Até aliado deixa mal Antonio Palocci, sempre envolvido em negócios sombreados, desta vez com os enteados

Antônio Palocci, o ex-ministro da Fazenda de Lula e ex-ministro da Casa Civil de Dilma, foi alvo de uma aloprada quebra de sigilo fiscal feita pelo governo Agnelo Queiroz na semana passada. Ao tentar cobrar um imposto local sobre doações de bens ou dinheiro, o aliado Agnelo publicou no Diário Oficial do Distrito Federal o nome e o CPF de milhares de pessoas. A desastrada lista de 300 páginas — com nomes de ministros do Supremo e parlamentares — revela, por exemplo, uma doação de 105 165 reais de Palocci para dois enteados.

* Clipping www.veja.com.br, blog de Lauro Jardim

4 comentários:

  1. maioridade penal, pelo promotor do caso Bar Bodega:

    O procurador estadual Eduardo Araujo da Silva protagonizou um dos mais consagrados episódios da Justiça paulista.

    Em outubro de 1996 investiu contra o clamor da mídia e mandou soltar os meninos injustamente acusados de terem cometido o assassinato do casal de namorados no Bar Bodega.

    Foi alvo de ataques pesados da mídia, mas não recuou. Descobriu-se, depois, que os meninos tinham passado um mês presos e sendo torturados - e que jornalistas acompanharam essas torturas e mantiveram-se em silêncio cúmplice. A campanha da mídia fez com que os próprios colegas de Eduardo o pressionassem para manter a prisão, para evitar desgaste para a imagem do MP paulista.

    Ele resistiu bravamente.

    Tempos depois, foram descobertos os verdadeiros culpados e o caso Bar Bodega tornou-se um clássico da Justiça paulista.



    ResponderExcluir
  2. E o nome dos Ministros do Supremoe e outros Parlamentares, vc nao publica porque? Medo? E mais ou menos como o caso do Ze de la e do Ze de ca, ne? Coisa de jornaleiro gauderio e imparcial. Coitado do Barbosa Sobrinho que lutou pela atividade de jornalista. Morreu e, do ceu, assiste os "coleguinhas" atuarem como imbecis torcadores de clube de chutador de bola.

    ResponderExcluir
  3. Pô Daniel! Tá te cagando de medo e vem aqui agredir, como visitante na sala que não é tua!

    Vá procurar tua turma Daniel! Aqui não é o teu lugar. Mas se estais a mando do pinguço, diga-nos quanto quer de R$ pra sair fora, pra Cuba?

    ResponderExcluir
  4. Daniel?
    Se não me falha a memória este era o codinome utilizado pelo Zé Dir$eu.
    Será que o Zé Dir$eu é leitor do Jornalista Políbio Braga?

    ResponderExcluir

Prezado leitor: o seu comentário é de sua exclusiva responsabilidade, conforme dispõe o Marco Civil da Internet. O fato de ser utilizado o anonimato, não o exime de responsabilidade, porque a qualquer momento seu IP pode ser levantado judicialmente e a identidade do autor surgirá de maneira clara. O editor apenas disponibiliza sua via, sua estrada, para que o leitor utilize-a, mas não tem qualquer responsabilidade em relação aos conteúdos aqui disponibilizados.