Governo Tarso prometeu 104 acessos asfálticos municipais e só entregou 14

Uma comitiva do governo do Estado viajou hoje para Lagoão, na Região do Alto da Serra do Botucaraí, nesta sexta-feira, onde fez a entrega simbólica de quatro acessos municipais asfaltgados.
Foram entregues os acessos a Canudos do Vale (ERS-424), Relvado (ERS-433), Água Santa (ERS-428) e a ligação entre Ibirapuitã e Nicolau Vergueiro (VRS- 810), obras executadas pelo Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer).

. A Famurs informou esta tarde ao editor que das 104 obras prometidas pelo governador Tarso Genro no Plano de Obras do do Estado, apenas 14 foram concluídas até agora. Dos 90 trechos restantes, 29 estão localizados em duas regiões do norte gaúcho, as mais prejudicadas.

Municípios da região do Norte do RS sem nenhum acesso asfáltico, conforme denúncia feita também hoje:

Barra do Guarita (Amuceleiro)
São Valério do Sul (Amuceleiro)
Sede Nova (Amuceleiro)
Dois Irmãos das Missões (Amzop)
Engenho Velho (Amzop)
Lajeado do Bugre (Amzop)
Novo Tiradentes (Amzop)
Pinheirinho do Vale (Amzop)
São José das Missões (Amzop)

São Pedro das Missões (Amzop)

9 comentários:

  1. Ora Políbio, é só um zero no meio eu fala. Como zero não vale nada, promessa cumprida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adivinhou meu comentário! Parabéns pra nosco! (dicionário linguístico lullastico)

      Excluir
  2. Em São Paulo Geraldo Alkimin resolveu essa situação cobrando um pouco mais de outorga das Estrada Pedagiadas para asfaltar ou melhorar as estradas vicinais em que saem as produções agrícolas dos pequenos municípios do Interior.O Tarso fez o contrário,desfez o que estava feito e criou uma empresa para gastar mais com a máquina pública e atender mal os usuários das estrada pedagiadas e deixou de atender aqueles municípios que necessitam de asfalto.PT promete uma coisa e faz outra,esse é o lema.

    ResponderExcluir
  3. Prometeu 104, entregou 14.
    Dos 14, tirando propinas fora dá
    para arredondar 10.
    E onde foi o dinheiro dos 90 que
    não foram feitos? Suiça, Litchtenstein, Monaco, uruguai, etc. Muita gente conhece este golpe dos petralhas.

    ResponderExcluir
  4. xi, o guvernadô vai dizê que foi erro de digitação na papelada onde prometia 104...

    enfiaram um "0" no meio do 14 só para sacaneá-lo...

    e provavelmente a culpa sera do FHC...

    ResponderExcluir
  5. O Brito era o pedágio, o Olivio era o caminha e o Tarso os buracos e as mentiras....Prefiro o Brito....

    Joel

    ResponderExcluir
  6. Ou seja: 13%!!!! Sempre esse 13, NÚMERO MALDITO!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  7. Já deve estar com pequenos lápsos de mamória , apenas confundiu os valores já que ambos terminam em quatro.....

    ResponderExcluir

Prezado leitor: o seu comentário é de sua exclusiva responsabilidade, conforme dispõe o Marco Civil da Internet. O fato de ser utilizado o anonimato, não o exime de responsabilidade, porque a qualquer momento seu IP pode ser levantado judicialmente e a identidade do autor surgirá de maneira clara. O editor apenas disponibiliza sua via, sua estrada, para que o leitor utilize-a, mas não tem qualquer responsabilidade em relação aos conteúdos aqui disponibilizados.