Artigo, Douglas Sandri – Privatização da CEEE: uma questão moral

A rejeição, na Assembleia Legislativa, de uma proposta que visava encurtar o tempo para a convocação de um plebiscito sobre a privatização de estatais coloca ainda mais em evidência a questão que marcará o debate nestas eleições: o tamanho do Estado que suportamos pagar.

Aqui, discorro sobre a privatização da CEEE. A companhia amargou prejuízos de R$ 1,12 bilhão nos últimos três anos e, para manter a concessão, terá que investir R$ 2,6 bi até 2020. Não é novidade que a CEEE presta um péssimo serviço em sua área de 72 municípios, com 4,8 milhões de clientes. Ela é a 29ª de um ranking com as 33 maiores empresas do setor.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Nenhum comentário: