Sem condições políticas e morais, deputados aprovarão reajuste de 16% do piso estadual na terça-feira

A Assembléia do RS votará na terça-feira o projeto do governo que aumenta em 16% o piso salarial estadual.

. Depois que criou aposentadoria especial para os próprios deputados, nenhum deles terá coragem de votar contra o aumento despropositado. Estão sem condições políticas e morais para se opor ao Piratini.

. Tarso Genro sairá do governo como herói dos trabalhadores privados, já que os que governa não serão objeto do benefício. Aliás, Tarso não conseguiu sequer pagar o piso salarial nacional do magistério, lei que ele ajudou a assinar e não cumpriu.

5 comentários:

  1. Esse assunto de aumento não preocupa o próximo governador, SARTORI disse que desconhece o projeto de aposentadoria especial para deputados, talvez nem conheça também nenhum deputado estadual da atual legislatura, pela campanha ele aparesentou o pardido politico dele que é o RS, não pertence a nenhuma agremiação partidaria da atualidade.

    ResponderExcluir
  2. SE TENHO UMA FIRMA ABRO RAZÃO SOCIAL EM SANTA CATARINA, LEVO OS EMPREGADOS ASSINO CARTEIRA LÁ E TRAGO PARA TRABALHAREM AQUI.

    ResponderExcluir
  3. COMO DIZIA PABLO ESCOVAR:
    "- NÓS SOMOS BANDIDOS MAS CUMPRIMOS A PALAVRA"
    "- OS POLÍTICOS SÃO PIORES QUE NÓS PORQUE SÃO BANDIDOS E NÃO CUMPREM A PALAVRA".

    ESSE PABLO ESCOBAR ERA UM ANJO PERTO DOS POLÍTICOS BRASILEIROS.

    ResponderExcluir
  4. Ele sempre deixa a conta para que outros paguem.

    ResponderExcluir
  5. E ainda ganham e se aposentam pra isso!! Que representação legislativa de frouxos e incompetentes! Se é para todos concordarem com populismo que fiquem em casa e deem lugar para os outros que querem mudar a política!

    ResponderExcluir

Prezado leitor: o seu comentário é de sua exclusiva responsabilidade, conforme dispõe o Marco Civil da Internet. O fato de ser utilizado o anonimato, não o exime de responsabilidade, porque a qualquer momento seu IP pode ser levantado judicialmente e a identidade do autor surgirá de maneira clara. O editor apenas disponibiliza sua via, sua estrada, para que o leitor utilize-a, mas não tem qualquer responsabilidade em relação aos conteúdos aqui disponibilizados.