ontem pelo ministro Teori Zavascki, que até agora não disse as razões que o levaram a soltar o acusado.

.  O dinheiro sujo foi fruto de propina, mas Vaccari  orientou o executivo a fazer doaçõe de forma legal. Ou seja, o PT aceitou as propinas como doação na forma da lei. Está lá, entre aspas, na página 8 do depoimento de Mendonça Neto.

- Leia, abaixo, de que modo continuado as empresas vinculadas a Toyo Setal pagartam as propinas para o PT. 

2 comentários:

  1. Parece que não resta dúvida pra Policia Federal, MP, PGR, STF e inclusive para o próprio PT que as empreiteiras assaltaram os cofres da Petrobrás (já confessaram). O incrível é que o objeto do roubo (propina) foi desviada para o PT na forma de doação. Na maior cara dura o Pt defende de que são doações oficiais. Será que esse partido acha que todo mundo é idiota, inclusive autoridades judiciais?

    ResponderExcluir
  2. Isso não dá processo de cassação do registro do partido?

    ResponderExcluir

Prezado leitor: o seu comentário é de sua exclusiva responsabilidade, conforme dispõe o Marco Civil da Internet. O fato de ser utilizado o anonimato, não o exime de responsabilidade, porque a qualquer momento seu IP pode ser levantado judicialmente e a identidade do autor surgirá de maneira clara. O editor apenas disponibiliza sua via, sua estrada, para que o leitor utilize-a, mas não tem qualquer responsabilidade em relação aos conteúdos aqui disponibilizados.